Primeiro Mercedes AMG One tem detalhes que remetem ao W11 da F1

Primeiro exemplar do hipercarro AMG One da Mercedes entregue tem detalhes que lembram o carro do heptacampeonato de Lewis Hamilton

mercedes amg one primeira unidade preto verde
Foto do primeiro exemplar entregue ao dono foi compartilhada no Facebook da Mercedes (Foto: Reprodução)
Por Bernardo Castro
Publicado em 17/01/2023 às 15h32

Anunciado pela primeira vez em 2016 e com entregas previstas para 2019, as entregas do Mercedes AMG One atrasaram um pouco e a primeira unidade foi entregue apenas no final do ano passado.

Como uma forma de comemoração, a marca da estrela de três pontas compartilhou algumas imagens no Facebook. Os detalhes do exemplar, no entanto, foram pouco divulgados e, por isso, não é possível saber como é o interior.

VEJA TAMBÉM:

O que da para perceber é que ele foi estampado em uma espécie de preto metálico com inúmeros símbolos da Mercedes pintados na parte traseira. Além disso, ele possui alguns detalhes em verde (inclusive nas rodas) que remetem à Petronas, patrocinadora master dos alemães na Fórmula 1.

Não tem nenhuma confirmação oficial, mas essa distribuição de cores remete ao Mercedes W11, carro utilizado pela escuderia alemã na Fórmula 1 ao longo da temporada 2020 e que ajudou Lewis Hamilton a alcançar o heptacampeonato mundial.

O Mercedes AMG One é um superesportivo da marca que vai se limitar a apenas 275 unidades que serão construídas de forma praticamente artesanal em uma instalação especial em Coventry, Reino Unido.

Os motores, por sua vez, são testados na fábrica da Mercedes-AMG High Performance Powertrains em Brixmorth, mesmo local que a empresa trabalha nos motores da Fórmula 1.

O trabalho realizado em cima do AMG One foi tão grande que Ola Källenius, CEO da marca, chegou a brincar, dizendo que o conselho da empresa só podia estar “bêbado” quando aprovou o um projeto tão caro e complexo.

O motor que impulsiona o superesportivo é um 1.6 de quatro cilindros com turbocompressor elétrico que possui injeção direta, injeção de porta e é derivado do carro de corrida de Fórmula 1. Assim, ele ostenta um par de motores elétricos que, juntos entregam 322 cv e, combinados com o motor a combustão, ultrapassa os 1000 cv.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário