Artista explode Lamborghini Huracan para criar 999 ativos de NFT

Shl0ms afirmou que o produto da venda de ativos no NFT será revertido em investimento para futuras instalçaões de arte pública

Artista vai leiloar 999 NFT com as partes do superesportivo
Artista vai leiloar 999 NFT com as partes do superesportivo (Foto: Internet | Reprodução)
Por Bernardo Castro
01 de março de 2022 11:35

O Non-Fungible Token (“Token não-fungível”, em tradução livre), também conhecido como NFT é uma nova febre que tem viralizado na internet nos últimos dias. O NFT é uma espécie de certificado digital, firmado através de blockchain, que define a originalidade e exclusividade de bens digitais e tamanho sucesso é que ele movimenta milhões em compras de ativos na internet.

Um artista decidiu se aproveitar disso e explodiu uma Lamborghini Huracan para criar 999 NFTs individuais: a maioria deles será vendido em um leilão que começa no dia 25 de fevereiro.

VEJA TAMBÉM:

A partir da explosão, o artista conhecido como Shl0ms produziu 888 vídeos altamente detalhados de peças individuais da Lamborghini que serão leiloados. Os lances nos NFTs serão a partir de 0,01 Ether cada (aproximadamente R$ 134,16). Mas para recuperar o dinheiro “investido” – aproximadamente R$1.290.000 – o artista precisa vender cada peça por muito mais do que míseros 0,01 Ether.

Aos que se aventurarem em comprar esses tokens, saiba que você não receberá fisicamente o seu “pedaço” de Huracan. Shl0ms disse que aqueles que comprarem um dos 888 NFTs disponíveis publicamente receberão um vídeo rotativo dele, ele não a parte física em si. O artista ainda enfatizou que as peças estão guardadas e não serão distribuídas, mas não descartou uma possível exposição com elas.

As outras 111 partes de NFTs foram destinadas à equipe por trás do projeto.

Processo de explosão para criar o NFT

Cerca de 111 pessoas trabalharam para realizar a destruição do superesportivo italiano de maneira perfeita, para que fosse possível fragmentos mais estéticos e artísticos.

Em entrevista ao Motor Trend Shl0ms disse que a equipe por trás do projeto precisava colocar cuidadosamente as cargas em todo o Lamborghini para evitar causar muita destruição. Para isso, foram realizados duas semanas de testes além da destruição de um carro de verdade até que o modelo fosse destruída de fato.

Ouça o ronco do motor do superesportivo italiano

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário