Caoa Chery Tiggo 7: Boris fala suas impressões sobre o novo SUV

Modelo tem porte do Jeep Compass e agrada pelo espaço interno e bom acabamento, mas peca em alguns detalhes; preço é a partir de R$ 106.990

Por Boris Feldman 18/02/19 às 12h40
De São Paulo (SP)
chery tiggo 7

A Caoa Chery lançou seu terceiro utilitário esportivo (SUV) no Brasil, o Tiggo 7. Ele será vendido por R$ 106.990, na versão T, e R$ 116.990, na configuração mais completa TXS.

O motor é 1.5 flex turbo. A potência máxima é de 150 cv, a 5.500 rpm e o torque é de 21,4 kgfm. A tração é sempre dianteira. O câmbio é automatizado de dupla embreagem, com seis velocidades.

O SUV Tiggo 7 é fabricado pela Caoa Chery em Anápolis (GO) .  Entre os itens de série do Tiggo 7 estão as rodas de liga aro 17″, controle de estabilidade, chave presencial, ar-condicionado digital, sistema multimídia com tela de 9 polegadas, freio de estacionamento elétrico e luzes diurnas de LED.

Na configuração TXS, o modelo da Caoa Chery ainda conta com rodas aro 18  polegadas, ar-condicionado digital de duas zonas, teto-solar panorâmico, banco do motorista com ajustes elétricos e airbags laterais e de cortina, totalizando seis bolsas infláveis.

Com 4,50 m de comprimento, 1,87 m de largura, 1,67 m de altura e entre-eixos de 2,67 m, o Tiggo 7 tem porte semelhante ao do Jeep Compass. O porta-malas tem 414 litros de capacidade.

Já andei no SUV da Caoa Chery durante o lançamento dele. Veja o que achei do Tiggo 7:

[TRANSCRIÇÃO]

O grupo Caoa o já lançou dois utilitários esportivos da Chery aqui no Brasil: o primeiro foi o Tiggo 2, depois o Tiggo 5X. Agora, ela já está produzindo aqui o Tiggo 7, o maior deles, o mais confortável,espaçoso, com motor 1.5 turbo de 150 cavalos.

É um carro que concorre na faixa , digamos, do Jeep Compass. Vamos ver como é o Tiggo 7?

Ao volante a potência é legal para um bom desempenho, mas não para quem exige mais do que isso. O estilo é marcante e se destaca com design da própria Chery. O painel tem uma bem bolada tela de multimídia.O câmbio automático é de dupla embreagem, verdadeiro estado da arte, mas a Chery se esqueceu das aletas para cambiar sob o volante.

O acabamento é de primeira, e faz até lembrar um SUV de categoria premium. O espaço no banco traseiro é campeão no segmento.

Confira galeria de fotos do Caoa Chery Tiggo 7

O maior SUV da Caoa Chery, Tiggo 7, foi lançado nessa quarta-feira (13), em São Paulo. Modelo oferece duas versões com motorização 1.5 Turbo.
Tiggo 7

Fotos Caoa Chery | Divulgação

SOBRE
12 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Luiz Guimarães 23 de junho de 2020

Engraçado alguns comentários. Sofremos de pandemia mental. As pessoas dão palpite sem conhecimento algum. É tudo no achodromo. Só para lembrar o HB20 quando chegou no Brasil, teve a mesma recepção e recentemente era o numero um em vendas em sua categoria. A FORD no Brasil esta fechando. Pararam no tempo. A Tiggo, é ” fabricada no Brasil “. Todo equipamento eletrônico que se usa hoje, no mínimo 50% é chines. O carro é ótimo, e como todos tem suas limitações e não defeitos. Brasileiro é tribo. Todo mundo tem carro igual. O cambio é alemão, mesma tecnologia usado nas BMW e AUDI. O motor impulsiona muio bem, melhor que 90% das demais SUVs, semelhantes do mercado. O consumo não é lá essas coisas, mas os outros também não são, a não ser que você adore um UP .

Avatar
Giuseppe 21 de setembro de 2019

Quanta bobeira. Isso e falar al p…o.Tem gente que ni patinete tem, pero falar falam. Mais seriedade, por favor.

Avatar
MARCELO SCHMITZ 2 de setembro de 2019

Carro chinês. Tô fora .
Imagina na hora de vender?
Kkkkk
Ninguém vai querer nem de graça

Avatar
Carlos nascimento 2 de agosto de 2019

Hummm.sei não..um carro de 116 mil usando o mesmo motor de um que custa 66 ..so com uns torquinhos a mais ..prefiro o arizzo 5 rx.sobra uma boa grana..ainda ganho em peso potência.. pneus mais baratos pra repor.. seguro e e IPVA mais em conta..cambio cvt..menor consumo de combustível.. …..reconheco que são categorias ou carrocerias distintas. ..mas 50 mil pra mim é uma boa grana..

Avatar
Flavio 17 de junho de 2019

Marcos, já ouviu algum comentário sobre o getrag da porshe? Problema da ford foi optar por uma segunda linha pra manter o custo benefício.

Avatar
Kimio Sato 14 de junho de 2019

Infelizmente cambio automatizado esta queimado no nosso mercado, as fabricas ate evitam divulgar e vem com esse papo furado de dupla embreagem; quem teve i-motion ou powershift sabem o q estou falando

Avatar
Joabe Clemente 6 de junho de 2019

Ótimo carro, uns dos melhores que eu já andei, ótimo espaço interno, e ótimo acabamento. A Caoa Chery esta cada vez mais crescendo, já vejo que vai fazer um baita sucesso no mercado automobilístico, esse carro logo estará no topo, olha como o tiggo 5x já evolui, tenho certeza que a Capa Chery vai virar uma grande marca.

Avatar
Marcelo 21 de fevereiro de 2019

ô Boris, esse câmbio de dupla embreagem é o do extinto Fiesta ????? O pavoroso Powershift!!????

AutoPapo
Felipe Boutros 22 de fevereiro de 2019

Olá, Marcelo. Muitos fabricantes desenvolvem e utilizam câmbio de dupla embreagem (VW e Audi, Mercedes, BMW…) e a maioria não teve problemas como os relatados no Powershift.

Avatar
Marcos 10 de abril de 2019

Sim, é o mesmo problemático da Getrag…

Avatar
Celio* 21 de fevereiro de 2019

Enquanto deixam de produzir o Fiesta, mais “suvões” como esse aparecem no mercado.
Existem pessoas que se dizem ecologistas, mas sem saber exatamente o significado da coisa.
Ecologia é muito mais do que não jogar papel na rua e não fumar.

Avatar
eu 12 de abril de 2019

quanta bobagem

Avatar
Deixe um comentário