Jim Farley anuncia ‘guerra de preços’ dos elétricos

A Ford pretende anunciar seu primeiro carro elétrico a partir de U$25 mil e a General Motors já entrou nesta 'Guerra'

ilustração chevrolet bolt com gráfico de alta precos carro eletrico
Os elétricos podem ter queda de preços (Foto: AutoPapo | Ernani Abrahão)
Por Boris Feldman
15 de junho de 2022 20:02

Quem acompanha a movimentação e as tendências da indústria automobilística percebe quando duas ou três delas fazem anúncios muito semelhantes. Bom exemplo hoje diz respeito ao que o presidente mundial da Ford, Jim Farley, anunciou: ele prevê uma guerra de preços entre os carros elétricos, e a sua marca terá brevemente um por US$ 25 mil.

VEJA TAMBÉM:

Pois não é que dias depois a General Motors anuncia seu elétrico Bolt com uma redução de preço de cerca de US$ 6 mil e que será oferecido, portanto, por US$ 26 mil.

A Chevrolet já vendeu o Bolt no Brasil, mas o carro teve problemas de projeto. Agora, retorna também ao nosso mercado. Mas a GM Brasil terá também que revisar preços, pois se chegar novamente por R$ 300 mil, não terá condições de competir com o Volvo (elétrico) XC40 tabelado hoje por R$ 310 mil.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Fernando Elias 17 de junho de 2022

Preços vão cair, e quando os chineses começarem a vender forte por aqui, aí vai ser uma festa para o consumidor!

Avatar
Deixe um comentário