Direção hidráulica x elétrica

Direção hidráulica e elétrica; Ambas facilitam a vida do motorista, mas cada uma possui suas características negativas e positivas

Direção elétrica e hidráulica facilitam a vida do motorista, mas têm suas desvantagens
Direção elétrica e hidráulica facilitam a vida do motorista, mas têm suas desvantagens (Foto: Montagem AutoPapo | Ernani Abrahão)
Por Boris Feldman
11 de março de 2022 07:32

Durante muitas dezenas de anos o esforço do motorista ao volante era aliviado pela direção hidráulica, que funcionava bem, mas era cara, complexa e exigia manutenção por ter um reservatório com fluido que às vezes vazava.


Surgiam problemas e ainda roubava uma razoável potência do motor, além do desgaste de alguns de seus componentes.

Mas a maioria dos automóveis modernos já dispõem de um sistema muito mais simples e barato: a direção elétrica.

E muito mais eficiente, pois, ao contrário da direção hidráulica, só rouba potência quando o volante está sendo acionado, mas não quando o carro está em linha reta.

VEJA TAMBÉM:

A única desvantagem da direção elétrica é provocar alguns ruídos metálicos, quase inaudíveis, mas que não existem na direção hidráulica, pois são abafados pela presença do fluído entre seus componentes metálicos.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Eduardo 18 de março de 2022

Possuo um VW Parati ano 95 , “queixo duro” , e não tenho do que reclamar da caixa mecânica. Manter direção alinhada e pneus calibrados é fator determinante. Só dá um pouco de trabalho pra balizar . De resto, direção precisa e mais eficiente no quesito torção.

Avatar
Deixe um comentário