Fluido manda o freio para o beleleu…

Muitos condutores se esquecem de trocar o fluido de freio do veículo, que possui prazo de validade, e acaba se colocando em perigo

o fluido de freio, em geral, deve ser substituído a cada dois anos
o fluido de freio, em geral, deve ser substituído a cada dois anos (Foto: Jeep | Divulgação)
Por Boris Feldman
09 de novembro de 2021 21:32

Existem componentes do automóvel que o motorista, mesmo que não entenda nada, tem a percepção de que devem ser substituídos pois seu desgaste se faz por atrito: mais dia, menos dia, acaba!

Os pneus são um bom exemplo, pastilhas ou lonas de freio, também. Assim como o disco de embreagem. Entretanto, a substituição dos líquidos é tão importante quanto, apesar de se constatar um certo desleixo do motorista neste item.

Um deles, literalmente questão de vida ou morte, é o fluido do freio. Que tem substituição prevista pelo fabricante, em geral, a cada dois anos. Mas a maioria dos motoristas não sabe que ele é higroscópico, ou seja, absorve a umidade do ar que vira gotículas de água junto ao fluido.

VEJA TAMBÉM:

Quando isso ocorre, e em situações extremas de uso do freio, a temperatura sobe excessivamente. E aí, o fluido do freio não ferve, mas a água sim: vira bolhas…

E a eficiência do sistema de freios vai para o beleléu.

Você sabia que o AutoPapo também está presente em suas redes sociais favoritas? Clique e confira:

TikTok YouTube Facebook Twitter

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
11 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
RICk Santana 15 de novembro de 2021

É raro alguém trocar óleo de freio é contudo nunca vi causar problema!!

Avatar
Raimundo Santana 15 de novembro de 2021

Estão fabricando produtos de pior qualidade ao invés de melhorar…
Sinais do tempo

Avatar
Edson Barbosa de Araujo 14 de novembro de 2021

O fluido deve ser trocado a cada 12 meses ou 10.000 km.
Edson Freiozao

Avatar
Zeniti Nakano 12 de novembro de 2021

Não é só o problema do fluído de freio absorver a umidade do ar, mas também fuligem, as duas vezes que fui substituir o fluído de freio do sistema, sempre fico surpreso ao ver a quantidade de fuligem que fica no fundo do reservatório do fluído de freio e tenho que retirar o componente pra fazer a limpeza antes de colocar o fluído novo

Avatar
Jairo 10 de novembro de 2021

Antigamente oleo de freio não tinha nada de validade,eu tive 5 ou 6 carros abaixo de ano 2000, fusca corcel kdet,e outros,nunca troquei óleo só completava e os freio nunca faltou e sempre funcionou bem vai intender.

Avatar
Matheus 13 de novembro de 2021

O fato de ter a necessidade de completar já era um sintoma que a manutenção preventiva do sistema não estava correta.

Avatar
Matheus Jorge 13 de novembro de 2021

Não podemos esquecer das mangueiras dos fluidos que com o tempo ressecam ou podem estar em atrito com a torre do amortecedor vindo a furar e causar perda do fluido rapidamente

Avatar
Evaldo Afonso dos Santos 13 de novembro de 2021

Tem que trocar sim! Após algum tempo de uso, o Fluido de Freio que ferve a +/- 240°C, com a absorção de água, passa a ferver a +/- 130°C. Troque pra ver a cor do Fluido após 2 anos de uso. Originalmente clarinho, ele sai preto.

Avatar
Thiago 13 de novembro de 2021

Além da redução do ponto de ebulição, tem também o problema da corrosão que passa a ocorrer quando o fluido fica muito velho. Hoje em dia os carros estão saindo com abs, imagina ocorrer danos no módulo do abs por causa da corrosão nele ou da sujeira proveniente da corrosão em outras partes? Melhor trocar mesmo

Avatar
THIAGO 13 de novembro de 2021

Errou no final. Os fabricantes de fluido mencionam que vai caindo o ponto de ebulição com a absorção de água. Com isto, é de se presumir que a mistura água e fluido “ferve”. Mas como substâncias com pontos de ebulição diferentes evaporam juntas? Quando é uma mistura azeotrópica.

Avatar
Edson Barbosa de Araujo 14 de novembro de 2021

Nunca se atentou para isso, o fundo do reservatório fica enlameado com o tempo é perde sua viscosidade. Sendo assim trás prejuízo ao sistema pois sacrifica o cilindro mestre, quando não obstroi o sistema abs quando o carro o tem.

Avatar
Deixe um comentário