Diferença entre faixa amarela e faixa branca no trânsito pode te custar R$ 3 mil

As cores das sinalizações horizontais têm diferentes significados, por isso é preciso ficar atento para evitar infrações e multas caríssimas

Faixa branca e faixa amarela - faixa amarela separando as pistas e linha branca delimitando a via
As linhas amarelas separam as faixas que têm sentidos opostos, enquanto as brancas separam faixas do mesmo sentido (Foto: Shutterstock | AutoPapo)
Por Julia Vargas
Publicado em 13/03/2024 às 08h02

A sinalização de trânsito é feita para garantir a segurança e orientar os condutores. Mas, as sinalizações horizontais, também chamadas de marcas longitudinais, são muitas vezes ignoradas ou interpretadas de forma incorreta por quem circula na via. As faixas amarelas e faixas brancas, por exemplo, podem ser encontradas no centro da pista ou próximo ao meio fio das calçadas, mas suas cores indicam orientações distintas no trânsito.

As marcas longitudinais constituem um subsistema de sinalização viária, que é composto de marcas, símbolos e legendas que estão postos sobre a pista de rolamento.

VEJA TAMBÉM:

O que a faixa branca significa?

A linha branca é encontrada na via sinalizando um determinado local onde é permitido estacionar ou separando o fluxo de trânsito que circula no mesmo sentido e direção. As faixas podem ser contínuas ou tracejadas.

  • Faixa branca tracejada: separa a pista de mão única em uma área que o condutor tem permissão para trocar de faixas.
  • Faixa branca contínua: divide a via que só tem um sentido, mas indica que naquele trecho não são permitidas trocas de faixas

O que a faixa amarela significa no trânsito?

A linha amarela também pode ser encontrada próxima ao meio fio ou dividindo a pista de rolamento. Porém, ao contrário da branca, ela delimita um lugar em que é proibido estacionar e separa faixas de trânsito que possuem sentidos opostos, além de poder ser contínua ou tracejada.  A linha amarela ainda pode ser classificada como simples ou dupla.

  • Faixa amarela simples contínua: sinaliza que o condutor não pode ultrapassar naquele trecho, independente do sentido em que ele trafega;
  • Faixa amarela dupla contínua: desempenha a mesma função que a anterior, mas, normalmente, é encontrada em vias mais largas;
  • Faixa amarela simples tracejada: indica que a ultrapassagem é permitida para os dois lados da via;
  • Faixa amarela dupla tracejada/contínua: os condutores que estiverem do lado da linha tracejada podem realizar ultrapassagens, enquanto essa manobra é proibida para quem dirige do lado da linha contínua;
  • Faixa amarela tracejada dupla: também chamada de marcação de faixa reversível ou linha MFR. Essas linhas são mais incomuns e, diferente das outras, delimitam faixas que podem ter seu sentido de circulação invertido temporariamente, a depender da demanda do fluxo de veículos, como no caso de um congestionamento, por exemplo.

Não saber a diferença entre as faixas pode custar caro

O preço que se paga por não saber diferenciar os variados tipos de faixa amarela e branca no trânsito pode ser alto. De acordo com o artigo 203 do Código Brasileiro de Trânsito (CTB):

Ultrapassar pela contramão outro veículo onde houver marcação viária longitudinal de divisão de fluxos opostos do tipo linha dupla contínua ou simples contínua amarela é infração gravíssima com penalidade de multa (cinco vezes).”

Isso significa que, caso você desconheça o significado de uma linha amarela contínua dupla ou de uma linha amarela contínua simples e faça uma ultrapassagem, é melhor se preparar para pagar uma fortuna. Essa infração vai te render sete pontos na CNH e o valor de R$ 293,47 multiplicado por cinco. No total, corresponde a um débito de R$ 1467,35.

Além disso, se for o caso de reincidência da infração em um período de até 12 meses, a multa é aplicada em dobro. Ou seja, você terá que pagar a bagatela de R$ 2.934,70.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário