Carro em fim de linha vale a pena?

Com vários modelos deixando o mercado brasileiro em 2020, volta à tona a pergunta: vale a pena comprar um carro prestes a sair de linha?

Por Boris Feldman 08/11/20 às 21h31
toyota etios 2019 4
Totota Etios sedã na cor cinza com a traseira em detalhe (Foto: Toyota | Divulgação)

Quando um carro vai deixar de ser fabricado ou importado, vale a pena ou não comprar em seus estertores? Tudo depende. Explico aqui o por que:

Se foi um produzido ou importado em pequenos volumes, o risco é grande, pela dificuldade de manutenção e porque vai perder muito o valor de revenda.

Entretanto, se foi um modelo bem sucedido, vendido durante um tempo razoável em bons volumes, comprá-lo mesmo próximo ao fim de linha, pode não ser um mau negócio. É só ficar atento: quando surgem boatos no mercado e a imprensa começa a anunciar que ele está subindo no telhado, não é hora.

O momento exato é quando a fábrica, ou a importadora, anuncia oficialmente que ele chegou ao fim. É quando sua demanda cai para valer e começa a sobrar no pátio da concessionária. Aí sim, é momento de barganhar à vontade!

Totota Etios sedã na cor cinza com a dianteira em detalhe comprar carro
Etios é um dos modelos cogitados a sair de linha no mercado brasileiro (Foto: Toyota | Divulgação)
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Caio Neves 9 de novembro de 2020

    Você já “saiu de linha” há tanto tempo, Boris, e está aí firme e forte atuando na internet e nas rádios.
    Teima em falar mal do Etios só por ele ser feio.

Avatar
Deixe um comentário