Tesla passa a oferecer os cabos de recarga de energia como item opcional

Análises feitas pela Tesla chegaram à conclusão de que o item era pouco utilizado pelos proprietários, e agora deve ser comprado à parte

Carregadores não estão mais inclusos na compra de um Tesla 0 km
Carregadores não estão mais inclusos na compra de um Tesla 0 km (Foto: Shutterstock)
Por Bernardo Castro
18 de abril de 2022 18:47

A Tesla tomou uma decisão muito parecida com as empresas de celular Apple e Samsung, que anunciaram que não vão mais enviar carregadores juntos de seus smpartphones.

A empresa de Elon Musk mudou sua política e não vai mais fornecer o cabo de carregamento móvel junto com o carro 0 km. Agora, ele será vendido separadamente por US$ 200 (R$ 933).

Mesmo o carregamento sendo uma das partes mais importantes do carro elétrico, e embora a conexão móvel não seja essencial – pois os proprietários podem recarregar o Tesla usando um carregador de parede instalado em sua casa ou em uma estação de carregamento – o conector poderia ser útil em caso de viagens onde não existem as estações de carregamento.

VEJA TAMBÉM:

No entanto, uma análise feita pela Tesla chegou à conclusão que o acessório era pouco utilizado pelos motoristas e, por isso, representava um investimento desnecessário.

A fabricante costumava incluir um cabo de carregamento com um conector NEMA 14-50 (nível 2) e um conector para uma tomada normal (Nível 1). Em um primeiro momento, o acessório de nível 2 deixou de ser vendido juntou ao veículo, que passou a oferecer apenas o de nível 1.

Com uma potência de 1,3 kW, o conector permitia velocidades de carregamento entre 3 km e 5 km de alcance por hora. Os números não são elevados, mas era bastante útil para carregamentos noturnos, por exemplo.

Mas Elon Musk buscou uma maneira de não deixar o consumidor completamente desamparado. Dessa forma, para compensar essa perda, o bilionário afirmou que a Tesla estará “incluindo mais adaptadores de plugue com o kit de conector móvel.” Além disso, o bilionário confirmou que, a partir do feedback dos usuários, o preço dos carregadores móveis comprados a parte vão ser reduzidos de US$ 400 (R$ 1.869) para US$ 200 (R$ 933).

No entanto, o carregador está listado por U$ 400 no site da Tesla e se encontra esgotado.

A Tesla tem uma direção quase autônoma, mas tecnologia ainda não é totalmente confiável. Entenda:

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário