BMW revela o protótipo M3 Compact escondido desde 1996

Feito como um estudo o esportivo foi uma combinação entre a mecânica do esportivo M3 com a carroceria mais curta e leve do Série 3 Compact

Por AutoPapo 24/05/21 às 17h30
bmw m3 compact 1
Protótipo nunca entrou em produção (Foto: BMW | Divulgação)

Quando a BMW lançou o hatchback Série 3 Compact em 1994 foi com a intenção de ter um carro de entrada para a marca. O modelo era 23 cm mais curto que o cupê e contava com a suspensão traseira mais simples da geração anterior. Também não recebeu os motores mais potentes da linha.

Mas para os engenheiros da divisão Motorsport essa carroceria menor e mais leve era uma tela em branco para deixar o esportivo M3 mais divertido. Um protótipo do Série 3 Compact foi montado a mão com a mecânica do M3 pelos engenheiros da divisão.

VEJA TAMBÉM:

Como a seção dianteira do hatchback é igual ao do resto da linha, o motor seis cilindros em linha S50B32 coube perfeitamente. Esse motor 3.2 produz 321 cv a 7.400 rpm e 35,7 kgfm a 3.250 rpm, é um motor que gosta de girar.

Como era tradição nos motores da divisão M, o S50 conta seis borboletas de admissão individuais para ajudar o motor a “respirar” melhor. Essa força era passada para o chão através da robusta transmissão manual de cinco velocidades feita pela ZF.

Por dentro o carro recebeu volante, coifa do cambio e freio de mão com revestimento em alcantâra. No lugar dos bancos tradicionais foram usados assentos do tipo concha da Recaro, feitos em fibra de carbono e também forrados no mesmo material.

Por fora o carro recebeu o conjunto de aparência do M3 adaptado para a carroceria maior, contando com para-choques mais agressivos, os retrovisores com haste dupla, quatro saídas de escapamento e rodas de 17 polegadas.

Como anda?

O resultado dessa saladas de peças do M3 no Compact resultou em um carro de 1.300 kg, 150 kg mais leve que o M3 cupê. Segundo testes da época o M3 Compact ficou ainda mais ágil e arisco que o irmão maior graças ao acerto mais firme.

Jakob Polschak, chefe da construção de protótipos e da oficina da BMW Motorsport, diz que caso o modelo entrasse em produção a potência do motor teria que ser reduzida para ficar mais acessível a motoristas menos experientes.

Mesmo sem a intenção de colocar em produção, o protótipo do M3 Compact ficou guardado no galpão da Motorsport. Sua fórmula chegou às ruas mais tarde através de outro projeto independente da divisão: o Série 1M de 2011.

Que também usava uma combinação de peças do M3 e do roadster Z3 para fazer uma versão especial do menor carro da marca. Fórmula que fez tanto sucesso que está viva até hoje com o M2.

Veja o M3 Compact  – e outras versões da linha (em inglês)

Fotos: BMW | Divulgação

2 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Rordorfo 25 de maio de 2021

acho massa essas bmws antiga, mas esses volantes são feios em uAHUHAUHA pqp! meu sonho é 540i 90x

Avatar
Sir.Alves 24 de maio de 2021

Uma obra de arte estetica e mecanica. Mais bonito que a maioria dos carros atuais, muito mais bonito. Show.

Avatar
Deixe um comentário