[Boca no Trombone]Usar a luz traseira de neblina indevidamente pode provocar um grave acidente

"A luz traseira de neblina é tão intensa, que ela ofusca o motorista que vem no carro lá atrás. Isso devia ser fiscalizado e proibido terminantemente!"

capa luz de neblina portal
Por Boris Feldman
09 de julho de 2019 15:00

É difícil entender o motivo que leva o motorista a ligar a luz traseira de neblina. Mesmo numa noite sem neblina, ou sem chuva ou sem nada que prejudique a visibilidade. Aliás, quem está prejudicando a visibilidade do motorista que vem atrás é esse carro da frente, que ligou a luz traseira de neblina, aquela luz vermelha de muita intensidade.

E ela é obrigatória por lei, porque nos dias de neblina ou chuvosos, o carro a frente fica mais visível para quem vem atrás. Mas, numa noite enluarada, ligar aquela luz traseira de neblina é um absurdo que o motorista do carro está cometendo com seu colegas que vem atrás.

Porque a luz é tão intensa, que ela ofusca o motorista que vem no carro lá atrás. Isso devia ser fiscalizado e proibido terminantemente! Entretanto, nesse país sem lei, são muitos os carros que rodam por aí com a luzinha traseira de neblina ligada, incomodando, prejudicando e ameaçando a segurança rodoviária.

luz traseira neblina
Foto André Almeida | AutoPapo

Você sabia que o AutoPapo também está presente em suas redes sociais favoritas? Clique e confira:

TikTok YouTube Facebook Twitter

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
SOBRE
9 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Eloi Mendonça 14 de janeiro de 2021

Pois bem eu ando sim com milha luz de neblina ligada em dias que não tem neblina sabe o motivo?
Porque a maioria dos motoristas não sabem respeitar a distância de 6 metros entre um Veículo e outro.
Só assim evita a turminha do adesivo…
Quem anda colando e adesivo se muitos motoristas respeitassem a distância de um carro para o outro certamente a luz de neblina não seria usada desnecessáriamente….
É retículola esta matéria colocando nos motoristas como os vilões do trânsito….
Se houvesse fiscalização contra estes motoristas sem dúvidas alguma nós motoristas não usaríamos a luz de neblina….

Avatar
Luiz Carlos 10 de julho de 2019

Quando se anda muito tempo atrás de um carro com luz de neblina em situação que não tem neblina quando ele pisa no freio o tempo de reação de quem vem atrás é maior tendo em vista que o cérebro já se acostumou com a luz de neblina e pode demorar a perceber a luz de freio.

Avatar
se kyong baik 10 de julho de 2019

NUM têm assunto? Vá falar besteira !!!!se nunca trabalhou na roca …..se vai ver o que tem atrás…….

Avatar
Iron Ross 9 de julho de 2019

Quando vejo esta situação, mando luz alta na traseira do indecente. Pois se ele está com esta luz ligada, é porque tem algo à frente que preciso estar atento.
Mando liuz alta.

Avatar
Luis Pavan 9 de julho de 2019

Boris, muito oportuno o seu artigo. Fico revoltado sempre que encontro em São Paulo um carro com as luzes de neblina acessas sem necessidade. Neste trânsito intenso daqui ter que ficar atrás de um carro com as luzes de neblina acessas é irritante.

Avatar
Luis Pavan 9 de julho de 2019

Boris, muito oportuno o seu artigo. Fico revoltado sempre que encontro em São Paulo um carro com as luzes de neblina acessas sem necessidade. Neste trânsito intenso daqui ter que ficar atrás de um carro com as luzes de neblina acessas é irritante. Abs

Avatar
Armen Loussinian 9 de julho de 2019

Boris: você é a primeira pessoa que vejo abordando esse tema das luzes de neblina traseiras. Realmente elas causam confusão e atrapalham muito os que vem atrás, sem falar das malditas luzes de neblina dianteiras que viraram enfeite para o carro ficar bacana; a maioria dos motoristas chamam estas de faróis de milha e saem de casa com elas ligadas.
Sempre comentei nos sites do segmento automotivo problemas relativos à iluminação que são negligenciados pelos motoristas e pelas autoridades; ninguém respeita a legislação e ninguém fiscaliza (poe exemplo), um simples item: regulagem de faróis. Basta conduzir numa estrada movimentada e observar a quantidade de veículos (incluindo ônibus e caminhões), que trafegam à vontade, com irregularidades na iluminação. Só não vê quem não quer! Nunca vi ou ouvi falar de alguém que foi parado por estar com os faróis desregulados…

Avatar
IVAN VASCONCELLOS 9 de julho de 2019

Mais uma vez, parabéns Boris. Esse assunto é recorrente, mas por culpa das autoridades de transito mesmo que não educa e nem fiscaliza,afinal não rende multa, não é?. Agora, fiscalizar farol baixo nas estradas eles sabem e multam à torto e à direito, inclusive em carros com DRL aceso.
Moro em Salvador, na Bahia, e invariavelmente, de sexta ao anoitecer ao amanhecer de segunda, baixa uma neblina invisível que nunca houve e que nunca haverá, por conta do clima na região e então, por conta dessa neblina invisível, 90% dos carros trafegam com as luzes de neblina ligadas. Não sei ao certo, mas acredito que essas pessoas, mal informadas, acham que luzes de neblina são feitas para chamar a atenção para seus carros “bonitos e equipados”. Lamentável!

Avatar
Claudio 9 de julho de 2019

Concordo, estas luzes traseiras de neblina é um ¨saco¨ para quem vem atrás. Mas quem vai autuar isto se nem os faróis nas estradas não conseguem fiscalizar.

Avatar
Deixe um comentário