“Eu não jogo dinheiro no lixo!”

Há quem acredite que a revisão periódica é um desperdício de dinheiro. Mas na verdade é ao contrário, ignorá-la pode pesar mais o seu no bolso

A manutenção periódica pode evitar que seus gastos fiquem maiores
A manutenção periódica pode evitar que seus gastos fiquem maiores (Foto: Shutterstock)
Por Boris Feldman
04 de outubro de 2021 07:32

“Eu não jogo meu dinheiro no lixo e revisão periódica é conversa fiada! Só quando percebo que está pintando algum problema eu levo o carro para a oficina”.

Não são poucos os motoristas que falam essa besteira, porque a manutenção corretiva custa muito mais que a preventiva. Até se perceber, por exemplo, que tem algum problema na regulagem do motor,  já se rodou semanas ou meses pagando uma conta muito maior de combustível no fim do mês. Isto sim, é jogar dinheiro no lixo!

Na revisão periódica se percebe o desgaste das pastilhas, para evitar que cheguem ao “osso”. Se deixar para trocá-las quando  já acabaram e danificaram os discos, a conta aumenta muito pela necessidade de reparar (ou substituir) os rotores (discos).

VEJA TAMBÉM:

Outro bom exemplo são os filtros. Os de combustível custam relativamente barato, mas muito caro se um dia o carro parar na estrada por um deles entupido.

O de ar, se não substituído na hora certa, interfere no consumo de combustível. Filtro do ar ou de cabine custa muito menos do que uma consulta médica…

Você sabia que o AutoPapo também está presente em suas redes sociais favoritas? Clique e confira:

TikTok YouTube Facebook Twitter

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
4 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
José antonio Rebouças Pinho 4 de outubro de 2021

Concordo com tudo que disse só não aceito o valor abusivo dos serviços e peças nas concessionárias…

Avatar
Andre Rocha 4 de outubro de 2021

E é por isso que eu mesmo faço a manutenção do meu veículo! Troco filtro de óleo, ar, óleo do motor, filtro de combustível, pastilhas e disco. Só quando é algo que está fora do meu alcance, que envolve ferramental mais complexo, é que levo pra oficina.

Avatar
Nelson Pakchetti 4 de outubro de 2021

Eu comprei um nissan frontier 4 por 4 em 2018. Comprei outra mês passado. Vendi com 130 mil km e todas as revisões (13) feitas na revenda nissan ville. Em média 1.300 reais cada revisão e nesse tempo nem um pneu furou e nunca tive problemas. Não fazer revisão é coisa de idiota

Avatar
Rodolfo 4 de outubro de 2021

Conheci um muquirana que me disse:
– Óleo de motor não se troca, apenas se completa!

Avatar
Deixe um comentário