Quanto dura a bateria de carro?

A duração da bateria, seja equipando um carro usado ou zero quilômetro, pode variar por conta de uma série de fatores. Veja aqui todos eles

Por Boris Feldman 25/11/20 às 21h31
mecanico ajustando bateria do carro cofre motor
Bateria do carro (Foto: Shutterstock)

Quanto dura, em média, uma bateria? Sua durabilidade é a mesma num carro zero ou num mais usado? Na verdade, duração de uma bateria do carro é uma incógnita.

Porque varia em função da sua própria qualidade, do automóvel onde está instalada e dos cuidados que o motorista toma com o carro. Pode-se dizer que hoje, em média, num carro zero, a bateria dura de dois anos e meio a três anos.

No usado, pode durar o mesmo, mas aumentam as possibilidades de ter sua durabilidade reduzida. Porque o próprio sistema elétrico do carro vai perdendo eficiência e exigindo mais corrente da bateria.

Mas tudo é muito relativo, porque eu já tive, num carro novo, bateria que durou dois anos e meio. E no carro antigo, uma outra que resistiu bravamente sete anos até entregar os pontos!

mecanico ajustando bateria do carro cofre motor
Durabilidade da bateria no automóvel varia do usado para um novo (Foto: Shutterstock)
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
10 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
HAF 23 de janeiro de 2021

Complicado bateria durar em tempos de rodar com os farois acessos de dia… Lei completamente idiota, esses deputados estao promovendo a idiotizacao do motorista brasileiro, … So falta obrigarem a usar capacete dentro do automovel…

Avatar
nilson varone 25 de dezembro de 2020

bateria eliar branca tem 7 anos e meio perfeito num ford focs 2004

Avatar
Andrade 9 de dezembro de 2020

Esse Sr. Boris precisa se atualizar ou se aposentar.
Já não basta a vergonha que passou dizendo que a suspensão multi-link da nova Frontier não era multi-link, concedendo até um prêmio depreciativo para a caminhonete. O pior é que a explicação que ele deu era contraditória até com a sua afirmação.
Até hoje nenhuma retratação ou pedido de desculpas. Ficou por isso mesmo.

Avatar
Rodrigo 30 de novembro de 2020

Estou um pouco fora da curva. Comprei 2 carros em 2015, um em Julho (hoje com 60.000km’s) e outro em Maio (hoje com 9.200km’s) e ambos ainda estão com as baterias originais…

Avatar
joe 27 de novembro de 2020

ja comprei uma bateria que morreu no ultimo dia da garantia, fui trocar, e a nova que me deram durou quase tres anos!!!!

Avatar
joe 27 de novembro de 2020

da mesma marca!

Avatar
Rodolfo 27 de novembro de 2020

Meu record foi 5 anos em um carro que eu tinha (Gol 1.8AP ano 1990 – Gasolina) comprado em 2008 com 190.000 km e vendido em 2019 com 242.000 km. A bateria era uma Moura de 60 A.h.

Avatar
Rodolfo 27 de novembro de 2020

* corrigindo: Meu recorde de duração de bateria foi de 5 anos…

Avatar
Nanael 26 de novembro de 2020

Sem contar que a descarga completa costuma condenar a bateria convencional à sucata.

Avatar
Giovani Tagliari 26 de novembro de 2020

Felizmente nem sempre,trabalho com baterias,esses dias mesmo atendi um rapaz com um Corsa que iria trocar a bateria,testei seu veículo e constatei que seu alternador estava com problemas ,emprestei uma bateria para ele levar o carro na auto elétrica enquanto que a dele submetida a uma carga lenta por 24 hrs.
Resumindo:Bateria foi-me entregue com 6V depois que carreguei e testei estava estável em 12.4V e um CCA excelente de 390 sendo uma bateria de 2016 e de uma marca de 3 linha.

Avatar
Deixe um comentário