Chevrolet S10 ganha versão Z71, com adereços off-road

Picape é o primeiro veículo da marca a receber a versão Z71 no mercado brasileiro; novidade traz cerca de 20 itens, entre adereços e acessórios

chevrolet s10 z71 preta dianteira
Motor é o 2.8 turbodiesel de 200 cv das demais versões (foto: Chevrolet | Divulgação)
Por AutoPapo
26 de outubro de 2021 19:45

A Chevrolet S10 ganhou a versão Z71, que se diferencia por um pacote de adereços e acessórios funcionais para trilhas fora-de-estrada: ao todo, são cerca de 20 itens de personalização, que incluem santantônio, estribos em formato tubular, molduras de proteção dos paralamas e pneus “All-Terrain”. De acordo com a fabricante, a nova versão foi desenvolvida por equipes da GM nos Estados Unidos e no Brasil.

VEJA TAMBÉM:

Visualmente, a Chevrolet S10 Z71 traz faróis e lanternas com máscaras negras e grade escurecida com emblema de identificação. A cor preta aparece também no aplique central do para-choque, na capa dos retrovisores externos, nas rodas de alumínio aro 18 e até nos emblemas traseiros. Nas laterais e na tampa da caçamba há adesivos que lembram os da extinta versão Arena da primeira geração da picape Montana.

Na cabine, a versão Z71 traz menos diferenças em relação às demais versões da gama Chevrolet S10. Há apenas apliques centrais do painel e revestimentos das portas e do console em preto.

  • Preço da Chevrolet S10 Z71: RS 260.490

A Chevrolet disponibiliza uma gama de acessórios originais para a S10 Z71, incluindo um defletor que preenche o vão entre o estribo e soleira da base das portas, para impedir a passagem de barro. Já o santo-Antônio estendido permite mais pontos de fixação para diferentes tipos de carga, de uma motocross até uma barraca de camping. Para receber a grande peça metálica, a caçamba ganhou apoios adicionais.

Mecânica e equipamentos da S10  Z71

Sob o capô, o modelo aventureiro herda a mesma mecânicas do restante da linha, que ganhou evoluções como turbina redimensionada e a nova calibração do motor 2.8 turbodiesel e da transmissão automática de seis marchas. Assim como nas demais versões a diesel, são 200 cv de potência e 51 kgfm de torque. A tração 4×4 tem seletor eletrônico e reduzida.

Segundo a Chevrolet, a S10 Z71 tem programação eletrônica igual à da versão High Country. Por isso, a apresenta os mesmos números de performance no asfalto: a aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 10,1 segundos. Já o consumo de combustível é de 8,3 km/l na cidade e de 10,6 km/l na estrada, de acordo com o padrão do Inmetro.

A picape vem equipada com seis airbags, sistema multimídia compatível com Android Auto e Apple Car Play e câmera de ré. Há ainda direção elétrica, vidros laterais com mecanismo de abertura e fechamento por meio da chave, banco traseiro rebatível com porta-objetos e computador de bordo.

Com a introdução desta nova versão, a configuração turbodiesel de cabine dupla da picape  passa a ser comercializada em cinco níveis de acabamento: LS, LT, Z71, LTZ e High Country.

A S10 Z71 começa a chegar às concessionárias Chevrolet do país entre o fim de outubro e o início de novembro. A S10 Z71 é ofertada em quatro opções de cores para a carroceria (Branco Summit, Prata Switchblade, Azul Eclipse e Cinza Topazio).

Você sabia que o AutoPapo também está presente em suas redes sociais favoritas? Clique e confira:

TikTok YouTube Facebook Twitter Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
SOBRE
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Mendel Bernardes 27 de outubro de 2021

Só aumentou o preço sem acrescentar nada de valor!

Avatar
Deixe um comentário