Picape Alaskan: “et alors, Madame Renault?”

A novela da Renault Alaskan com o Brasil parece estar próximo ao fim. Ao que tudo indica, picape deve chegar ao mercado nacional em breve

Renault Alaskan deve chegar ao mercado brasileiro em breve
Renault Alaskan deve chegar ao mercado brasileiro em breve (Foto: Renault | Divulgação)
Por Boris Feldman
01 de julho de 2021 21:32

Mais um capítulo da novela Renault Alaskan. O que é isso? Alaskan é uma picape Renault baseada no mesmo projeto que a Nissan Frontier, pois as duas empresas são parceiras numa aliança.

A Frontier que vem para o Brasil, produzida na Argentina, teria duas irmãs: a Renault Alaskan e a Mercedes Classe X. A marca alemã já enfiou a viola no saco, desistiu do projeto, e não quer mais saber de picapes.

VEJA TAMBÉM:

A Alaskan está pronta há tempos e, inclusive, exposta no último Salão do Automóvel de São Paulo. Mas os diretores da marca no Brasil estavam cheios de dúvidas, se traziam ou não a picape para o nosso mercado. E a Renault não nega nem confirma sua vinda. Mas agora circulou uma foto na internet de picapes Alaskan descendo de um navio num porto brasileiro. Et alors Madame Renault: vai continuar negando sua vinda?

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
4 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
elder 19 de julho de 2021

´so quero ver os preços absurdos ..

Avatar
Gustavo Martins 6 de julho de 2021

Reportagem equivocada como muitas outras que vem sendo publicada aqui.
A Renault, no ano passado, anunciou interesse em trazer a Alaskan para o Brasil, mas condicionou esse possibilidade à uma retomada da economia com um enfraquecimento da pandemia e a normalização de matéria prima no mercado.
No final do ano a marca informou que estava em curso um estudo de mercado para posicionamento do seu modelo, que poderia sofrer a concorrência da própria Frontier.
Em fevereiro deste ano a Renault informou que os estudos já estavam bem adiantados, mas dependia agora de acertos internos envolvendo acordos da parceria, que ainda estão em curso conforme anunciado pela imprensa nos últimos dias.
As unidades que chegaram aqui são para avaliação de adequação regional, testes e apresentação ao mercado que manifestará a sua aceitação ao modelo.
O site Autopapo está deixando de ser um veículo informativo sério há muito tempo, se transformando mais a cada dia num periódico de fofocas.

Avatar
Marcos José Benito 2 de julho de 2021

O que realmente deveria vir para o BR é uma versão atual do Fluence (Samsung SM3) ou as versões atuais do Megane. Mercado já esta saturado de pick-ups.

Avatar
Teles 2 de julho de 2021

Cachê , cachê , cachê……..

Avatar
Deixe um comentário