Kia lança Stinger GT com preço de R$ 349.990

Modelo tem motor V6 biturbo de 370 cv de potência e chega para concorrer com os sedãs premium alemães da Audi, Mercedes e BMW

kia stinger 2019 3 4 esq frente
Por AutoPapo
27 de setembro de 2018 12:23

A Kia lançou no Brasil o veículo mais potente, o Stinger GT. Ele é equipado com motor V6, de 3,3 litros, biturbo, com 370 cv de potência e 52 kgfm de torque. A transmissão é automática sequencial de oito velocidades e a tração é integral. A suspensão eletrônica tem ajuste de altura do amortecedor e os freios são da Brembo.

Com o Stinger GT, a Kia quer concorrer com as marcas alemãs premiu e mira o público BMW 540i M Sport, Jaguar XF S V6, Audi A6 3.0 TFSi e Mercedes Benz AMG C43. O Stinger GT chega ao mercado brasileiro por R$ 399.990, com garantia de cinco anos ou 100 mil km. Mas as primeiras 20 unidades da Launch Edition by Fittipaldi terão preço “especial de lançamento”: R$ 349.990.

Futuramente, como informa a sul-coreana, chegará ao país a outra motorização, um 2.0 turbo com 258 cv de potência e 36 kgfm de torque.

Kia Stinger GT se destaca pelo desempenho do V6 biturbo

Itens de conveniência do Kia Stinger GT

O Kia Stinger GT tem revestimento em couro Nappa, e os bancos dianteiros possuem células de ar no encosto. O console central é dividido em duas áreas específicas: os controles de infotenimento se posicionam sob uma tela tátil de oito polegadas, enquanto os controles de clima e ventilação estão localizados abaixo.

O painel combina de instrumentação analógica e digital, tela de TFT colorida entre os medidores que informa dados de desempenho, tais como as forças G em curva, tempos de percurso e a temperatura do óleo do motor, e também informações auxiliares, como o computador de bordo, a configuração de controlador e a navegação.

Interior do Kia Stinger GT é completo

O sistema de áudio é premium da marca Harman/Kardon, com 720 watts de potência. Com 15 alto-falantes e subwoofers montados sob os assentos do condutor e do passageiro.

O Stinger GT também  tem visor colorido Head-Up Display (HUD) permite que o motorista veja informações importantes sobre a direção refletida no vidro do para-brisa, navegação passo a passo, configurações de áudio e controle de cruzeiro. Dentro do console central encontra-se uma bandeja para carregamento sem fio de smartphone e o sistema hands free, via Bluetooth, além de comandos no volante.

Pacote de segurança do Stinger GT

O Stinger GT tem como destaque entre os seus itens de segurança airbags frontais, laterais e cortina, airbag de joelho para o motorista, assistentes de tráfego (RCTA), de partida em subidas (HAC) e de parada automática (Auto Hold); aviso de colisão em ponto cego (Blind Spot Collision Warning), controles eletrônicos de estabilidade e tração e encostos de cabeça dianteiros ativos, entre outros.

A função Blind-Spot Colision Warning (BCW) sinaliza a presença de outro veículo no ponto cego do motorista, inclusive durante as mudanças de pista. O Alerta de Tráfego Cruzado Traseiro (RCTA) monitora a área situada atrás do veículo ao sair de ré de uma vaga de estacionamento, alertando o motorista com um aviso sonoro caso seja detectado algum tráfego cruzado.

Kia Stinger GT tem bom espaço para ocupantes

Já o Around View Monitor (AVM), com orientação de estacionamento, que combina as imagens de quatro lentes grande-angulares posicionadas na frente, na traseira e nas laterais do veículo para fornecer uma visão completa do entorno, seja na hora de estacionar ou enquanto trafega a velocidades inferiores a 20 km/h.

Conjunto mecânico do Kia Stinger GT

O Kia Stinger GT possui motor V6, Lambda II, de 3.3 litros, GDI biturbo, à gasolina, que entrega até 370 cavalos de potência a 6.000 rpm e oferece torque de 52 kgm a 1.300-4.500 rpm. O sedã vai de 0 a 100 km/h em 4,9 segundos e atinge velocidade máxima de 270 km/h. A transmissão automática de oito marchas tem borboletas situadas atrás do volante (paddle shift).

Assim como a suspensão e a direção, é possível selecionar até cinco padrões diferentes de transmissão por meio do sistema de acionamento eletrônico do veículo. O sistema de tração nas quatro rodas (AWD) do Stinger GT, da Kia,  é controlado pelo Dynamic Torque Vector Control, que envia torque para as rodas dianteiras, conforme necessário.

O Stinger GT tem pneus 225/40/19 na frente e 255/35/19 na traseira. Os freios são Brembo com pinças dianteiras de quatro pistões e pinças traseiras de pistão duplo e discos ventilados.

O lançamento da Kia tem 4.83 metros de comprimento, 1.87 de largura, 1,40 m de altura e distância entre eixos de 2,90 m. O porta-malas tem capacidade para 660 litros.

Confira mais imagens do Stinger GT

Novidades além do Stinger GT

A Kia tem outras novidades para o Salão de São Paulo. Além do Stinger, a Kia também vai lançar o K9, última geração do sedã Quoris, durante o Salão de São Paulo. Ainda não há confirmação para o Rio, aguardado há anos no Brasil. A marca sul-coreana também apresentará o Optima híbrido, que já está homologado no país, e o Soul elétrico.

Fotos Kia | Divulgação

SOBRE
3 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Jair Eustaquio da Silva 10 de novembro de 2018

Pelo descrito pela KIA dependendo de um teste drive,o preço não será impecilho para a compra,comparando com concorrentes no mercado.

Avatar
Fernando 9 de novembro de 2018

Kkkkk…. Pagar quase 400.000 em um Kia???
Os cara viaja ….

Avatar
Junior 10 de novembro de 2018

Vai vender um com esse valor!!!

Esse que comprar depois vai valer alguma coisa no Brasil.

Avatar
Deixe um comentário