Ferrari F40 fica completamente destruída após pegar fogo no Japão

Apesar dos esforços dos bombeiros, superesportivo ficou completamente destruído; causa do incidente ainda não foi apurada

Por AutoPapo 10/05/21 às 13h36
ferrari f40 pegando fogo no japao
Ferrari em chamas em rodovia japonesa (Foto: Reprodução | Twitter @emanuel_E90M3)

A Ferrari F40 é considerada por muitos o melhor carro já feito pela fabricante italiana. Apenas 1.315 unidades do superesportivo italiano foram produzidos, mas, agora, há um menos nas ruas: um incêndio destruiu um exemplar no Japão.

No último sábado (8) a F40 estava sendo conduzida por uma estrada local, quando o casal dentro do carro notou fumaça saindo do compartimento do motor, levando-os a encostar. Logo depois, o fogo tomou conta da Ferrari.

Veja o vídeo:

VEJA TAMBÉM:

Como é possível ver, quando os bombeiros chegaram, a Ferrari F40 já estava tomada pelas chamas e não sobrou muito mais do que ferro retorcido quando elas foram apagadas.

As causas do incêndio ainda não foram apuradas, mas os dois ocupantes não tiveram ferimentos.

Lançada em 1987, a Ferrari F40 foi construída para ser um “carro de corrida para as ruas” e incorporou muitas tecnologias usadas pelos italianos na Fórmula 1.

A Ferrari F40 é equipada com um motor V8 2.9  biturbo de de 478 cv de potência e 58,8 kgfm. Ela é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 4,1 segundos e atinge a velocidade máxima de 324 km/h.

Restauração é possível?

No ano passado, outra F40 também pegou fogo – o incidente aconteceu em Mônaco. Meses depois, foi iniciada a restauração do modelo. Esses serviços em carros clássicos e icônicos após esse tipo de situação não são raras: afinal, o preço deles ultrapassa os milhões de reais, na maioria das vezes. Ou seja: é caro consertar, mas, mesmo assim, vale a pena.

ferrari f40 em restauração na oficina
F40 destruída em Mônaco no ano passado em processo de restauração (Foto: Reprodução | Ferrari Owners Club NL)
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário