Carros populares usados já perderam mais de 5% de valor no último mês

Plataforma Mobiauto divulgou levantamento sobre o impacto do programa do carro popular no varejo de automóveis seminovos

chevrolet onix joy 2020
Medidas para reduzir preço do carro zero já reflete nas agências de usados (Foto: GM | Divulgação)
Por AutoPapo
Publicado em 09/06/2023 às 15h03
Atualizado em 22/08/2023 às 13h44

Anunciado no último dia 25 de maio pelo vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Geraldo Alckmin (PSB), o pacote de medidas que visava reaquecer as vendas de carros novos foi esmiuçado na primeira semana de junho, apontando redução de impostos (PIS/Cofins) como gatilho para diminuir entre R$ 2.000 e R$ 8.000 os preços finais dos carros 1.0 zero km. A medida do chamado novo carro popular já provocou reações inclusivos no setor de usados.

VEJA TAMBÉM:

Novo carro popular

Algumas montadoras divulgaram as novas listas de preços e, em uma condição aguerrida de concorrência, ampliaram os descontos por conta própria, como Fiat e Volkswagen. As medidas perdurarão por quatro meses, inicialmente.

Diante do questionamento de qual o impacto essa redução nos preços dos carros novos teria nos valores de mercado dos seminovos, a Mobiauto apressou-se em buscar em sua base de dados uma resposta para o consumidor. E ela aponta queda média de 5,13% nos preços dos carros populares usados no último mês – anos/modelos 2022, 2021 e 2020.

“Apuramos as cotações de dezenas de milhares de anúncios em nossa plataforma, inicialmente na primeira semana de maio, quando não havia essa medida do governo. E repetimos a pesquisa na primeira semana de junho, período que já traria o impacto da redução nos novos. Em um mês, portanto, a queda média foi de 5,13%”, atesta Sant Clair de Castro Jr., consultor automotivo e CEO da Mobiauto.

Usado mais em conta

Os modelos usados mais anunciados e procurados pelos clientes apontaram um percentual menor de diminuição nos preços, exatamente pelo aquecimento de demanda. Mas, à medida que os novos preços de zero km “emplacarem” no dia a dia do mercado, a tendência é que esse percentual suba ainda mais. “Tivemos modelos de altíssima procura, como o Hyundai HB20S, modelo 2020, que caiu menos de 1%. Já um Chevrolet Joy, que está fora de linha e possui menor atratividade para a revenda, já despencou em mais de 10% em um único mês”, exemplifica Sant Clair de Castro Jr.

hyundai hb20s 2015 frente e lateral popular usados
HB20S teve aumento na demanda por buscas na plataforma de venda de usados (Foto: Hyundai | Divulgação)

De qualquer modo, de acordo com o executivo, a variação negativa nos preços dos populares pelos próximos meses é fato consumado. Todos irão cair, principalmente nessa primeira fase do programa do governo, que incentiva as vendas com desoneração tributária em favor de compradores pessoa física. “Não há milagres: se você está vendendo um carro 1.0 com dois ou três anos de uso e chega em uma loja, ele será avaliado na compra a um preço 5% ou 10% abaixo do que seria um mês atrás. O lojista precisa pagar mais barato, pois sabe que o preço final diminuiu”, diz.

“As variações de preços dos seminovos costumam espelhar o que acontece no zero km. Como a redução em alguns modelos novos pode passar de 10%, eu diria que os 5,13% que apuramos tendem a ampliar mais alguns pontos percentuais. Essa queda vai se acentuar na próxima semana. Claro que há variações em razão de estoques regionais. Em uma cidade em que a rede autorizada possui 10 unidades em estoque de um certo carro seminovo, a queda nos preços será menor do que em outra região em que o estoque seja de 50 unidades”, conclui Castro Jr.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário