Etanol na gasolina 25% ou 27%? E nas de alta octanagem?

A proporção de etanol na gasolina há algum tempo gera dúvidas na cabeça de muitos proprietários de automóveis. 25% ou 27%?

Por Boris Feldman14/05/18 às 06h50

A proporção de etanol na gasolina há algum tempo gera dúvidas na cabeça de muitos proprietários de automóveis. 25% ou 27%? E, será que dá para fugir dessa mistura abastecendo com as gasolinas de alta octanagem?

[TRANSCRIÇÃO]

Afinal, perguntam vários proprietários de automóveis, qual é o percentual de etanol na gasolina brasileira? Porque há quem diga 25%, há quem diga 27%. Não que a diferença seja significativa, mas afinal, quando se compra um litro de gasolina imagina se está recebendo este combustível e não o derivado da cana-de-açúcar, que tem o poder energético inferior ao da gasolina.

E, oque acontece na verdade é que a gasolina brasileira tem dois percentuais: 25% e 27%. A gasolina do tipo Premium, com maior octanagem, a Podium da Petrobrás, a Octapro da Ipiranga, a Shell Racing essas tem 25% de etanol. Já a gasolina simplesmente aditivada, ou a comum, essa tem 27% de álcool.

A proporção de etanol na gasolina
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
4 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    hering charles 30 de janeiro de 2020

    Esse artigo esta com cara de anúncio.

    • Avatar
      Luciano 18 de fevereiro de 2020

      Cara de anuncio porque ? Porque ele citou o nome das gasolinas podium ? Vá aprender a interpretar um texto, sua interpretação é muito ruim.

      • Avatar
        FERNANDO LIBERO 5 de agosto de 2020

        Podium é da Petrobras e octapro é da ipiranga, quem não sabe ler é vc

  • Avatar
    rogerio lima tompson 1 de outubro de 2019

    É interessante quando se faz uma matéria assim colocar o número da lei/resolução que cuida do assunto.

Avatar
Deixe um comentário