Jeep Renegade alcança marca de 200 mil unidades vendidas no Brasil

Lançado em abril de 2015, SUV oferece motorizações 1.8 flex ou 2.0 turbodiesel e é líder de vendas em sua categoria desde dezembro do ano passado

jeep renegade limited 006
Por AutoPapo
19 de junho de 2019 14:03

O Jeep Renegade foi o primeiro modelo produzido no Polo Automotivo Jeep, em Goiana (PE). Lançado em abril de 2015, o SUV compacto acaba de alcançar a marca de 200 mil unidades emplacadas no Brasil.

Com opções de motorização 1.8 flex e 2.0 turbodiesel, o modelo apresenta seis versões para o público. O Renegade ainda oferece opções de câmbio manual e automático de nove marchas, tração 4×4 com reduzida, controle de descida e seletor de terrenos e suspensão independente nas quatro rodas em todas as configurações.

No quesito segurança, o SUV compacto da Jeep conquistou nota máxima para proteção de adultos e crianças.

jeep renegade limited 010

Vendas do Jeep Renegade

As vendas do modelo são significativas. Desde dezembro de 2018, o Jeep Renegade é o líder de vendas da sua categoria. Segundo a Fiat Chrysler Automóveis (FCA), com apenas cinco meses de lançamento o SUV passou a figurar entre os 10 carros mais emplacados do país.

Nos primeiros cinco meses de 2019, mais de 27 mil unidades do Renegade foram vendidas. O número é 50% maior que o do mesmo período de 2018.

Em breve, o modelo passará por uma atualização importantíssima. Escute o comentário do Boris sobre a nova motorização a ser adotada no Jeep:

Foto FCA | Divulgação

Você sabia que o AutoPapo também está presente em suas redes sociais favoritas? Clique e confira:

TikTok YouTube Facebook Twitter

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário