Ford inicia produção dos motores da Ranger na Argentina

Unidades turbodiesel V6 e 2.0, que eram importadas da Inglaterra e Índia passam a ser produzidas na planta de General Pacheco

linha de montagem ford ranger coronel pacheco
A Ford investiu mais de R$ 600 milhões na planta de Pacheco, para produzir a atual geração da Ranger (Fotos: Ford | Divulgação)
Por Felipe Boutros
De Buenos Aires | Argentina
Publicado em 14/06/2024 às 08h03

A Ford iniciou a produção dos motores diesel V6 3.0 e 2.0, da nova geração da Ranger, na unidade de General Pacheco, na Argentina. Até então, os blocos eram fabricados na Inglaterra e Índia, respectivamente.

VEJA TAMBÉM:

Para receber a linha de produção dos motores da Ranger, a Ford fez uma completa reformulação de parte das suas instalações, onde antes era fabricado o propulsor de 5 cilindros que equipava a geração anterior da picape.

A mudança para a planta portenha não altera drasticamente o índice de nacionalização do motor, mas tem como foco o aumento do controle de qualidade dos blocos. “A melhoria contínua dos nossos produtos e da nossa competitividade é chave para o negócio da Ford na região. Desde o seu lançamento, a Nova Ranger avançou em todos os indicadores. A qualidade é um grande diferencial do produto, que impacta diretamente na satisfação dos nossos clientes”, aponta o presidente da Ford América do Sul, Martín Galdeano.

Além disso, a montagem local dos motores faz parte do investimento milionário que a Ford aplicou em Pacheco, na ordem de R$ 660 milhões. Com a modernização, a fábrica de motores do complexo industrial passou a ter capacidade para 82 mil unidades anuais. Ou seja, não há porque comprar motores dos britânicos e indianos.

Padrão de qualidade

A preocupação com o padrão de qualidade da Ranger tem grande fundamento. A picape é o único produto produzido pela Ford na América Latina e responsável pela grossa maioria das vendas na região.

Desde 1996, a Ford produziu mais de 1 milhão de unidades da picape. O Brasil, que é o principal mercado da Ranger na América Latina emplacou, só em 2023, mais de 20 mil unidades, segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

ford ranger xls 2 0 4x4 2024 preto gales frente em estrada enlameada
Nova geração da Ranger redefiniu o segmento de picapes médias 

O volume da picape no mercado brasileiro correspondeu a dois terços de tudo que a Ford emplacou em 2023. Este ano, de janeiro a maio, a picape licenciou 9.407 unidades, ficando atrás apenas de Toyota Hilux e Chevrolet S10, no segmento de médias.

“No Brasil, a Ranger foi a picape que mais cresceu em 2023, com um avanço de 42,5% e mais de 20.000 unidades. E este ano, até maio, as vendas subiram 41%, somando mais de 9.700 unidades”, analisa o diretor de Vendas da Rede Ford, Pedro Resende.

A Ford Ranger

A Ford Ranger passou por uma reformulação completa em 2023. A picape ganho nova carroceria, mais moderna, maior e mais larga. O ganho de tecnologia criou um novo patamar no segmento de picapes. Itens como quadro de instrumentos digital e um imenso multimídia são praticamente ficção na maioria das médias.

O incremento de assistentes de condução e o comportamento do novo motor turbodiesel V6 de 250 cv e transmissão automática de 10 marchas obrigou suas rivais a inovarem. A Chevrolet atualizou a S10, que aumentou a potência do bloco 2.8 para 207 cv e ainda instalou uma nova caixa de oito marchas. A Toyota lançou a versão SRX Plus, com bitolas alargadas, assim como pacote de assistentes de condução.

A Ranger é oferecida em sete versões (além da esportiva Raptor), com valores que variam de R$ 240 mil a R$ 350 mil.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify YouTube PodCasts YouTube PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
SOBRE
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário