Quebra mato: ainda bem que a trapizonga sumiu do mercado

Colocado à frente do para-choque dianteiro, para dar um falso ar de robustez aos veículos, assessório deveria ser chamado de 'quebra e mata'

Por Boris Feldman 25/04/18 às 06h45
parachoque impulsao quebra
Quebra-mato para se colocar em picapes ou carros aventureiros na cor prata em detalhe (Foto: Shutterstock)

O quebra mato é um perigo para as pessoas ao redor. Uma verdadeira trapizonga que se torna uma arma fatal em um atropelamento. E, assim como o engate bola, deveria ser abolido de vez.

Na semana passada, um leitor do AutoPapo nos questionou a respeito daquele engate bola, que vai atrás do para-choque traseiro, que ele estava com dificuldade de encontrar e eu disse ainda bem, porque aquilo não presta para nada, dá falsa impressão de proteger o carro, mas compromete a sua estrutura se receber um impacto traseiro. E ainda rasga a canela do pedestre que passa desavisadamente por perto do carro.

Ele então disse que procurou, e também não encontrou, o quebra mato, aquela ‘trapizonga’ terrível que colocavam à frente do para-choque dianteiro, para dar um falso ar de robustez aos pretensos aventureiros do asfalto.

Aquilo devia ser chamado de quebra e mata, pois no caso de atropelar um pedestre, ele era quase que o tiro de misericórdia. No caso de uma criança, era fatal, pois acertava sua cabeça. Ainda bem que as fábricas tiveram o bom senso de sumir com esse monstro do mercado.

Quebra-mato para se colocar em picapes ou carros aventureiros na cor prata em detalhe
Quebra-mato deveria ser chamado de quebra e mata! (Foto: Shutterstock)
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
10 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Sir.Alves 16 de fevereiro de 2021

Parabrisas assassinos deveriam ser proibidos lei, assim os pobres pedestres que eventualmente fossem atropelados cairiam confortavelmente no assentos internos… Alias, para que carros na ruas? Se podemos ir confortavelmente em um onibus sem os streem do transito? Fiquem na paz.

Avatar
Wildner Arcanjo de Morais 27 de junho de 2020

Vamos abolir as placas dianteiras e traseiras de carros! Aquele material, com bordas cortantes, são um perigo aos desavisados e, em caso de colisão, quando arremessados, são como verdadeiras guilhotinas voando à toda velocidade!

Não é ironia não, é só uma forma ácida de se ver também um problema que só eu tenho, sem nenhum embasamento científico ou de engenharia!

Avatar
Jean 1 de novembro de 2018

Muitas críticas e pouca resolução dos problemas. Deveria se dedicar a resolver problemas como do engate bola e quebra-mato que ao meu ver é uma proteção a mais para o carro. Engenheiro resolve e pouco crítica

Avatar
Drci 9 de julho de 2018

Ele deve ter tido algum problema com esses assessorios, eu já tive carro que bateram na traseira dele e não teve danos graças ao engate, quanto alguma quebra mato me carro atual tem e já me foi muito útil.
.

Avatar
Alguém 9 de julho de 2018

Pra alguém acertar a canela no engate é necessário passar se esfregando no carro, ou muito próximo, correndo até o risco de arranhar o veículo, o povo tem que aprender a andar mais distante. Quanto a proteção dianteira, serve pra diminuir os danos causados por colisão, sempre tem um idiota que entra na frente e diz que quem bate atras está errado.

Avatar
Luan Moura 9 de julho de 2018

Quanta ignorância escrevendo, com toda certeza muito maior do que o escritor busca atingir com tal texto. O engate pode ser usado por muitos de maneira errada, mas a culpa por algum se machucar é principalmente da pessoa desatenta e quanto ao quebra mato, ele é uma peça que de necessidade só se tem no meio rural, por tanto deveria era reclamar do usuário e não dos acessórios, já que esses tem utilidade.

Avatar
Carlos 8 de julho de 2018

Como alguém tão desinformado pode comentar sobre automóveis.
O engate esférico serve para acoplar reboques e trailers na traseira dos automóveis.

Avatar
Ricardo 8 de julho de 2018

Sem o engate bola, como rebocar a carretinha?

Avatar
Dito 3 de junho de 2018

O engate bola ainda tinha a utilidade de quebrar placa e para-choques dos veículos estacionados atrás. Juro que não entendo como era permitido a quem não tinha uma carretinha para justificá-lo.

Avatar
Madc 8 de julho de 2018

Simplesmente porque o reboque ou carreta não tem a sua placa acoplada a um veículo podendo ser acoplado em qualquer veículo que tenha a bola que por sinal se chama engate , desde que o engate esteja de acordo com o ctb, é pra falar a verdade eu nunca ouvi falar de alguém que tenha rasgado a canela no engate de reboque , acho que isso foi um jeito de encarecer um equipamento que por sinal é bem util

Avatar
Deixe um comentário