Óleo do câmbio automático: afinal, troca-se ou não?

Caso o óleo do câmbio automático do carro não seja substituído, existe algum risco de haver problemas posteriores? Explico aqui

Por Boris Feldman 19/08/20 às 21h31
novo chevrolet tracker 2021 cambio marchas automatico manopla
Manopla do câmbio automático do novo Chevrolet Tracker 2021 em detalhe (Foto: Chevrolet | Divulgação)

Agora que o câmbio automático deixou de ser tabu no mercado brasileiro, e privilégio dos carros mais caros e sofisticados, até os compactos estão vindo sem o pedal da embreagem.

E também dúvidas e problemas desses automáticos. Um deles, a troca do fluido do cambio, pois umas fábricas recomendam, outras não.

Já recebi reclamação do dono de carro com câmbio automático que a fábrica não recomenda a substituição do óleo, mas que teve um problema grave e que ser reparado – o que lhe custou uma nota; e o mecânico diz que a culpa é do fluido que não foi substituído.

Porém, como o dono diz que o comprou usado, pode ter acontecido um superaquecimento do motor, quando ainda era do outro proprietário, e o óleo do câmbio automático – que também passa pelo radiador – também ter sofrido um superaquecimento.

O que veio a danificar os componentes do câmbio.

Manopla do câmbio automático do novo Chevrolet Tracker 2021 em detalhe
Fluido do câmbio automático do automóvel deve ser trocado? Se não substituído, causa problemas? (Foto Chevrolet | Divulgação)
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
177 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Carlos 26 de novembro de 2020

Matéria horrível! Não responde a própria pergunta!
Ao final, a “brilhante” conclusão do jornalista diz que: “Uns acham de deve trocar, outros não”.
Que feio!

Avatar
Magno 9 de novembro de 2020

Boa tarde,
a troca parcial do óleo da transmissão do Honda CRV 2009 é recomendável?

Avatar
Teodomiro Geraldo de Assis Ribeiro 17 de setembro de 2020

Tenho um Chevrolet Spin, câmbio automático. Está com 138000 km.Sou um motorista cuidadoso e nunca abuso do carro.Na estrada ando cauteloso e raramente passo de 100 por hora. Peço orientação se devo ou não devo trocar o óleo do cambio. Agradeço pela orientação.

Avatar
Nataly 24 de agosto de 2020

E aí troca ou não troca? Parece que a resposta é pra procurar nos comentários

Avatar
Rodrigo Provensi 22 de outubro de 2020

Fiquei na mesma

Avatar
Kleiber José de Lima Mendes 23 de agosto de 2020

Porque cambio automático tem peças de plástico

Avatar
Lourival Pereira da Silva 23 de agosto de 2020

Preciso terminar meu comentário. Continuando com a toro flex, t em que trocar o óleo do cambio sim. Principalmente se for dotada de cambio automático. Pois bem no manual diz que não necessita trocar. Agora eu pergunto novamente: Qual o óleo que vai durar indefinidamente? Será que o cambio vai funcionar uns 15 anos e o óleo vai ficar lindo? Vermelhinho? Vamos encarar a realidade meus amigos. Vamos fazer a troca. E reafirmo
o primeiro cambio com conversor de torque que eu conheci foram adotados nas maquinas Caterpillar, Pá mecânica, cujo funcionamento era idêntico aos adotados hoje nos automóveis. Sua manutençao requeria todo cuidado e zelo, com troca do óleo determinada pelas hora trabalhadas pelo motor. A Caterpillar era tão minuciosa que proibia a limpeza da vareta de verificação de óleo com estopa, cuja prática poderia destruir o motor pela simples presença de um fiapo de estopa entre os anéis de compresso e a parede do cilindro. Estou citando essas anomalias para alertar nossos companheiros proprietários de automóveis no cuidado ao limpar a vareta de nível do óleo. Eu sempre uso um pano limpo e sem farpas ou então papel toalha e após a aplicaçao do papel eu passo a vareta entre os dedos para retirar um possível fiapo que possa ter aderido. Parece brincadeira uma estopa estragar um motor. Mas foi o que aconteceu conosco numa pá mecanica que foi necessário mandar o motor para Brasília para retífica. Na retífica Oeste. (nao sei se essa firma ainda existe). Finalizo agradecendo a vocês todos e espero ter contribuido para sanar essa dúvida que realmente nos preocupa. Infelizmente os manuais do proprietário nada informam a respeito da parte mecânica dos carros, limitando-se à dar explicações sobre manutenção e alertas sobre o uso. Gratos.

Avatar
Fabiano 23 de agosto de 2020

Frita vários pastéis no mesmo óleo …ve se ele fica bom…nossa q pergunta…pra mim pode não trocar…deixa cair na minha oficina pra ver…

Avatar
Ismael Gonçalves 22 de agosto de 2020

Lixo de reportagem, a final troca ou não troca….seria mais ou menos assim, apagar fogo com gasolina…

Avatar
GUILHERME 22 de agosto de 2020

Obrigado, por nada…

Avatar
Thiago Henrique da silva 22 de agosto de 2020

Tá. E aí?

Avatar
José Mauricio 22 de agosto de 2020

Que lixo de reportagem, enrolaram e não disseram nada!

Avatar
Vanir Luchtenberg 22 de agosto de 2020

E aí, ficou resolvido que ninguém resolveu nada,falaram troca ou ñ troca é chegamos a conclusão que troca ou ñ troca e ninguém sabe porra nenhuma.

Avatar
Lourival Pereira da Silva 22 de agosto de 2020

Aconteceu um acidente aqui na postagem. Continuando, se você for um cliente inssistente certamente será atendido e beneficiado com o concerto.
Mas voltando á questão da troca ou não troca, deve trocar sim. Não confie no manual com troca de óleo do motor com 20.000 km. Isso é um absurdo, nunca um motor aguentará incólume um trabalho de 20.000 sem troca. T
Tenho um jeep renegado diesel com 31.000 kms, já troquei o óleo 4 vezes entre 7 e 6 mil uma, estou esperando completar 50.000 kms rodados para tro
car o óleo do cambio . No manual a troca está especificada em 20.000 uma para o motor. Jamais vou rodar essa quilómetragem sem a troca.

Já para a Fiat toro Flex o manual específica que não há necessidade da troca do óleo do câmbio.

Avatar
Eidi 22 de agosto de 2020

Moro no Japão ;onde 99% dos carros são automáticos e cvt;as concessionárias trocam os fluidos nas km recomendavas então na minha opinião deve ser trocados porque se deixar o fluido fico numa coloração escura e danifica os componentes

Avatar
Lourival Pereira da Silva 22 de agosto de 2020

Boa noite, agradeço de coração àqueles que leram meu comentario e me elogiaram. Bom, tenho 78 anos aposentado do extinto Dner. Por isso possuo alguma experiência em máquinas e motores.
Lendo esses comentários notei que a dúvida: troca ou não troca, ficou sem uma luz esclarecedora. Pois bem: pra mim que já possuí vários tipos de automóveis dos anos 70 à data presente, cheguei à conclusão que as montadoras e concessionárias estão pouco lixando se você vai ou não trocar o óleo do seu carro (motor e cambio). Caso aconteça uma pane ou danos no motor e cambio sempre vão colocar a culpa no proprietário, alegando mau uso ou combustível adulterado entre outras alegações.
O lema das montadoras e vc é dificultarem o máximo o conserto do seu veículo caso dê problemas. Se você for um cliente insistente e ” escamoso” isto é aquele cliente irritante e criador de caso dentro de sua razão

Avatar
Ale Chaves 22 de agosto de 2020

Olhei o manual do prisma automático 2017 fala que a troca do óleo de câmbio, só deve ser trocado se andar em condições severas! Como carro muito usado em estradas de chão, taxi, muito tempo parado( carro q não anda muito) carro muito usado em trânsito intenso… Na minha opinião tem q trocar o óleo de câmbio, independente das condições….

Avatar
Kleiton 22 de agosto de 2020

Tb acho. Melhor trocar que remediar. Ainda pra mim essa fala das montadoras que não precisa trocar e conversa fiada. Não existe lubrificante que mantém suas propriedades eternamente.

Avatar
Luis Barbosa 22 de agosto de 2020

Pessoal, se os óleos lubrificantes e fluidos vencem dentro da embalagem quanto mais em funcionamento nós seus motores e transmissoes.O único fluido vitalício que eu conheço está na maquina mais perfeita que já foi projetada o corpo humano. Esse fluido e o sangue.Os outros todos trocam. E ponto final.

Avatar
Darli Liberato 22 de agosto de 2020

Para de falar besteira

Avatar
Thiago 22 de agosto de 2020

Até o sangue é substituído aos poucos pelo organismo. Ele é renovado. A diferença é que essa troca é automática.

Avatar
Jose euripedes da silva 22 de agosto de 2020

Boa noite.ate o sangue algumas vezes também se troca,esqueceu a hemodiálise?

Avatar
NILSON COSTA DE OLIVEIRA 30 de outubro de 2020

Como não.
Nosso sangue é filtrado e renovado sempre e diariamente.

Avatar
Paulo 22 de agosto de 2020

Materia ridícula! Não traz nenhuma informação, lamentável.

Avatar
EDSON JOSE DOS SANTOS 22 de agosto de 2020

Nem ele sabe o que tá falando Aiai viu

Avatar
Derrer Costa 22 de agosto de 2020

Adoro escutar esse Boris Feldman
Kkkkk
Ele falou falou é não disse nada!!

Avatar
Demóstenes Luís Campelo Galvão 22 de agosto de 2020

Reportagem sem nenhum sentido. Faz a chamada com uma pergunta, mas NÃO responde. Perdi meu tempo.

Avatar
Eduardo 22 de agosto de 2020

Troca sim cada fluido tem sua validade em kilometragem, tempo de uso e embalagem,
A maioria vence com 5 anos na embalagem desde a sua data de envase,
Recomento a Automáticos Premium em Curitiba pessoal que me ensinou muito a nao perder dinheiro e ter gastos desnecessários com meu veículo

Avatar
Luiz André 22 de agosto de 2020

Sr Boris, tudo bem?
Lhe acompanho no YouTube e outras mídias.
E aí, troca ou não troca o fluído?
Parabéns pelas reportagens!
Abraços……
Luiz Votuporanga SP

Avatar
Helcio Aparecido Ferreira. 22 de agosto de 2020

Boa tarde.
Eu tenho um Ecosport 2007 e nunca foi trocado o oléo do câmbio automático. Más está funcionando perfeitamente, devo trocar o óleo dele ou não?

Avatar
Maurício marinho 22 de agosto de 2020

Tenho um suzuki sx4 ele 2011 ele está com 70.000 km precisa ser trocado o óleo de câmbio?

Avatar
Adilson frança 22 de agosto de 2020

Troquem sempre.
Não há óleo para sempre. Ele vai perdendo a liga e certamente danificará algum componente que exija maior pressão.

Avatar
Ismael 22 de agosto de 2020

Falou bastante mas cadê a resposta?
Troca se ou não?

Avatar
NILSON VELOZO 22 de agosto de 2020

Bóris, cadê a resposta? Troca-se ou não?

Avatar
Samira Calixto 22 de agosto de 2020

Hb20 2014/15 câmbio automático, comprei com 37.000km e já está com 42.000km, preciso trocar o óleo do câmbio?

Avatar
Luiz carlos Pacheco 22 de agosto de 2020

Recomendaria com 40.000 km pode rodar tranquilo!

Avatar
Paulo Roberto Moreira correa 22 de agosto de 2020

Falou,vfalou, mas não respondeu a própria pergunta!
Troque sempre o fluido do câmbio, pois não existe fluido vitalício.

Avatar
CARLOS HENRIQUE 22 de agosto de 2020

Cobalt 2015 1.8 automático, troco sim o óleo da transmissão, dextron 6 mobil original GM, paguei 340 reais 9 litros de óleo e o rei do óleo perto de casa cobrou 150 reais de mão de obra, troca na máquina! Recomendado trocar a 50 mil km, câmbio da GM é muito sensível, costuma dar problemas

Avatar
Sidney 22 de agosto de 2020

Tenho um cobalt automático no manual ñ fala que precisa trocar o óleo de câmbio

Avatar
Marcão 22 de agosto de 2020

Tenho spin 2016 N troquei óleo ainda troco ou nao

Avatar
Benício de Souza 22 de agosto de 2020

Cadê a explicação??

Avatar
Moisés Carvalho 22 de agosto de 2020

Sim finalmente deve ser trocado ou não?

Avatar
João C 22 de agosto de 2020

Todos os óleos do veículo tem que ser trocado um, o do câmbio automático é um deles porém ele dura mais que a do câmbio manual.
Eu tenho um Nissan e levei pra revisão de 50mil km e o mecânico me falou que o óleo do câmbio automático só troca a cada 100mil km.

Avatar
Edson 22 de agosto de 2020

O Boris vc não deu dica nenhuma, pelo contrário , só deixou mais dúvida sobre o assunto.

Avatar
José Alicio Bronze 22 de agosto de 2020

Eu troquei do meu Honda Civic ontem na agência porque o mecânico me recomendou para trocar então o fiz a substituição do óleo.

Avatar
Luis Alberto 22 de agosto de 2020

Eu entendo que todo e qualquer óleo e ou fluidos devem ser trocados para que possamos garantir sempre o bom funcionamento de todos os componentes, isso claro sempre utilizando os óleos e fluidos indicados pelo fabricante do veículo, só assim teremos uma garantia de que caso venha acontecer algo de anormal com seu veículo você poderá ter argumentos a serem discutidos junto ao fabricante de seu veículo. ESSA É A MINHA HUMILDE OPINIÃO SOBRE ESTES FATOS.

Avatar
Reinaldo Soares 22 de agosto de 2020

Tenho corolla 2014 com 160.000 km nunca troquei e nunca abaixou uma gota

Avatar
Wellington 22 de agosto de 2020

Então deve sim ser trocado vc que tem o Corolla com 160 mil km. Se não ficar esperto vai ter que arcar com uma caixa de câmbio kkkkkk por ser ignorante desse jeito

Avatar
Alexandre Augusto Ceolin 22 de agosto de 2020

Não irá baixar o nível mesmo. Só ficará queimado e sem viscosidade entre outras prioridades benéficas perdidas com o uso.

Cada caso é um caso, mas a média é 100.000 ou 10 anos de uso (o que ocorrer primeiro)

Avatar
Nicola Rossetti 22 de agosto de 2020

Agora que a maioria do veículos no brasil é automático, as montadoras estão querendo faturar em cima dos clientes.
Só para informar tive um Astra 2008 rodei 168 mil km, nunca troquei óleo do câmbio automático.
A Honda e Hyundai pede para trocar o óleo do câmbio automático com 40 mil km.
E a revisão de 40 mil do meu Honda Fit ficou R$ 1.800,00. Quando você compra o veículo ninguem avisa desse valor absurdo.
Vendi o carro e nunca mais quero o Honda

Avatar
FABIANO 7 de setembro de 2020

Detalhe , no manual pedem “Substituição”, qdo vai ver a especificação, falam em 3,4l, ou seja, a troca é parcial, e não precisa ser muito técnico pra entender que misturar oléo usado com novo vai ser a melhor escolha. A troca total são 8l.

Avatar
Ricardo huzian 22 de agosto de 2020

Entendi, é pra seguir o que consta no manual de cada fabricante.

Avatar
Francisco Costa 22 de agosto de 2020

Por isso que eu prefiro um milhão de vezes carros com câmbio manual. Não tem esses problemas todos e nem precisa gastar um caminhão de dinheiro somente para trocar o óleo da caixa de câmbio. Jamais comprarei carros automáticos. São horríveis na minha opinião.

Avatar
FABRICIO DE SOUZA NETO 22 de agosto de 2020

Afinal, é ou não para trocar?
A dúvida continua!

Avatar
Márcio Bandeira 22 de agosto de 2020

Matéria inútil, sem conteúdo. Não explicou nada!!! Horrível…

Avatar
Gustavo 22 de agosto de 2020

Concordo plenamente só chama a atenção pelo assunto e não fala nada.

Avatar
André 21 de agosto de 2020

Eu tenho um Honda Fit automático e sei que, ao menos dessa marca, deve-se trocar a cada 40 ou 50 mil km. Qdo comprei o carro (usado) ele trepidava quando iniciava a aceleração, que era uma coisa simples e muito rápida (de 1 ou 2 segundos), só quando largava o pedal do freio e começava acelerar, e daí já parava. A revenda consertou isso e disse que para resolver o problema foi só trocar o óleo da caixa.
Alguns meses depois outro familiar comprou o mesmo carro (mesmo ano e modelo) e ocorria exatamente o mesmo problema, que levou em outro mecânico e a solução foi a mesma, trocar o óleo da caixa, que acabou a trepidação.

Avatar
Marco 22 de agosto de 2020

Tenho um Honda Civic e o problema e o mesmo. Qndo acelera tripida e depois da troca fica tudo normal !

Avatar
Nelson 21 de agosto de 2020

Tenho corolla 2003 com 160.000 km nunca troquei e nunca abaixou uma gota.

Avatar
Flávio 22 de agosto de 2020

Deve ter virado uma gelatina

Avatar
Márcio Rocha 21 de agosto de 2020

A matéria não respondeu a dúvida de ninguém. Eu tenho um Prisma 2.015 automático e no manual da montadora não recomenda a troca, mais as lojas de troca de óleo querem sempre trocar, não sei se é para vender o óleo que é super caro.

Avatar
Mauricio 22 de agosto de 2020

Procure na internet o manual do câmbio utilizado no teu carro e verás que o fabricante recomenda a troca. Tive um probleminha com este mesmo carro justamente por não trocar o bendito óleo.

Avatar
Eneas 21 de agosto de 2020

Que matéria horrível! Coloca a questão e nem sequer responde. Muito fraquinho!

Avatar
Pale ale 21 de agosto de 2020

É claro q precisa substituir…45.000km é óleo sintético.. sem miséria..pq a vítima será vc mesmo..tá ok

Avatar
Carlos Jose 21 de agosto de 2020

Falou e falou e não explicou nada.Tenho um carro automático que o fabricante recomenda nunca trocar o oleo( duraria para todas vida), e os Especialistas da Marca dizem que na prática ” não é bem assim”,mas também eles recomendam que não se mexa na caixa,a não ser que ocorram ruídos anormais e trancos.

Avatar
André Gonçalves Gimenes 21 de agosto de 2020

Ressaltando:
Linha PSA-Citroen/Peugeot e Renault.
Câmbio Al4 é feito um diagnóstico, muitas das trocas não é necessário “abrir o câmbio” como muitos falam. Feito o “scaner” o mecânico diz que deve ou não deve fazer.
Mas o óleo da transmissão automática, trocasse todo.
Se troca o óleo de 2 maneiras:
Com uma máquina própria ou abrindo o câmbio, fora isso, não há outra maneira como muitos fazem na garagem: “levanta o carro, abre o bujão e esvazia o cárter”.
Não seja “machenico” procure um profissional.

Avatar
ANDERSON TEIXEIRA MEDEIROS 22 de agosto de 2020

Comentário perfeito!
Tenho um Sandero 2012 automático AL4 e procurei um especialista que me disse exatamente o que vc comentou.Primeiro avalia-se a qualidade do óleo e dependendo do resultado,troca parcial,total ou então nem se troca por medidas de segurança.

Avatar
Jairo 21 de agosto de 2020

A média de kilometragem p a troca do óleo de câmbio é de 50.000km variando de acordo c a fabricante.

Avatar
Jairo 21 de agosto de 2020

Se não tivesse necessidade de trocar o óleo da caixa automática ou manual, no manual do propietario não indicaria p trocar.
O melhor é seguir o indicado pelo fabricante.

Avatar
Dirceo da Costa Cunchertt 21 de agosto de 2020

Trabalhei na Dipesul 18 anos desde 1996 já com cambio automático caixa Alisson vhoit zf e vc volvo só travamos da cx volvo mais moderna, agora tenho um Voyage automático 2019.a consegui ária dis para não trocar o óleo aí fico naquela.

Avatar
Jairo 21 de agosto de 2020

Cuidado c as concessionárias eles fazem a troca somente do reservatório(carter) da caixa de câmbio automático, na realidade tem q trocar o óleo de todo o circuito da caixa.
Já passei por isso, é melhor procurar uma oficina especializada em caixas automáticas.

Avatar
Eugênio Régis 21 de agosto de 2020

Que coisa, que matéria absurda. Não respondeu nada. Lamentável!

Avatar
Cesar Pedro. 21 de agosto de 2020

Estou no mercado automobilístico a 25 anos. E a reposta é NÃO SE TROCA OLEO DE CÂMBIO A NÃO SER QUE TENHA VAZAMENTO.

Avatar
João Carlos Marks 21 de agosto de 2020

Tenho uma spin automática com 250 mil km rodados. Nunca fiz a troca de óleo, conforme recomenda o manual do carro. Nem precisei repor até agora. Permanece no nível. Está começando a saquear um pouco na redução de marcha qdo com motor aquecido. Acho que ainda vai uns 50 mil km até reformar.

Avatar
Alexandre Augusto Ceolin 22 de agosto de 2020

Se deixar sem trocar, vai gastar uns 10.000,00 pra consertar e ainda terá que colocar óleo novo.

Realmente não baixa o nível, só perde as propriedades benéficas (viscosidade etc etc)

Avatar
Pedro 22 de agosto de 2020

Discordo a 25 anos só existia carros manuais quase , estes sim não se trocava. Automático é outra coisa.

Avatar
Jairo 21 de agosto de 2020

Todos ou quase todos os veículos tem escrito no manual com qual km tem q trocar o óleo da caixa de marcha, seja automática ou manual.
E também a especificações do óleo.

Avatar
Marcos 21 de agosto de 2020

Tenho um vecta elite 2006 a Chevrolet não recomenda troca . Devo respeita. Ou eu troco ó oleio do câmbio

Avatar
Marcelo 21 de agosto de 2020

Eu tenho um vectra 2007 elegance e já travou o câmbio danificou por conta do óleo que superaqueceu e danificou os rolamento o câmbio que são 25 rolamentinhos la dentro e gasta uma.nota pra arruma e o mecânico disse que é bom.troca o óleo sempre pelo menos em.60 mil.km

Avatar
JOSE CARLOS ANTUNES DE SOUZA 22 de agosto de 2020

Sim claro q tem q troca eses burro q dizem q nao presiza troca vc ja viu um produto dura pa sempre ainda mais trabalhando aquecido e com presao mais vale gasta 1.500 numa traca de olho daq paga 8.000 pa fase a caixa por falta de troca do olho a caixa automatica ela vai sofrendo disgaste e vai soltando limalha de metal e esas limalha vai intupindo os filtros e corpo de valvola e com iso a lubrificasao vai ficando cada x menos ai e onde comesa o super aquesimento ja vai po pau a bomba e a caixa todo masimo 60 mil km se vc quiser ter um cambio sempre bom

Avatar
RICARDO FREITAS 21 de agosto de 2020

E a resposta sobre o tema que não teve…

Avatar
Humberto Sartini 21 de agosto de 2020

Que explicação foi essa? Afinal você não disse se recomenda ou não a troca. Dê a sua opinião, mesmo que seja diferente da minha, eu respeitarei, o que não quero é a manchete com uma pergunta que não é respondida nem no texto nem no vídeo (que aliás é apenas a leitura do mesmo texto). Que lastimável.

Avatar
Leonilto Alves da Guia 22 de agosto de 2020

Na vida nada é para sempre todas e todos vence e estragam.

Avatar
Antônio besso chaves. 21 de agosto de 2020

Do Corolla BRAD,09/08 ,TROCA OU NAO,SE SIM.faz atroca parcial ou completa.???

Avatar
Alexandre Augusto Ceolin 22 de agosto de 2020

Acredito que trocas parciais de qualquer óleo

ou trocar total o Óleo e não trocar o filtro todas as vezes, seria quase que nem tomar banho e sempre colocar a mesma cueca.

Avatar
diego 21 de agosto de 2020

tenho uma ix35 com 200 mil km 2012 e um civic 92 com 400 mil, ambos automáticos e comprados zero km, nunca troquei e nunca tive problema. vcs que lutem

Avatar
Antônio Percine Cosinha 21 de agosto de 2020

Meu carro Etios 2019, está com 39.000, devo trocar, se sim qual o óleo certo

Avatar
João Mainardi 21 de agosto de 2020

Que matéria mais inútil. A única coisa que deveria fazer era responder a pergunta: O óleo do câmbio automático precisa ser trocado?
Não respondeu.

Avatar
Pale ale 21 de agosto de 2020

Sim..troque com 45.000..o tipo do óleo está no manual..tá ok

Avatar
Antonio Marcos Dantas Barbosa 21 de agosto de 2020

No meu caso e um cambio AL4 C4pallas, nunca foi trocado, quando comprei o carro ,o ele começou a dar tranco, e entra em modo de emergência, falei com o vendedor e ele disse que era assim mesmo, quando deu certo de falar com a pessoa que vendeu pra essa agência, aí eu disse que ia devolver o carro e por na justiça, eles compraram o carro dizendo pra antiga dona oque tinha que fazer e pagaram o preço lá em baixo, venderam pra mim a preço de tabela e não arrumaram na época,
Quando eu disse que ia acionar a justiça eles resolveram o negócio,,,
E a brincadeira ficou a bagatela de 5.500 reais, ,
O mecânico disse se tivesse trocado , gastaria no máximo 1.000 reais,
Ainda bem que eu tive a sorte de perceber antes de vencer a garantia,
Hoje estou muito feliz com o meu carro , sempre de olho nas km ,

Avatar
André Gonçalves Gimenes 21 de agosto de 2020

Oi colega, toda linha de carros da PSA-(Citroen, Peugeot) e Renault, câmbio Al4 troca todo o óleo a cada 40.000-50.000km.
Meu exemplo: Tenho um Citroen Xantia, 2.000/2.0001 automático, câmbio Al4, Igual ao seu e troquei o óleo recentemente
6 litros de óleo+filtros+válvulas solenóides+mão de obra = R$900,00
Não acho cara isso você previne certos problemas no seu carro.
Aconselho você ir numa mecânica especializada em câmbio automático.
Esse Câmbio muitos falam quê é problemática, porém nunca tive, faça a manutenção correta que terá carro por muito tempo.

Avatar
Pale ale 21 de agosto de 2020

Com essa bela máquina francesa..é melhor vc trocar o óleo de o câmbio a cada 30.000km..tá ok

Avatar
Gustavo Barros 21 de agosto de 2020

Boa tarde.
No manual do meu carro,um Captiva Ecotec Sport veio com a informação que a primeira troca é com 80.000 km e posteriormente com 160.000,mesmo assim fui buscar mais informações, tanto na concessionária e em oficinas especializadas falaram tem que seria a primeira vez com 80.000 km.
Fiquei mais tranquilo,mas mesmo com essas informações irei trocar com 75.000 km,se estiver com ele ainda,pois atualmente ele está com 62.000 km/ 2012 .
Obrigado

Avatar
Vagner Lima 21 de agosto de 2020

Boa tarde pessoal td bem, tenho cruze 2014 chegando próximo aos 70mil km, não sei se o antigo proprietário trocou ou nãoóleo de câmbio, mas na dúvida troquei, óleo e mais e mão de obra ficou $700,00 agora só rodar.

Avatar
Regis 21 de agosto de 2020

Tudo isso eu mesmo troco

Avatar
Cleberson de Souza 21 de agosto de 2020

Amigo, tenho um gm sonic 2013 que é mesmo motor do seu cruze. Eu sou segundo dono, peguei ele em março/20 com 33 mil km, troquei o kit correia dentada por precaução e minha surpresa a mesma ja estava ressecada, então fui trocar o óleo da transmissão, outra surpresa, o óleo da transmissão estava preto fiz a troca com a reprogramação do câmbio ficou outro carro. Troca que é melhor, um amigo meu com um cruze 2012 deu prejuízo 6k na transmissão com 86k por não trocar o óleo.

Avatar
Pale ale 21 de agosto de 2020

O motor do Sonic é 1.6..o do cruze..1.8..ecotec 16v..troque tudo a cada 50.000k

Avatar
Cleberson 21 de agosto de 2020

Fluido de transmissão automática com certeza deve ser trocado, principalmente a cada 5 anos ou 60k. Não adianta também só cuidar da troca do fluido da transmissão. O sistema de arrefecimento se não estiver em dia, com limpeza no sistema e uso do concentrado com água desmineralizada. A transmissão vai apresentar problema mesmo jeito, pois o fluido passa por um mini radiador que utiliza o arrefecimento principal. Quando contaminado ele não resfria o fluido e a mecatrônica da transmissão vai pro pau. Ai prepara o bolso. Pra quem gosta de botar água de torneira no radiador, meus sentimentos..

Avatar
André Gonçalves Gimenes 21 de agosto de 2020

Olá a todos.
Na minha umilde visão:
Sim trocasse óleo de câmbio automático, conforme o Fabricante.
Hyundai Azera – óleo câmbio+filtro automático, a cada 30.000km
Linha PSA-(Peugeot,Citroen) e Renault,câmbio Al4,cada 40.000-50.000km.
Exemplo tenho um Citroen Xantia, 2.000/2.0001, câmbio Al4 e fiz a troca recentemente, 6 litros+filtros+2-solenoides ficou R$900,00 já com mão de obra.

Avatar
Cláudio Queiroz 21 de agosto de 2020

Errado amigo. A Hyundai recomenda não trocar o óleo do Azera.

Avatar
André Gonçalves Gimenes 21 de agosto de 2020

Então, tenho um colega meu que tem um Azera, 2011 e foi por recomendação do fabricante, a cada 30.000km trocar óleo do câmbio+filtro.
Linha da Toyota, Toyota Fielder a cada 30.000-40.000km
Na dúvida melhor trocar.

Avatar
Elias Rafael stanescos 21 de agosto de 2020

Prezados amigos cada vez mais estamos cercados de incompetentes e esse incompetentes podem te prejudicar muito!!
Quem não lembra dos manuais de carros que afirmavam que a primeira troca de óleo DO MOTOR deveria ser feita com 20 mil km?!?!?!?!!?!E um monte de motor foi embora graças ao manual do fabricante?os câmbios do citroen e peugeout dizem que o câmbio o óleo e vitalício e não é!!!tem que ser trocado de 30 ou 40 mil km para não ter problema na caixa!!!melhor você gastar e trocar logo o óleo nessa km do que você ter um prejuízo que pode chegar às vezes ao valor ou 50% do valor do carro!!!!carecemos de pessoas que precisam de bom senso em reportagem e de dar dicas aos motoristas e consumidores infelizmente eu já vi loja dizer que Amortecedor tem data de validade de 6 meses!!!!!ouvir isso foi de doer!!!!todo mundo deveria falar:”cambio automático e óleo que você vai gastar e precisa e trocar leve em conta isso!!!se você não puder arcar com as despesas compre um manual !!!!” Só que no fim ninguém fala essas coisas !!!! Os motores dos up e as correias que não é qualquer pessoa que troca são carros a preços populares que quem não tiver dinheiro para manutenção vai ser lascar todo!!!!então aviso precisamos de pessoas de bom senso que avisem a verdade sobre custo de manutenção e como deve ser feito !!!

Avatar
Cláudio Queiroz 21 de agosto de 2020

Totalmente errado

Avatar
Pale ale 21 de agosto de 2020

É issoo mesmo..tem muito pilantra muito curioso muito palpiteiros mexendo com carro..tenha um mecânico de confiança pronto e acabou..antecipe as trocas em 5.000km..e..pronto e acabou..óleo do motor troque a cada 5.000 e do câmbio automático a cada 40.000..pronto acabou!!!

Avatar
MAXIMILIANO MOREIRA ASSIS 21 de agosto de 2020

Boa tarde. Concerteza é fundamental a troca do óleo. Não dá prá correr riscos. Pois a manutenção do câmbio automático. Caríssimo. Meu conselho. Na. Duvida faça a troca

Avatar
Marcelo Henrique Sampaio Viana 21 de agosto de 2020

Tenho um Hyundai ix35 11/12, acho que vou ler o manual e ligar na concessionária para obter mais informações 👍

Avatar
Luzimar 21 de agosto de 2020

Bom dia muito vaga essa reportagem.tenho um Corolla 2015 até as próprias concessionárias da Toyota há um desencontro de informações umas orienta levar para um técnico fazer uma avaliação detalhes sai por + – 550.00 R$ essa avaliação fora o serviço de troca se for necessário eu acho um absurdo detalhe esse carro não tem nem a vareta para verificação do óleo

Avatar
Fábio 21 de agosto de 2020

Como alguns já falaram, é recomendável ler o manual do veículo, pois lá tem essa informação. Meu carro mesmo é um Honda fit 2016 e o manual recomenda fazer a primeira a troca do fluido da transmissão com 40 mil km ou 4 anos. Acredito que cada fabricante de carro ou modelo de câmbio tem suas especificidades.

Avatar
Sávio Estevão 21 de agosto de 2020

Comprei o meu com 80.000 km, liguei na época na Ford, disseram que era com 100.000 km a troca, porém, liguei em outras duas oficinas renomadas de Curitiba, uma disse que era com 40.000 km e a outra, com 60.000 km.
Resolvi ler o manual e resolvi assumir o risco de fazer segundo o fabricante do carro, 120.000 km.
Minha opinião a vocês seria ler o manual de seus carros, do contrário, procure uma oficina de sua confiança.
São muito variado os modelos de câmbio, o meu por exemplo e dos piores, segundo as lendas.

Avatar
Senival 21 de agosto de 2020

tenho um Corolla ano 13/14 troquei o óleo do câmbio esta semana na concessionária Toyota e me orientaram quê a próxima troca será com 80km

Avatar
Rolison Reley de Lima Oliveira 21 de agosto de 2020

Tenho uma Corolla 2017 cvt afinal troca ou não troca o óleo de cx

Avatar
Pale ale 21 de agosto de 2020

Troca sim..o cvt é o automático de pobre..o falso automático.. mas tem q trocar

Avatar
Erik Magno 22 de agosto de 2020

Somente a ignorância justifica dizer uma bobagem dessas: “CVT é automático do pobre”.

A Caixa CVT dessa geração do Corolla é talvez a mais moderna e eficiente da atualidade. A Toyota recomenda, em condições de uso normal, verificar o nível e a condição do fluido a cada 20.000 km e, somente se necessário, efetuar a troca.

A Caixa CVT Toyota (ambas que estão à venda no Brasil) sequer têm como drenar o fluido, apenas uma ampola de verificação. Para efetuar-se a troca é necessário retirar toda a tampa inferior da caixa de câmbio, retirando vários parafusos e a junta líquida, uma operação não prevista para ser frequente.

Avatar
Jerferson 21 de agosto de 2020

Ficou em cima do muro… Claro,não quer contrariar as montadora pois a maioria não recomendam troca nem disponibiliza esse serviço.
Troca do oleo do Câmbio automático á cada 2 anos ou 40.000km a PRADOMATIC realiza esse serviço desde 1991 com a máquina da WINN’S, a maioria dos professores do assunto se quer haviam visto um Câmbio automático desmontado nessa época.

Avatar
VALDEMIR DA SILVA SALES 21 de agosto de 2020

Esse cara está tirando dúvidas ou quer aprender? Pois deixou a pergunta sem resposta.

Avatar
Joaquim 21 de agosto de 2020

Que reportagem é essa? Esqueceram de publicar alguma coisa ou para confundir o leitor mesmo.

Avatar
Bob 21 de agosto de 2020

Que reportagem superficial e sem conteúdo. Poxa Boris, vc já foi melhor. Afinal, troca ou não troca? Mesmo as fabricantes que não orientam a troca, seria bom trocar?

Avatar
Sávio Estevão 21 de agosto de 2020

Eu tenho um Ford Edge, 2011, o manual recomenda a cada 120.000 km.
Está quase na hora.

Avatar
Pale ale 21 de agosto de 2020

Não faça isso..a Ford exagera nessas km troque imediatamente..
Mesma coisa acontece com a correia dentada..não vái atrás de manual..troque a dentada com 80.000km
Seu bolso agradecerá..
Câmbio automático se troca com 40k

Avatar
Gustavo RS 21 de agosto de 2020

Reportagem ficou em cima do muro, não deu certeza de que se deve trocar ou não o óleo da cx e jogou as informações por conta dos comentários dos leitores. Conclusão: reportagem inútil.

Avatar
Álvaro pinto de Souza 20 de agosto de 2020

meu carro e Ronda esta com 40 mil km guando trocar o óleo da caixa de marcha obrigado abraço Álvaro

Avatar
Wilson 20 de agosto de 2020

Troco ou no o óleo do cambio automático Corolla

Avatar
Lucas 21 de agosto de 2020

Carro que é usado para força, tipo está sempre com reboque, precisa trocar a cada 100 km

Avatar
Lourival Pereira da Silva 20 de agosto de 2020

Assim, como um componente do carro, que após um determinado uso entra em fadiga ou cria folgas, o óleo do cambio tambem sofre os revezes do esforço do funcionamento do cambio.
Como exemplo podemos citar a saturação do óleo, quer pelo calor;quer pelo uso intensivo.
Atualmente os cambios automáticos estão presentes numa grande gama de automóveis, ônibus, caminhões, vans e suvs diversos. Os carros cujos câmbios são dotados de conversores de torque então, são os que mais exigem do óleo da transmissão. O conversor de torque, podemos assimilar este mecanismo entre outros componentes como um substituto da embreagem, e seu funcionamento se dá pela rotação de uma bomba e uma turbina dentro de um invólucrode aço no formato de um ioiô metálico vedado, cheio de óleo, de aproximadamente de 30 a 25 cm de diâmetro.
O seu funcionamento se assemelha à um ventilador ligado, funcionando na frente de outro ventilador desligado. O ventilador desligado também vai girar assim que receber a ação do ar produzido pelo ventilador ligado, embora não haja nenhum componente metálico ou engrenagem interligando os dois ventiladores.
Dentro do conversor existem uma bomba e uma turbina, ambas dotadas de aletas , e no centro entre as duas um rotor também aletado. Quando o motor do carro começa a girar, a bomba acoplada ao eixo do motor também começa a girar, fazendo uma circunvolaçao do óleo, que por sua vez vai acionar a turbina , fornecendo torque às rodas. O óleo no interior do conversor de torque sofre uma agitação semelhante à um líquido dentro de um liquidificador em funcionamento. Quanto mais rotação do motor maior força para as rodas.
Por aí pode se concluir o tamanho da contribuição do óleo dentro da transmissão. Embora pareça estranho, seu carro é tracionado pela ação do óleo da cambio. Daí a importância e a necessidade vital da sua inspeção ou uma provável troca após 50.000 rodados.
Devemos considerar que ante à dúvida, o melhor é fazer a troca do óleo do cambio. Isso vai precaver e evitar um barato que pode sair caro.
Importante esclarecer que na drenagem do óleo da transmissão, só vai esgotar uma parte do óleo, restando o óleo dentro do conversor que não sai pelo bujão de esgotamento. O correto é procurar um local que dispõe de uma maquina de diálise de troca de óleo, caso contrário você corre o risco de não sair com seu carro dirigindo. E extremamente melindrosa a troca de óleo do cambio automático. Só um técnico preparado fará a troca segura.

Avatar
Silvio Silvano Bicock 20 de agosto de 2020

Um dos melhores comentários. Parabéns Lourival

Avatar
Lauro Aguiar 21 de agosto de 2020

Melhor comentário.

Avatar
Jerferson 21 de agosto de 2020

Nossa…

Avatar
Cely Vieira 21 de agosto de 2020

Parabéns. Deus te abençoe.

Avatar
J Ananias 21 de agosto de 2020

Olá pessoal.
O Lourival deve ser um mecânico, ele falou a linguagem correta e tecnica.
É óbvio que qualquer óleo submetido a altas temperaturas e atrito de peças imersa, em um determinado momento ele vai ter a sua validade comprometida e deixando o conjunto de peças vulneráveis a danos.
Eu troco o óleo do câmbio do meu carro a cada 50.000 km. Acho melhor perder 400,00 numa troca de óleo do que trocar o câmbio parcial ou total. Sem contar que o problema pode acontecer na estrada, o que é bem pior.

Avatar
Pale ale 21 de agosto de 2020

Câmbio Manual de carros ano 2000 pra frente n precisa trocar..apenas cheque o nivel e se preciso complete..se tiver vazando ..complete o nivel e faça o reparo.

Avatar
Luiz Carlos 20 de agosto de 2020

Pois é tbm gostaria de saber qual é a resposta do Bores.

Avatar
Erivaldo ramos 20 de agosto de 2020

Boa noite. Tenho um versa 1.6 cvt automático. Começou a dá tranque na ré e quando volta pro neutro. O consultou da Nissan falou que era o câmbio com 82 mil.troquei o óleo voltou o normal. Acho que nem eles sabe o que deve saber. Quando trava por falta de trocar o óleo. Do meu amigo travou com 40.000 mil.fui três vezes na Nissan. E fiquei sem resposta ano e modelo 2018

Avatar
Henrique Luís Pinho Pereira 20 de agosto de 2020

boa noite, meu nome e Henrique trabalho com cambio automático, e sim o certo e trocar a cada 50 mil km o óleo do câmbio, o óleo e a vida do câmbio

Avatar
JOSE MARIO FERNANDES 20 de agosto de 2020

Uma orientação, como advogado, aos proprietários que têm veículos com câmbio automático e que as concessionárias não recomendam a troca do óleo:
No manual deve constar a quilometragem orientando que seja feita uma inspeção da situação do fluído lubrificante desse tipo de câmbio.
Para assegurar seus direitos em ação indenizatória, no caso de algum dano efetivamente comprovado pela não troca do fluído, leve à concessionária para inspeção no período indicado e peça um registro dessa avaliação, constando de preferência naquele manual de revisões.
Aí sim você terá prova documental para pleitear a devida reparação dos prejuízos sofridos.

Avatar
Wanderson 20 de agosto de 2020

Aí você faz tudo certinho, gasta uma nota e quando quebrar vem aquela velha história “uso severo, desgaste natural e etc”

Avatar
Paulo Lopes carrijo 20 de agosto de 2020

Falou, falou do câmbio automático e acabou não respondendo, afinal,troca ou não troca o óleo?

Avatar
REINALDO PECHEBELA 20 de agosto de 2020

Esperimenta anda com carro sem óleo! E parecido! Tem trocar sim!50.000 km

Avatar
Walter 20 de agosto de 2020

Falou, falou e não respondeu…

Avatar
Jesus Alberto do nascimento 20 de agosto de 2020

Boa noite.gostaria de saber,se Frontie LE Aut 2011. Deve ser trocado o óleo do câmbio automático,a temperatura, trabalhando sempre abaixo do meio! Está com 116800 km. Tudo nela é original.

Avatar
Júlio heinrich 20 de agosto de 2020

Todos câmbios automáticos necessitam troca de óleo na especificação correta, as vezes caro e difícil de conseguir, mas necessário, alguns precisam da troca de filtro também…

Avatar
Sebastião Manuel gino 20 de agosto de 2020

Boa noite
Tenho um New fit LXL Automático.
Sempre faço a revisão preventiva.
Trocar o óleo de câmbio é essencial.
Faço a troca parcial sempre.
A não troca pode custar caro…

Avatar
VILMAR DRESCH 2 de setembro de 2020

Amigo troca parcial é jogar dinheiro no lixo, o que adianta misturar óleo novo com o óleo velho, escuro e grosso que está dentro da caixa? Tem que trocar todo o óleo, para trocar todo o óleo precisa ter a máquina específica para a troca. Trocar parcial e não trocar da na mesma.

Avatar
Leonel de Paula Moreira 20 de agosto de 2020

Galera vários vendedores ditos técnicos estão orientando os clientes a não trocarem o óleo e seguirem o manual. Tá certo que os carros de hj não conseguem nem puxar um trailer,mas a troca pode variar perante ao uso. Portanto se vc nunca teve um automático consulte um especialista.

Avatar
João Fábio Sardo 20 de agosto de 2020

É recomendado independentemente de marca, a troca do óleo com 40.000 ou quatro anos de uso. Dependendo da região ( zona rural ) até com kilometragem inferior.

Avatar
Daniele 20 de agosto de 2020

Pior é a peça o módulo de transmissão mais barata 5 mil aki em manaus
Carro prisma ltz
Gente que dor de cabeça

Avatar
Sérgio 20 de agosto de 2020

A matéria do título é para chamar a atenção apenas, pois a dúvida em questão não foi sanada, ao contrário colocou o leitor em mais dúvidas ainda. Acho que teria que ter ao menos a opinião própria do Boris pois a chamada foi dele.
A minha opinião é: siga o manual do fabricante do veículo.

Avatar
André 20 de agosto de 2020

Concordo com vc! Ficou uma lacuna aberta ,não vi uma resposta concreta e sensata sobre qual decisão tomar em câmbios diferentes .
Não gostei da conclusão.

Avatar
Mineiro 20 de agosto de 2020

Tem que trocar o óleo de câmbio automático no mínimo de 100 em 100 mil ,todos os óleos de motor de câmbio, e diferencial, se for trocado eles perdem propriedades e danificam ,então tem que ser trocados

Avatar
José Carlos Costa 21 de agosto de 2020

Tenho um BMW328 iam51 e no manual não recomenda a troca do automático . Entretanto depois de 20 anos , o carro é 1999 , resolvi trocar o óleo o filtro e as pastilhas de imantação.

Avatar
Roberto Anderson Silva De Carvalho 20 de agosto de 2020

possui um HB20 automático com 60 mil rodados, gostaria de saber quando faço a troca de óleo do carro automático?

Avatar
Wagner 20 de agosto de 2020

Nem assistir o vídeo☝🏻☝🏻 vim direto para os comentários é muito melhor😂🤣🎯🔥🔥🔥🔥🥇

Avatar
Luciano 20 de agosto de 2020

Boa tarde meu nome e Luciano sou de Itaperuna RJ Tenho uma jeep grand Cherokee Laredo 4.0 6cc 4×4 98 gasolina Preciso revisar o câmbio aqui na minha cidade não tem ninguém que entende desse carro pode me indicar um mecânico.

Avatar
Raul 20 de agosto de 2020

No caso o correto é seguir o que o manual de cada carro diz!

Avatar
Assuncao.chaves lopes 21 de agosto de 2020

Ola tenho um corola 2001 esta fasendo fasendo barulho quando vira o volante alguem pode mi diser oque faser isso acomtesse de manha quando liga fas muito barulho para quando esquenta .sera qui e oleo .

Avatar
Albano 21 de agosto de 2020

A princípio me parece ser problema de homocinética, o melhor mesmo é procurar um mecânico de confiança.

Avatar
Jailson Montes 20 de agosto de 2020

Nessa hora eu pesquiso como é a mecânica nos Estados Unidos os especialistas dizem q a troca é a cada 40 mil milhas ou 2 anos . Se observar o fluido na embalagem tem validade de 5 anos. Então a lógica é q perde a característica original em 2 anos em uso.
O do meu carro troquei e voltou a ser econômico. Via de regra a cada 2 anos troca.

Avatar
Arnulfo Pereira do Amaral 20 de agosto de 2020

O Boris não responde com sua opinião pessoal porque depende do mercado automobilístico para trabalhar ,porém eu não preciso sou consumidor então vai minha opinião quanto a troca do fluído do câmbio automático,não tenho dúvida quanto a necessidade de sua troca pois o movimento constantes das peças internas da caixa mecânica por si só já acarretará desgastes e produzirá partículas de ferro que irá aglomera ao fluído tornando esquecido e pouco eficiente quanto a sua capacidade de lubrificação. Afinal é só fluído e como tudo que construímos tem data prevista para perder seu efeito .não é sangue.

Avatar
Marcelo 20 de agosto de 2020

Concordo. Deve trocar sim a cada 50.000 km aprox. No meu carro fiz a troca pelo bujao somente , por onde saem aprox 60 % do total. Troquei com 60.000 e 70.000 km . Desta forma devo ter trocado 95 % do total sem abrir o cambio e sem trocar os filtros

Avatar
Rafael 21 de agosto de 2020

O câmbio tem 6 litros. Na hora da troca só sai 4.
Aí vc coloca os 4 novos q tirou.
Coloca o carro pra funcionar.
E logo depois tira mais 2 litros, q misturou com o velho.
E recoloca 2 novos.
Isso se chama retrolavagem. Eh faço isso.
Minha primeira troca e com 100mil e as demais com 50mil

Avatar
Manoel Mariano 20 de agosto de 2020

Ficou em cima do muro rsrs, mas gosto do Boris assim mesmo!

Avatar
Leandro 20 de agosto de 2020

Se o engenheiro colocou que precisava e documentou no manual do veículo, não tem discussão.

Avatar
Thiago Garcia 20 de agosto de 2020

No manual do 308 diz que só precisa trocar em uso severo. Lá diz que uso severo é utilizar o veículo em trajetos curtos onde o motor não chega atingir a temperatura normal de trabalho, ou seja, a maioria dos casos. Resumo da ópera, todo mundo acreditou que era lifetime, ninguém trocou e o cambio dos franceses que já tem um projeto-digamos- fraco, ficou com ganha de ruim.

Avatar
Leandro Silva 20 de agosto de 2020

???

Avatar
Anderson 20 de agosto de 2020

Não é óleo, é fluido, velho gagá. Ainda se diz jornalista e engenheiro.

Avatar
Raul 20 de agosto de 2020

Respeite os mais velhos!

Avatar
Marcelo 20 de agosto de 2020

fluido

adjetivo
1.
que corre ou se expande como líquido.
“um óleo f.”
2.
FIGURADO (SENTIDO)•FIGURADAMENTE
macio, mole, flácido.

Avatar
paulo 20 de agosto de 2020

Educação e respeito são fundamentais ao cidadão. Respeite para ser respeitado.

Avatar
André Gonçalves Gimenes 21 de agosto de 2020

Com certeza, inclusive “velho-gagá” é falta de respeito para uma pessoa que têm idade para ser nossos pais.
Respeito é bom gente.

Avatar
Thiago 20 de agosto de 2020

Taquiopariu kd o resto?
Kkkkkkk

Avatar
Wagner Tavares 20 de agosto de 2020

Falou, falou e não disse nada.

Avatar
Marcio Aparecido 20 de agosto de 2020

Tem que trocar sim tenho Hyundai elantra 2015 troquei o óleo do câmbio tava muito escuro

Avatar
Anderson Ribas 20 de agosto de 2020

Não explicou nada

Avatar
Roberto 20 de agosto de 2020

Deve ser trocado sim. De preferência a troca total, e não parcial como algumas marcas recomendam, principalmente a Toyota.

Avatar
Antonio Silva 20 de agosto de 2020

Mas, e dai ? Não respondeu se troca ou não troca.

Avatar
Lucio Melo 22 de agosto de 2020

Tenho uma Spin 2015 e troquei com 60.000km estava preto que ele é vermelho o mesmo é o da direção hidráulica e vou trocar novamente as 100.000km

Avatar
ANTONIO ERNESTO FRANÇA CHAMONE 23 de agosto de 2020

PENSO O SEGUINTE: TODOS OS QUE COMENTARAM QUE DEVE TROCAR O ÓLEO SEJA LÁ O DE FOR (QUE FUNCIONA COM ÓLEO) É CLARO QUE DEVE SER TROCADO COMO O “FILTRO” TAMBÉM, POIS O ATRITO FERRO COM FERRO SOUTA RESÍDUOS OU LIMAGE É COM O ÓLEO NOVO ACONTECE IMAGINE COM ÓLEO VELHO SEM LIGA ALGUMA.

Avatar
Alexandre magno 22 de agosto de 2020

Cara o carro e seu vai na loja q vc comprou e faz revisão se todo mundo fala que não e pra trocar vc não troca

Avatar
Deixe um comentário