Novo Peugeot 208: tecnologia é um dos diferenciais do hatch

Confira os atrativos tecnológicos mais legais que a segunda geração do compacto da marca francesa oferece aos consumidores

Por AutoPapo 30/10/20 às 13h18
CONTEÚDO PATROCINADO
novo peugeot 208 azul dianteira detalhe 1
Peugeot 208 (Foto: Peugeot | Divulgação)

O novo Peugeot 208 chegou com um design de arrebatar corações. Moderno e arrojado, o hatch traz um visual único e que promete mudar parâmetros na categoria de compactos. Mas a segunda geração do modelo está longe de ser apenas um rostinho bonito.

De carona, o carro chegou com bastante tecnologia embarcada, com destaque para o Peugeot Driver Assist, o pacote de equipamentos de assistência ativa à condução mais avançado do segmento.

lateral do novo peugeot 208 branco

Alerta de colisão e frenagem de emergência

Um dos itens de tecnologia de auxílio a condução mais importantes para a segurança é um dos principais equipamentos do novo 208 e faz parte do revolucionário pacote Peugeot Driver Assist.

Por meio de câmeras e radares, o dispositivo monitora tudo que se passa à frente do veículo e pode até pará-lo para evitar ou minimizar um acidente.

VEJA TAMBÉM:

Ao perceber a iminência de um atropelamento ou batida em outro veículo, o sistema emite dois níveis de alerta. No Nível 1, é disparado um aviso visual no quadro de instrumentos para chamar a atenção do motorista. A mensagem recomenda que o condutor fique atento, enquanto a área ao redor do veículo é exibida.

Entenda como o sistema entra em ação: veja o vídeo.

Se o motorista não reagir, o Nível 2 do Alerta de Colisão do novo Peugeot 208 emite uma advertência visual e sonora para indicar o risco de acidente. Então, uma mensagem para que o motorista acione o freio é exibida.

Mas o aparato de segurança do hatch vai além. O novo Peugeot 208 também dispõe do sistema automático de frenagem de emergência. De forma autônoma, ele entra em ação para reduzir a velocidade de impacto ou evitar uma colisão frontal do veículo. Caso o motorista não consiga reagir, o equipamento ativa sozinho a frenagem do carro em velocidades entre 5 km/h e 8o km/h.

Quadro de instrumentos 3D

painel 3d peugeot 208

Painel digital você já deve ter visto por aí, mas o novo Peugeot 208 também ultrapassou o óbvio nesse quesito. O hatch vem com quadro de instrumentos com efeito tridimensional. É como se você estivesse em uma sessão de cinema em 3D, só que sem o óculos. Tudo dentro do consagrado conceito de i-Cockpit, que a marca francesa estreou em 2010, no carro-conceito SR1.

Usando tecnologia holográfica, o i-Cockpit 3D projeta em destaque algumas informações do cluster, como se estivessem mais próximas dos olhos do motorista. As indicações são dinâmicas e animadas, e variam conforme o grau de importância ou urgência.

O painel de instrumentos 3D possui 5 modos de visualização diferentes, entre eles 2 totalmente customizáveis pelo condutor.

Alerta e correção de mudança de faixa

Outra tecnologia de assistência ao motorista do Peugeot Driver Assist que evita acidentes e distrações ao volante. Também através de câmeras, o sistema reconhece e monitora as faixas de rolagem da rua ou estrada – contínuas ou seccionadas.

Se o motorista invade involuntariamente uma pista sem acionar a seta indicadora de direção, ele é alertado por um alarme sonoro e também visual, no painel de instrumentos.

Veja no vídeo como o sistema funciona:

Além disso, para evitar um possível acidente, o equipamento também atua diretamente na direção para corrigir a trajetória do veículo. Assim que o sistema identifica um risco de ultrapassagem involuntária de uma das linhas de marcação detectadas no solo, o volante é levemente esterçado para a direção contrária para manter o 208 na pista correta.

Reconhecimento de placa

reconhecimento placa peugeot 208

Mais um item do Peugeot Driver Assist que merece destaque em meio à tanta tecnologia embarcada no novo 208. A câmera que monitora os veículos à frente e a faixa da pista também lê placas de velocidade. Isso mesmo. E não só lê, como projeta as informações no painel de instrumentos 3D para o motorista não ultrapassar os limites.

O dispositivo funciona em conjunto com o sistema de navegação e pode atuar também com o limitador de velocidade do carro. Desta forma, a máxima permitida na via exibida no quadro de instrumentos é atualizada quando o 208 passa por uma placa destinada a automóveis de passeio.

E o motorista ainda pode optar por adaptar a regulagem da velocidade do veículo em função do limite da placa lido pela câmera. Basta acionar um botão no comando do regulador de velocidade que o sistema ajusta o piloto automático na velocidade sugerida, ou, no caso do limitador, impede que o carro ultrapasse aquela marca em km/h, o que evita multas indesejadas.

Carregador de smartphone sem fio

carregador_wireless_208

O novo Peugeot 208 ainda proporciona comodidade. Nada de plugar cabos para carregar o celular dentro do carro. A segunda geração do hatch traz o prático carregamento sem fio, item raro até mesmo em modelos de marcas consideradas de luxo pelo mercado.

Mas como funciona? Basta posicionar o smartphone (compatível com essa tecnologia) na área de recarga em um espaço abaixo do painel central do novo 208. Por meio de indução magnética, a energia carrega a bateria do celular automaticamente.

Versão elétrica

peugeot 208 e gt

A nova geração do belo compacto da Peugeot ainda traz um diferencial na linha. Trata-se da versão esportiva 100% elétrica, o Peugeot 208 e-GT. Essa configuração já está em pré-venda e as primeiras entregas do modelo ocorrem no início de 2021.

O hatch 100% elétrico é equipado com um conjunto de baterias de 50 kWh, que abastece o motor de 136 cv de potência e 26,5 kgf.m de torque imediato.

Segundo a marca francesa, o Peugeot 208 e-GT cumpre o 0 a 100 km/h em 8,1 segundos e tem autonomia de até 340 quilômetros (ciclo WLTP). Já a recarga rápida de 80% da bateria é feita em apenas 30 minutos com carregadores tipo WallBox.

O lançamento traz, ainda, o conceito “Power of Choice”: para a Peugeot, a relação entre as pessoas e os carros deve ter como princípio, sempre, o prazer de dirigir, independentemente das tecnologias que venham a ser aplicadas nos automóveis no futuro.

E, por isso, segundo a marca francesa, o consumidor brasileiro também poderá escolher a sua motorização, à combustão, ou elétrica, sem precisar, para isso, abrir mão do estilo ou apostar em um modelo com carroceria “exótica”.

Visiopark 180º

A modernidade e segurança do novo Peugeot 208 estão presentes também na hora de estacionar. O VisioPark 180° é uma câmera de ré que gera imagens completas do entorno do veículo num ângulo de 180º, proporcionando maior controle visual para o motorista quando for estacionar.

O VisoPark 180º também possui 3 tipos de visualização diferentes, que podem ser acessados via central multimídia.

Confira o dispositivo em ação

Detector de fadiga

Mais um item de segurança importante do novo Peugeot 208. O carro entende quando o motorista pode estar disperso e sonolento. Isso mesmo. O sistema monitora o comportamento do condutor e o tempo de viagem.

Ao dirigir por mais de duas horas a uma velocidade superior a 65 km/h, ele emite alertas no i-Cockpit 3D, lembrando o motorista de fazer uma pausa para descanso.

Auxílio de farol alto

Trata-se de um equipamento que otimiza o uso do farol alto e prioriza a segurança do motorista do 208 e de outros condutores. A função pode ser ativada na central multimídia e faz com que a câmera de vídeo situada no alto do para-brisas faça a análise das fontes luminosas a frente do carro.

O sistema alterna automaticamente o facho entre luz alta e luz baixa, dependendo das condições do trânsito e de iluminação. Se estiver em uma estrada mal iluminada, por exemplo, ele aciona o farol alto. Se um carro vem na direção contrária, o equipamento automaticamente baixa o facho, e volta com a luz alta após a passagem do veículo.

3 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Luciano 31 de outubro de 2020

    Peugeot é cheio de tecnologia e design, mas prepare-se para ser sócio de oficina. Mecânica muito cara, dá muito problema mesmo e coisas de engenharia a la Organizações Tabajara.

  • Avatar
    Alan 31 de outubro de 2020

    Tanta tecnologia embarcada num carro que só tem freio a disco nas quatro rodas na versão elétrica?

    Só brasileiros mesmo pra aceitar e desembolsar tanto dinheiro em carros com freio a tambor.

Avatar
Deixe um comentário