Carros não usam aço inox por questão de segurança; Tesla mudará isso?

Fabricantes não utilizam chapas inoxidáveis nas carrocerias de veículos por vários motivos, ligados à segurança e à dificuldade de produção

Tesla Cybertruck começa a ser produzida em 2023
Cybertruck tem lançamento previsto para 2023 (Foto: Tesla | Divulgação)
Por AutoPapo
25 de janeiro de 2022 10:12

Você já viu um carro de aço inox? Não? É porque há vários problemas no uso desse material para construção de veículos. O maior deles diz respeito à segurança: tais chapas são bem mais rígidas que as similares em aço de baixo carbono (amplamente utilizadas nos automóveis). Por isso, tendem a impedir a deformação programada da carroceria. Porém, a Tesla insiste em desenvolver a picape Cybertruck com lataria inoxidável.

VEJA TAMBÉM:

A empresa de Elon Musk não divulgou, até o momento, os detalhes sobre o novo produto. O que se sabe é que, desde que apresentou a Cybertruck, em 2019, a Tesla já adiou três vezes a data de lançamento: agora, a estreia está prevista para o primeiro trimestre de 2023. Porém, a fabricante manteve todas características técnicas reveladas até o momento, que incluem a tal carroceria em aço inox.

Assista ao vídeo e conheça melhor a picape Testa Cybertruck!

Além disso, segundo a Tesla, a Cybetruck terá propulsão 100% elétrica, com autonomia de 400 km, nas versões básicas, e de tá 800 km nas mais completas. Além disso, a picape poderá ter tração traseira ou integral. O fabricante prevê preços entre US$ 39.900 (cerca de R$ 219 mil na cotação atual)  US$ 69.900 (R$ 384 mil).

Além da questão da segurança, a Tesla terá outros problemas para solucionar, caso insista em fabricar a carroceria da Cybertruck em aço inox. Um deles é a dificuldade de moldar esse material, devido justamente à maior rigidez. Outro obstáculo é que ele tende a danificar as matrizes de estamparia padrão utilizadas pela indústria automobilística. Tudo isso, claro, onera a produção, sendo que o custo desse tipo de chapa já é mais alto.

Antes da Tesla, outros já tentaram fazer carros em aço inox

de lorean dmc 12 de frente
DeLorean é o mais famoso carro com carroceria em aço inox

Há dois casos famosos de fabricantes que desenvolveram carros com carrocerias em aço inox antes da Tesla Cybertruck. Um deles tem a Ford como protagonista: a marca fez estudos com esse material em 1936, 1960 e 1967, mas acabou produzindo, de modo experimental, apenas 11 veículos. A história mais famosa, porém, é a da DeLorean Motor Company (DMC), que fabricou um esportivo homônimo.

Pois é, o célebre carro da trilogia De Volta para o Futuro tem carroceria em aço inox! O próprio Emmett Brown, personagem de Cristopher Lloyd nos filmes da saga, chega a explicar que esse seria justamente um dos motivos da escolha do modelo como máquina do tempo.

Na vida real, os proprietários do DeLorean reclamavam da dificuldade para limpar o veículo, processo que exigia uma esponja de apropriada. Ademais, os painéis da carroceria custavam certa de oito vezes mais que as similares comuns, inviabilizando determinados reparos após colisões. No fim das contas, a produção do modelo durou apenas dois anos, de 1981 a 1982. O esportivo seria o primeiro e único produto da DMC.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Eugenio saverio trazzi bellini 27 de janeiro de 2022

O grande problema a meu ver, é de custo. Os demais argumentos são na minha opinião para esconder esse ponto.
Se não fosse isso, porque não fazerem de alumínio?

Avatar
Deixe um comentário