Legislação sobre cumprimento do recall fica mais rigorosa em 2020

Os proprietários que não levarem seus carros para fazer o recall gratuito na concessionária terão um aviso no recibo de compra e venda

Por Boris Feldman 18/01/20 às 16h30
documento carro recall

Entra em vigor este ano a legislação que começa a apertar o cerco contra os motoristas que não levam seus automóveis ao recall para reparar, gratuitamente, algum item de segurança. Os carros que não forem levados à concessionária terão esse registro no recibo de venda. O objetivo é alertar o futuro proprietário que há um problema de segurança neste veículo.

Para evitar essa mancha no histórico, procure saber se o seu carro está incluído em algum recall. Veja aqui a lista de recalls por marca e modelo em 2020 ou no aplicativo Papa Recall. O app passa a monitorar seu carro e informar caso ele seja incluído num próximo reparo.

Não se esqueça que mesmo levando o carro para o conserto para tirar esse registro do documento, ele só vai sumir no próximo ano, na emissão do novo documento. Se você quiser apagá-lo imediatamente, terá que pagar as custas ao Detran.

iStock 808760672 recall
Recall road sign
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário