Hyundai Creta N-Line: “esportivo” anda menos que o “careta”?

O novo nível de acabamento do Hyundai Creta N-Line não apresenta upgrades na mecânica e terá ainda um motor menos eficiente

Hyundai creta n line traseira em estúdio
A nova versão do Hyundai Creta N-Line não apresentou grandes mudanças. (Foto: Divulgação | Hyundai )
Por Boris Feldman
15 de junho de 2022 07:32

A coreana Hyundai vai muito bem obrigado no nosso mercado, com os HB20 sedã e hatch e o SUV Creta. Mas, antes de lançar novos modelos, tem uma novidade na linha Creta, que é a sua “esportivização”. Como assim?

VEJA TAMBÉM:

Conferir ares esportivos a um modelo sem mudar a mecânica nem a performance. Ou alterando apenas algumas regulagens e calibrações de suspensão e direção, caso desta nova versão do Creta.

Mas, neste caso, a Hyundai exagerou, pois ela poderia ter “esportivizado” o Creta mantendo o motor 2.0 de 166 cv da versão topo de linha.

Mas, por uma questão de custos, segundo ela, será mesmo o 1.0 turbo com apenas 120 cv. Então, vai ter um “esportivo” com desempenho inferior ao de um “careta”…

A novidade é o Creta com sobrenome “N-Line”. Tem rodas, grades e outras diferenças estéticas, um primoroso acabamento interno e  preço de lançamento de R$ 160 mil.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
3 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Jo 17 de junho de 2022

Particularmente não gosto de esportivados. Ou é ou não é esportivo. Esse valor está pornográfico.

Avatar
Jão Silva 16 de junho de 2022

A hyundai pecou em não oferecer nas versões intermediárias itens que estão presentes em grande parte dos concorrentes, como frenagem autônoma, assistente de correção de saída de faixa, etc… itens presentes na maioria dos concorrentes e por preços equivalentes ou menores. Agora tentou correr atrás do prejuízo, mas com o preço lá nas alturas e o pífio motor 1.0 de 120 cavalos. Continua não atrativo. Mais vantagem partir pra versão topo.

Avatar
Val Juvencio 15 de junho de 2022

isso é uma vergonha…….motor 1.0…..que horror………

Avatar
Deixe um comentário