Golf GTE, híbrido, vai substituir o esportivo GTI no Brasil

Versão esportiva GTI era a única ainda produzida no Brasil; para substituí-la, Volkswagen vai lançar Golf híbrido com tecnologia plug-in

Por Boris Feldman 11/10/19 às 06h15
golf gte 21

Duas novidades na linha Volkswagen Golf: a primeira é que ele deixa definitivamente de ser produzido no Brasil. No início deste ano, a Volkswagen anunciou que só permaneceria disponível a sua versão esportiva, o Golf GTI: as outras estavam descontinuadas.

Agora, cai do telhado o Golf GTI e entra no seu lugar uma versão importada da Alemanha, o Golf GTE, que se trata de um híbrido plug-in. Ou seja, você deixa ele carregando durante a noite e todo dia você terá bateria para rodar cerca de 50 a 60 quilômetros.

Isso significa que, para quem não roda mais que isso diariamente, ele é um puro elétrico, até que uma viagem ou um passeio mais longo exija a entrada do motor a gasolina. E, por curiosidade, a soma da potência dos dois motores do GTE chega a 204 cavalos. Quase a mesma do finado GTI.

golf gte 23
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Fabio renato marques 11 de novembro de 2019

Finado Gti. Nao entendi. Apenas parou de fabricar no brasil !!!!!!!

Avatar
Deixe um comentário