Brasileiro para o trânsito de Londres com Lamborghini de R$ 20 milhões

O hiperesportivo Sián é o primeiro híbrido da marca italiana, mas ainda assim conta com um sonoro motor V12 aspirado

lamborghini sian londres
Unidade comprada por empresário brasileiro conta com pintura cinza fosco e detalhes vermelhos (Lamborghini London | Divulgação)
Por Eduardo Rodrigues
02 de junho de 2021 14:14

O empresário brasileiro Henrique Grossi foi a primeira pessoa na Inglaterra a comprar o Lamborghini Sián, primeiro híbrido da marca. O que não estava planejado era a comoção gerada na rua quando o brasileiro foi na concessionária buscar o carro, fotógrafos e populares aglomeraram em volta do carro atrás de cliques.

VEJA TAMBÉM:

O canal do YouTube TheTFJJ registrou o acontecimento e como podemos ver no vídeo: o empresário ajudou os spotters deixando o carro aberto para fotografarem o interior. A unidade de Grossi possui pintura Grigio Nimbus, mais discreta que o verde usado no lançamento do carro.

O Lamborghini Sián pode até ser o primeiro híbrido da marca, mas ainda conta com o tradicional V12 aspirado que podemos ouvir em alto e bom som no vídeo. O motor de 6,5 litros produz 785 cv que é auxiliado por um sistema elétrico de 48 volts acoplado a transmissão. A potência combinada é de 819 cv.

Apenas 63 unidades do Sián serão produzidas, com preço partindo de $3,7 milhões de dólares, ou cerca de R$ 18,95 milhões em conversão direta.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
7 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Lucas 26 de novembro de 2021

Brasileiro? Deve ser corrupto safado morando na Inglaterra

Avatar
Leandro Ricardo de Almeida 3 de junho de 2021

Muito obrigado o negócio está sendo bom

Avatar
bilontra 3 de junho de 2021

“Arque rival” pode ser lido como “dobre o adversário”. Ou “curve o oponente”. Se o desejo é exibir um mínimo de alfabetismo que deveria trazer do ensino fundamental, escreva “arquirrival”, para expressar o “adversário e rival mais antigo”, o que, obviamente, não cabe no contexto da matéria, já que o modelo exibido é novo em folha.
Ou seja: volte para a pré-escola.

Avatar
Sir.Alves 2 de junho de 2021

Parabéns, se trabalhou e ganhou honestamente, parabéns. A propósito,… esse não seria o bólido arque rival do Bugatti Chirón?

Avatar
Bijuja 2 de junho de 2021

“Para” não leva mais acento.
Pesquise.

Avatar
Vinicius Moriconi Pacheco 5 de junho de 2021

Desde 1974…

Avatar
Marcelo 2 de junho de 2021

Pára*

Avatar
Deixe um comentário