Caminhão da Petrobras movido a GNV vira meme na internet, entenda

Irônico caminhão da petrobras movido a GNV viraliza na internet e é alvo de diversas piadas relacionadas ao valor do combustível

caminhao petrobras abastecido com gnv
Modelo tem o funcionamento híbrido de diesel e GNV e polui bem menos que o convencional (Foto: Vibra | Divulgação )
Por Pedro Januzzi
13 de julho de 2022 09:09

Os mais ativos nas redes sociais já devem ter assistido ao vídeo que viralizou na última segunda-feira (11/07) da carreta de combustível da Petrobras que é abastecida com GNV.

O curioso vídeo que virou meme, rendeu piadas que diziam que o combustível, nesse casso o diesel está tão caro que nem os próprios caminhões da estatal brasileira estão conseguindo pagar por eles, e por consequência precisam optar pelo gás natural.

VEJA TAMBÉM:

Confira o video:

O vídeo foi gravado durante o fornecimento de combustível para um posto da rede Petrobras, em Salvador.

Sobre a empresa

O cavalo mecânico da marca Scania pertence à empresa Vibra e a transportadora Moscato, uma empresa que presta serviço para a Petrobras. A conversão do veículo para GNV foi feita pelas duas empresas. A Scania também vende caminhões movidos exclusivamente pelo GNV

O modelo que tem o funcionamento híbrido de diesel e GNV, emite, aproximadamente, 20% menos CO2 (dióxido de carbono) e 35% menos NOx (óxidos de nitrogênio) em comparação ao modelo movido exclusivamente a diesel.

“Mais uma vez, a Vibra garante a segurança e a qualidade dos serviços e produtos oferecidos em todo o território nacional, aliado a uma estratégia de menor emissão de carbono. A companhia cada vez mais investe em inovação para continuar evoluindo o seu portfólio de produtos, buscando sempre oferecer melhores benefícios para os consumidores e isso envolve também realizar nossas operações de forma mais eficiente e sustentável”, afirma o vice-presidente executivo de Operações, Logística e Sourcing da Vibra,  Marcelo Bragança.

Segundo a empresa trata-se de uma iniciativa alinhada à estratégia e ao objetivo de reduzir a emissão de gases de efeito estufa no transporte de produtos, buscando também colaborar para a descarbonização das atividades da empresa e dos clientes e fornecedores.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
5 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Paulo Paris Godoy 16 de julho de 2022

Os memes, as brincadeiras, são a alma dos brasileiros. Até isso está acabando devido a uma absurda censura de costumes e estamos cada dia mais tristes por isso. Desde que não ofenda, viva a piada!

Avatar
Wanderson 16 de julho de 2022

A Petrobras não tem caminhão são todos contratos

Avatar
douglas 15 de julho de 2022

A intenção é proteger o meio ambiente e economizar combustível. mais ajuda o meio ambiente ou só faz isso em intenção de reduzir os gastos com impostos? mais uma vez o brasileiro se inventando perante uma cena de crise , alto custos com alimentação, saúde, remédios, moradia., e o Real $ inflacionado que cada vez perde o seu valor.
quem sofre , os pobres coitados. da classe baixa.

Avatar
Ailton Pereira 14 de julho de 2022

“Acredito, que, quem vê cara não vê coração.”No seu exterior transporta um combustível poluente.
No seu interior transporta um combustível não poluente.
Acredito apresentar um bom exemplo!
Abraços!

Avatar
Emerson José Bulhões Camargo 13 de julho de 2022

Se houvesse governo, já deveria ter editado uma política nacional de combustíveis para a frota em circulação e novos veículos entrantes, cujo foco seria a adoção imediata do GNV para veículos de transporte – passageiros e carga – nos centros urbanos e médias/longas distâncias, resultariam em imediato alívio para o custo do diesel. Atualmente no país, “reinjeta-se” gás extraído dos poços de petróleo (especialmente no pre-sal) por falta de unidades processadoras de gás. A contribuição desta medida além dos impactos positivos na economia, traria extraordinário efeito para o meio ambiente, conforme especificado na matéria – ” 20% menos CO2 (dióxido de carbono) e 35% menos NOx (óxidos de nitrogênio) em comparação aos modelos movidos exclusivamente a diesel”. No caso de veículos de passageiros, a adoção do sistema “híbrido & plug-in” utilizando de forma mandatória motores “flexfuel”; permitiriam utilizar a estrutura de distribuição do etanol vigente no país; impulsionar a implantação do “Bioetanol”, também conhecido como Etanol de 2ª geração e, principalmente atingir emissões de CO2/km entre 25% a 30% menor dos veículos elétricos, isto considerando a atual estrutura da matriz de geração de energia elétrica Brasileira! A despeito desta clara prioridade, o congresso nacional composto por maioria de nulidades, prossegue empenhado em aprovar projetos absolutamente desfocados e desconectados com a realidade nacional, sobretudo na área da mobilidade. Em 02/10/2022, precisamos alterar majoritariamente a composição do congresso, substituindo a maioria formada de nulidades, por representantes notoriamente identificados com políticas públicas eficazes e de interesse do país!

Avatar
Deixe um comentário