Dirigir com o tanque quase vazio estraga a bomba de combustível?

Tá de novo circulando a informação de que você não deve rodar com o tanque de combustível quase vazio, por causa da bomba. Seria isso mais uma lenda?

tanque reserva gasolina
Por Boris Feldman
15 de dezembro de 2018 07:30

Com o preço do combustível nas alturas, muita gente roda até quase esgotar a gasolina ou etanol no tanque. O que essa atitude interfere na bomba de combustível?

[TRANSCRIÇÃO]

Essa internet é uma insuperável fonte de informações falsas, erradas. Quanto mais a gente contesta e explica que não é bem assim, mais a internet dá uma volta e aparece dois, três, seis meses depois com o mesmo alerta falso, que preocupa todo mundo. No setor do automóvel é uma atrás da outra.

Está circulando novamente a informação de que você não pode andar com seu tanque vazio, quase acabando, abaixo de um quarto de sua capacidade. Dizem que é porque a bomba de combustível não terá nem gasolina ou etanol em volta, então ela deixará de ser refrigerada e queimará. Mas, isso é besteira, é conversa pra boi dormir!

A refrigeração da bomba é interna, é o combustível que ela puxa, que passa em seu interior que não a deixa esquentar, nem queimar. Ou seja, se tem ou não tem combustível em volta dela externamente, tanto faz, não muda nada. O único cuidado que se deve tomar é não deixar o combustível chegar lá embaixo e a bomba puxar as últimas gotas. Porque, assim, virá junto aquela sujeirinha que vai se acumulando no fundo do tanque e que acaba entupindo o filtro, e a bomba deixa de funcionar.

dirigir com o tanque quase vazio
Dirigir com o tanque quase vazio | Shutterstock

Você sabia que o AutoPapo também está presente em suas redes sociais favoritas? Clique e confira:

TikTok YouTube Facebook Twitter

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
5 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Antonio Donizeti Martins 14 de fevereiro de 2019

Nunca concordei que “aquela sujeirinha” do fundo do tanque sai nas últimas gotas. E quando você abastece ou está com o carro em movimento, balançando, a “sujeirinha” não estaria surfando dentro do tanque para ser captada e levada até o motor ? Gostaria que alguém comentasse, pois se você balançar um balde de água com sujeira no fundo, você sabe o que acontece. Aí independe de onde está a captação, se em cima, se embaixo.

Avatar
Gilberto 3 de março de 2019

Antonio, faz sentido o seu raciocínio, sem contar que o carro balança bastante enquanto você está dirigindo. Considerando que você está com o tanque com pouca gasolina, acredito eu que, a sujeirinha vai ser puxada pela bomba.

Avatar
Daniel 13 de agosto de 2019

Não posso ir contra o que disseram porque é verdade,mas nós mecânico desmontamos bombas e o tanque muita das vezes tem que ser removido pra se lavar com uma vap pois contém muita sujeira.
Então não descarta a possibilidade.
Mecânica é uma aula todos os dias
Pois a teoria é uma mas a prática e completamente diferente

Avatar
Gutto 17 de dezembro de 2018

No manual do Gol e do Polo novo fala pra nunca deixar menos de 1/4 de combustível, quem desenvolveu estes carros são engenheiros e eles sabem o que ocorre se deixar o tanque sempre vazio.

Avatar
Sergio 8 de março de 2019

Obrigado por ter avisado. Assim aproveito e deleto esses carros da minha lista de possíveis interesses futuros.

Avatar
Deixe um comentário