BMW explica porque optou por SUV como carro chefe de sua divisão esportiva

A BMW surpreendeu alguns entusiastas quando anunciou que o carro mais importante da sua linha de esportivos seria um SUV; Mas tem uma justificativa para isso

bmw concept xm frente em movimento
BMW XM é o novo carro chefe da divisão esportiva da marca alemã (Foto: BMW | Divulgação)
Por Bernardo Castro
30 de maio de 2022 17:02

Praticamente todas as fabricantes têm se rendido à onda de SUVs que dominam o mercado automotivo e, por isso, a BMW optou por investir ainda mais pesado nesse segmento. Após anunciar que o XM seria o modelo principal de sua divisão esportiva, alguns entusiastas automotivos ficaram sem entender porque a marca alemã optou por um utilitário esportivo em vez de um super esportivo coupé.

E a resposta do CEO da BMW M, Frank van Meel, foi bem simples. De acordo com ele, a empresa está seguindo o gosto do público. Dessa forma, a marca optou por dar uma atenção especial para os SUVs, afinal, esse é o tipo de carroceria mais consumido no mercado.

VEJA TAMBÉM:

Quando fizemos o M1, todas as montadoras que queriam dizer ‘eu tenho algo especial’ construíram um carro esportivo – essa foi a divisão que todos queriam entrar. Se você olhar hoje para o segmento maior, mais importante e de mais rápido crescimento, é claramente o mercado de SUVs. E, em comparação com outros fabricantes, ainda nos faltava este carro-chefe de luxo expressivo no topo do M”.

Apesar de ainda existir muitos amantes dos modelos esportivos, as fabricantes, de maneira geral, têm vendido e lucrado mais com os utilitários esportivos. Consequentemente, as montadoras têm oferecido mais veículos com essa característica nos últimos anos. A BMW tem uma linha de SUVs que vai desde o X1 até o X7. Alguns deles possuem uma variação que contou com o trabalho da divisão esportiva M, no entanto, o XM será o primeiro desenvolvido exclusivamente pelo setor responsável por carros de alto desempenho.

Somado ao sucesso do segmento, van Meel relembra que a BMW não tinha nenhum SUV de luxo focado em alta parformance “Claro, há o Mercedes-AMG G63, o Lamborghini Urus, o Aston Martin DBX e assim por diante. Você vê todos esses modelos sofisticados e muito expressivos. Para os clientes, isso é algo que faltava na M. Essa era a maior demanda.”

O BMW XM

A versão de produção do XM será apresentada ainda ainda este ano e deve chegar com motor híbrido plug-in e duas variações de potência. A mais básica, combina um motor elétrico e outro v8 a combustão, e oferece 644 cv de potência 81 kgfm de torque. O motor mais potente tem, combinados 738 cv e 101 kgfm de torque.

Apesar de não ser um modelo esportivo, o CEO da BMW finalizou afirmando que o novo XM mantém sua relação com o automobilismo, assim como a marca sempre fez.

Em nossa herança de 50 anos, sempre olhamos para carros de corrida e de produção em série para ver para onde cada um está indo e o que eles podem aprender com uns aos outros. Continuamos isso com o XM: ele possui um sistema híbrido plug-in elétrico V8 e nossa próxima entrada na categoria de protótipos LMDh também possui um sistema de transmissão híbrido V8. Você pode ver que, quando funciona para corridas, também funciona para carros de alto desempenho.”

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário