Stellantis faz seu 1º anúncio de novo carro no Brasil

Modelo ainda não está definido, mas deverá ser a nova geração do Citroën C3, que chegará ao mercado no segundo semestre

Por AutoPapo 01/02/21 às 13h44
plataforma modular cmp grupo psa
Plataforma modular CMP será usada no novo modelo (Foto: PSA | Divulgação)

A Stellantis – novo grupo que surgiu da fusão da FCA com a PSA – confirmou, nesta segunda-feira (1º) o lançamento do seu primeiro modelo no mercado brasileiro. Ele chegará no segundo semestre e será feito na fábrica do grupo em Porto Real (RJ).

A empresa não confirmou qual será o modelo, mas deverá ser um hatch compacto. Segundo apuração do jornalista Marlos Ney Vidal, será o novo C3, da Citroën.

VEJA TAMBÉM:

O modelo deverá recompor a linha de carros de passeio da marca, que hoje conta apenas com o C4 Cactus , já que o C3, o C4 Lounge e o Aircross foram descontinuados – embora ainda continuem em oferta.

Em comunicado, a Stellantis se limitou a informar que o novo modelo utilizará uma variante da plataforma modular CMP: ela pode ser usada como base para a produção de veículos dos segmentos B e C – em hatches, sedãs e SUVs. Além disso, ela pode ser aplicada em modelos com propulso a combustão ou elétrica.

Novo C3

Ainda segundo informações publicadas por Vidal no site “Autos Segredos”, o novo C3 será lançado em outubro com motor o motor 1.6 16V flex, o mesmo já aplicado no Peugeot 208. Ele usará uma variação de “baixo custo” da CMP, desenvolvida para países emergentes.

Stellantis

A Stellantis é o quarto maior produtor de automóveis do mundo, empregando 400 mil funcionários e fabricando veículos de 14 marcas distintas, como Fiat, Jeep, Ram, Peugeot, Maserati e Citroen.

Hoje, o grupo tem três fábricas de carro no Brasil: em Betim (MG), Goiana (PE) e Porto Real (RJ). As duas primeiras produzem carros da FCA (Fiat e Jeep), enquanto a terceira faz os modelos da PSA (Peugeot e Citroën).

A unidade de Porto Real  completa nesta terça (1º) 20 anos de produção no país. Fundada em 1º de fevereiro de 2001, iniciou em seguida a fabricação de modelos das marcas Peugeot e Citroën, sendo os pioneiros o Peugeot 206 e o Citroën Xsara Picasso. No ano seguinte, em 2002, deu início à fabricação de motores.

“Desde 2019, foram investidos cerca de R$ 220 milhões na fábrica para a implementação de uma variante da nova plataforma global modular CMP, que dará origem a uma nova família de veículos”, afirmou o presidente da Stellantis para a América do Sul, Antonio Filosa.

SOBRE
14 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Raildo 3 de fevereiro de 2021

Castro

Respeite as opiniõesdivergentes ,pois já possui diversos fiat,e volto a dizer ,são de péssimasqualidades ,respeito sua opinião sobre sua strada ferrari , tem pessoas que não são exigentes ,é o seu caso.

Avatar
Castro 2 de fevereiro de 2021

O grupo stellantis vai ter que rebolar o C3 é um carro muito bom mas terá que mudar bem o designer muito o carro é bem feio é lógico que vai ter mudança né porque o grupo FCA Fiat e forte junto com stellantis ficou bem mais forte

Avatar
Ney Verdandi 2 de fevereiro de 2021

As falhas atualmente existentes no grupo PSA, serão corrigidas pela atual Stellantis; fica claro que o grupo FCA não vai querer perder dinheiro investido. Basta vermos como a marca Jeep foi valorizada no mundo inteiro. Acredito que a médio prazo, poderemos ver por aqui até modelos da Opel. Um projeto completo de um novo veículo, inclui investimentos milionários em plataformas, prensas, etc., esse é o motivo de determinada marca, projetar e fabricar apenas carros quadrados de baixo custo, apelando como justificativa “identidade visual da marca”. Devem atualmente utilizar até as prensas da antiga Brasília.

Avatar
Raildo 2 de fevereiro de 2021

Já possui Peugeot e Citroen ,ambos uma decepção só,e agora com fiat ,vai ficar pior ainda ,componentes de baixa qualidade .Quem viver verá

Avatar
Castro 2 de fevereiro de 2021

Você falar que a Fiat é uma empresa de péssimas qualidade você não conhece a Fiat você nunca teve um Fiat órgão excelente carro a estrada é um dos melhores caminhonete acho que você está errado

Avatar
Rafael 1 de fevereiro de 2021

Não acredito que irão utilizar o 1.6 16v… ultrapassado até dizer basta. Utilizem o 1.2 ou o 1.3 (fiat) e os novos 1.0 e 1.3 turbo. Tem tudo para ir para frente, menos motor…

Avatar
Rafael 1 de fevereiro de 2021

Não acredito que irão utilizar o 1.6 16v… ultrapassado até dizer basta. Utilizem o 1.2 ou o 1.3 (fiat) e os novos 1.0 e 1.3 turbo. Tem tudo para ir para frente, menos motor…

Avatar
Mendonça 1 de fevereiro de 2021

Sucesso a Citroën nessa nova fase!

Avatar
Samuel Peixoto paim 1 de fevereiro de 2021

É isso é bom voltar ao mercado eu realmente só posso falar do que eu sei também tenho um puogt sou da marca e com tudo não saiu dela apesar que o meu já é raridade mas para mim puogt e Citroën são os melhores carros para desempenho e conforto bom o meu está em fase de reforma mas não largo dele e fora a economia da puogt e citroen igual não tem nenhum dois carros nacionais fazem 18kl e20kl por litros só essa marca faz além da ronot

Avatar
Eduardo Teixeira Küll 1 de fevereiro de 2021

Sinceramente, no momento, não levo fé neste modelo. Em geral, as projeções são mais ousadas, mais agradáveis do que o carro de verdade e as que tem aparecido, mostram um carro, para mim, feio. Se for acurada a projeção, o modelo de série tende a ser mais decepcionante no visual. Fora outras ressalvas que existem para a marca.

Avatar
ARY ROCHA FILHO 1 de fevereiro de 2021

20 ANOS DE PSA/CITROEN NO BRASIL E NADA!!!ACHO DIFÍCIL RECUPERAR ESSE TEMPO PERDIDO, OU SERÁ QUE O MERCADO BRASILEIRO NUNCA FOI VALORIZADO PELOS FRANCESES QUE TEM EXCELENTES CARROS NO MERCADO EUROPEU?????

Avatar
Maurício 1 de fevereiro de 2021

Entre 2001 e 2012 a PSA teve uma boa fase. O C3 vendeu muito,C4 Pallas também e o Peugeot 206,a marca se perdeu nessa última década.

Avatar
Castro 2 de fevereiro de 2021

Eu tenho um Peugeot 206 é um excelente carro gosto dele pequenininho confortável completo parece o Fiat argo eu achei muito bonito pena que as peças são muito caras por isso o meu 2008 tá precisando de uma reforma quem sabe da Peugeot ou grupo estellantis não reforma ele para mim eu adoro ele * Carlos

Avatar
Vanderlei M. de Lara 1 de fevereiro de 2021

Seja bem vindo através dessa fusão importante e principalmente que esse novo veículo venha com preços competitivos e compatíveis com o mercado brasileiro.Desejo muito sucesso a Stellantis.

Avatar
Deixe um comentário