Segredo: caminhonete anti-Toro da Volkswagen vai tirar Saveiro de linha?

Nova picape será baseada no SUV Taos, mas fabricante ainda estuda o mercado antes de marcar data para o lançamento

vw t roc salao sp2
Conceito Tarok, apresentado em 2018, antecipou a nova caminhonete da Volkswagen (Foto: Felipe Boutros | AutoPapo)
Por Douglas Mendonça
01 de março de 2022 09:15

Não tenha dúvidas de que a criação da plataforma modular MQB caiu como uma luva nos planos mundiais da marca. Ela permite o desenvolvimento de carros pequenos, médios, grandes, hatches, sedans, peruas e SUVs. Até uma nova caminhonete com essa arquitetura integrará a linha de produtos da Volkswagen, todos com mecânica e concepção comum, reduzindo os custos e facilitando a produção.

VEJA TAMBÉM:

Porém , dentro desse conceito, a marca alemã olha para o mercado para atender onde quer que haja demanda. É o caso das picapes com carroceria monobloco, caso da Fiat Toro, sucesso indiscutível, e de outra futura concorrente: a nova Chevrolet Montana. Claro a Volkswagen está interessada nesse segmento e já desenvolveu e apresentou a caminhonete-conceito Tarok, em 2018.

O tal experimento consiste em uma picape do porte da Toro, feita sobre a base MQB, utilizando tecnologias de carros de passeio. Com dimensões muito próximas as da rival, tanto no comprimento, largura, distância entre-eixos e até caçamba, a Tarok ainda não teve seu “martelo batido”, ou seja, ainda não se tornou definitiva a sua decisão de produção.

Nova caminhonete da Volkswagen ainda está em estudo

A matriz alemã da Volkswagen ainda não está convencida de qual seria o volume de vendas da caminhonete no mercado mundial (incluindo Brasil e América Latina). Por isso, ainda está reticente em relação à Tarok. Uma coisa tida como certa é que a nova picape seria fabricada na planta argentina de Pacheco, de onde hoje sai o SUV Taos.

O motivo? É por questões industriais: afinal, a nova picape utilizaria como base o próprio SUV médio da Volkswagen, com a qual partilharia boa parte da mecânica e tecnologias, tudo montado sobre a versão A1 da MQB.

Além disso, o conceito da picape apresentado em 2018 já contava com o interior hoje já utilizado pelo Volkswagen Taos, provando que aquele visual e acabamento foram pensados para os dois modelos, que são praticamente irmãos (compartilham a linha de produção, base construtiva e componentes mecânicos).

Os sistemas de suspensão serão os mesmos do utilitário. Ou seja: a arquitetura será independente nas quatro rodas, com fixação multibraço no eixo traseiro, bem como freios a disco nas quatro rodas (grande vantagem com relação à Toro) e direção com assistência elétrica progressiva.

Motor 1.4 TSI

VW T-Cross Highline 250 TSI Foto Alexandre Carneiro
Nova caminhonete usará o já conhecido motor 1.4 TSI da Volkswagen (Foto: Alexandre Carneiro | AutoPapo)

Sua opção de motor também é conhecida: o 1.4 TSI de até 150 cv e 25,5 kgfm de torque nos padrões atuais. A adoção da versão evoluída desse motor, a 1.5 TSI, também não está descartada, mas essa seria para outro momento. Da mesma forma, mantém-se a transmissão automática Aisin de 6 velocidades que equipa o Taos e até a própria Fiat Toro com o novo motor 1.3 turboflex.

Haveria também a possibilidade de uma versão turbodiesel, trazendo o motor 2.0 de 180 cv que equipa a Amarok, transmissão automática de 8 velocidades da ZF e tração integral 4Motion, bem parelha com as versões turbodiesel da Fiat Toro.

Apesar de a Tarok estar praticamente pronta desde 2018, inclusive com protótipos funcionais, informantes revelaram que o modelo ainda está em estudo, sem confirmação ou liberação da matriz para início de produção ou lançamento.

Os investimentos para o tal são altos, e existem projetos mais importantes e prioritários em andamento. Assim que a matriz se convencer que a futura picape será um bom negócio, o sinal verde para estreia do modelo acenderá.

Ainda assim, a previsão de estreia é para, pelo menos, 2025, e as chances da Tarok com mecânica diesel substituir a Amarok não são poucas, em que pese o fato de suas menores dimensões.

A nova geração da Amarok está para ser lançada na Europa, e até o momento não existem planos de ela vir para o Continente Americano, seja Norte, Central ou Sul. Pelo jeito, teremos Tarok diesel para suprir os compradores da Amarok em um futuro não muito distante.

Saveiro vai sair de linha?

volkswagen saveiro cross cabine dupla azul de frente
Produção da Saveiro está assegurada somente até 2024 (Foto: Volkswagen | Divulgação)

Não menos importante: O que será da Saveiro? Ainda segundo fontes, Gol e Voyage sairão de cena ainda em 2023. Como partilham a mesma plataforma com a Saveiro, que é inclusive produzida em outra fábrica (São Bernardo do Campo ao invés de Taubaté), a continuidade da picapinha ficou ameaçada.

Com o encerramento da produção de Gol e Voyage, ela se tornaria o único carro ainda fabricado sobre a obsoleta base PQ24,5, o que teoricamente não faria muito sentido se não fosse por um enorme detalhe: tirando também a Saveiro de linha, a Volkswagen ficaria sem nenhuma caminhonete abaixo da já combalida Amarok no mercado nacional.

A solução foi esticar a produção da Saveiro até o final de 2024 ou até início de 2025, dependendo dos números de vendas, mas sem grandes investimentos nela até lá.

Além disso, a Saveiro, na realidade, vai ter uma sobrevida de pouco mais de um ano quando comparada com seus irmãos hatch e sedan, tempo necessário para a provável chegada da Tarok nas suas versões flex de entrada em 2025.

Ao que tudo indica, a Tarok, se aprovada, deverá ser o coringa da Volkswagen no mercado nacional, suprindo o mercado não só da Amarok com suas versões mais caras, mas também da Saveiro nas versões de entrada.

Boris Feldman lista as principais picapes que estão vindo por aí: confira!

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
SOBRE
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Eduardo Teixeira Kull 1 de março de 2022

Um modelo praticamente pronto, chegando lá para 2.024? Vai chegar velho.

Avatar
Deixe um comentário