Peugeot 208 lança sistema semelhante ao de leasing da marca francesa

Para tentar alavancar as vendas de seu novo hatch, a Peugeot lançou um sistema que viabiliza a troca de carros a cada dois anos e meio

Por Boris Feldman 18/09/20 às 07h30
novo peugeot 208 azul dianteira detalhe 1
Novo Peugeot 208 (Foto: Peugeot | Divulgação)

A Peugeot está apostando todas suas fichas no novo 208, lançado há duas semanas. Não só pelo arrojado design (tem até as garras do leão na dianteira) e tecnologia inédita no segmento dos compactos.

Como também nas novidades para a sua comercialização, que até fazem lembrar o tradicional leasing nos Estados Unidos.

A Peugeot chamou o sistema de ‘Just Drive It’, pois você dá uma entrada, financia o resto em 30 meses com juros de 0,99%. E ao final destes 30 meses, ela aceita seu usado pela tabela FIPE na troca por um zero.

Então por esse plano, a cada dois anos e meio você troca o seu carro por um novo, pagando um financiamento a juros baixos e tendo uma valorização justa por seu usado.

Novo Peugeot 208 na cor azul com a dianteira em detalhe
Novo Peugeot 208 foi lançado oficialmente há pouco tempo no Brasil (Foto: Peugeot | Divulgação)
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
2 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Isac Maciel 19 de setembro de 2020

Fis teste draiv não gostei a intena do carro e apertado como sou grande tenho 1.93 atrás do motorista não cabe uma passageiro e o preço que está muito alto não e viável sem falar carro não tem arrancada tenho um Peugeot 208 não trocaria por esse modelo novo

Avatar
Gerd Sousa 18 de setembro de 2020

Tem uma diferença fundamental nesse modelo para os modelos de EUA e Europa: Voce começa financiando integral, ou dando uma entrada que vai ser de uns 60%, lá fora vc não dá entrada e financia apenas os 40% e o resto fica como uma “divida” a ser quitada pelo proprio valor do carro na devolução ao final do leasing ou na renovação por um novo carro após 2 ou 3 anos. Isso faz toda a diferença… Esse da Peugeot não é novidade. GM já vendeu carro com garantia de recompra pela Tabela FIPE e em tempos de inflação e até mesmo pelo valor que vc pagou que foi desvalorizado pela inflação.

Avatar
Deixe um comentário