Motorista ‘LAMBÃO’ se dá mal no verão

As temperaturas mais altas da estação mais quente do ano escancaram a falta de cuidado de alguns proprietários com a manutenção de seus carros

fumaca saindo do cradiador portal
O liquido do radiador exige manutenção periódica (Foto: Shutterstock)
Por Boris Feldman
Publicado em 29/11/2023 às 18h02

O verão ainda nem chegou e as temperaturas ambiente andaram subindo uma barbaridade em todo o país. E quanto maior o calor, maior o número de carros parados nos acostamentos ou nas ruas mais íngremes.

VEJA TAMBÉM:

E o motivo é sempre o líquido do radiador que ferveu. Não pelo calorão, mas pelo desleixo do dono do carro com sua manutenção.

Na verdade, o clima com temperaturas mais baixas no inverno encobre os problemas provocados pelo motorista lambão, que completa o líquido do radiador apenas com água, sem os 50% do aditivo necessário.

Não faz as revisões periódicas e deixa vencer a validade de todos aqueles componentes essenciais para o bom funcionamento do motor em qualquer clima.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Mister Gasosa 30 de novembro de 2023

Este é o tipo de reportagem que quase ninguém lê… os motores de agora são mais sensíveis no que se refere a retífica, sendo alguns dele não a permitem em caso de empenamento de cabeçote e/ou bloco devido a superaquecimento.
E pra piorar a situação o câmbio automático também é refrigerado pelo mesmo fluido de arrefecimento do motor, sendo que em caso de corrosão no trocador de calor no câmbio pode entrar fluido de arrefecimento dentro do câmbio e misturar com o óleo de câmbio. Consequência disso, corre o risco de quebrar o câmbio.

Avatar
Deixe um comentário