e-208 GT: caro, mas coerente

Peugeot e-208 caro? Nem tanto! Elétrico francês chega ao mercado com preço semelhante aos concorrentes da Fiat e da Mini

Peugeot E-208 chega ao mercado pouco mais caro que seus concorrentes
Peugeot e-208 chega ao mercado pouco mais caro que seus concorrentes (Foto: Montagem AutoPapo | Ernani Abrahão)
Por Boris Feldman
07 de outubro de 2021 21:32

Confirmada a previsão de que o primeiro elétrico da Peugeot estava prestes a ser lançado no Brasil. E chegou na semana passada o e-208, um hatch compacto com a mesma belíssima carroceria do Peugeot 208 a combustão. Autonomia de 340 km.

O preço de pré-venda no final do ano passado era de R$ 220 mil. Agora, no lançamento, a fábrica confirmou, devido ao ajuste do dólar, R$ 245 mil. Preço semelhante a de outros elétricos compactos como o Fiat 500e e o Mini Cooper elétrico, ambos por R$ 240 mil.

VEJA TAMBÉM:

A estratégia comercial da marca francesa estabeleceu o início de vendas do e-208, apenas em duas cidades: Rio e São Paulo. No início de 2022, estende sua oferta para outras cinco capitais.

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário