Honda e Sony vão criar nova empresa de carros elétricos

Relação entre Honda e Sony está se intensifica e as gigantes japonesas pretendem criar nova empresa voltada para os carros elétricos

sony vision s
Protótipo Sony Vision-S sedan (Foto: Sony | Divulgação)
Por Bernardo Castro
08 de junho de 2022 17:05

A Honda e a Sony mostraram que tinham planos de se unir em prol de um objetivo comum, quando assinaram um memorando, em março deste ano, que previa uma joint venture para a produção e vendas de carros elétricos e para a prestação de serviços de mobilidade.

Contudo, a aliança entre as duas gigantes japonesas não será apenas uma simples parceria. De acordo com o presidente e executivo-chefe da Sony, Kenichiro Yoshida, as duas partes concordaram em criar uma nova entidade completamente separada das atuais operações da marca de tecnologia e de automóveis.

VEJA TAMBÉM:

Compartilhamos a opinião de que é melhor tornar a joint venture independente, a longo prazo, em vez de colocá-la sob a responsabilidade da Sony ou da Honda.

Embora tenha mencionado que a joint venture pode ter uma oferta pública inicial de ações, Yoshida não revelou nenhum detalhe sobre o plano. No anúncio feito no primeiro trimestre, a previsão era construir o primeiro carro elétrico até 2025.

Apesar da união entre Honda e Sony parecer estranha, faz bastante sentido. Afinal, cada uma vai contribuir com o que sabe fazer melhor: a Honda vai ser responsável pela criação e produção dos automóveis, enquanto a Sony, por sua vez, será encarregada da parte de softwares e sistemas de entretenimento.

Ainda não foi divulgada nenhuma informação a respeito do primeiro veículo produzido por essa nova empresa. Uma possibilidade é que ele tenha características dos modelos conceito Vision-S, criados pela Sony.

O Vision-S tem versões SUV e sedan, e foram desenvolvidos com a contribuição de grandes nomes, como Bosch, Nvidia e Qualcomm, por exemplo.

No papel, o os protótipos são interessantes e, caso realmente viessem a ser produzidos, o SUV chegaria às ruas impulsionado por dois motores elétricos que, juntos, fornecerm 536 cv de potência. O sedan, por sua vez, teria uma potência de 268 cv.

A Honda vai fechar as portas no Brasil? Que história é essa?

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário