Chevrolet Bolt atualizado é confirmado para setembro

O elétrico Chevrolet Bolt passou por um face-lift que trouxe algumas novidades, como o interior renovado e menor tempo de recarga

chevrolet bolt ev prata estacionado em uma praia visto de frente
O Bolt abandona a grade falsa e traz estilo mais futurista com a renovação (Foto: Chevrolet | Divulgação)
Por Eduardo Rodrigues
30 de julho de 2021 16:22

Na última quarta (21) a Chevrolet confirmou quatro lançamentos para até o final de 2021. Um dos lançamentos do teaser foi confirmado hoje (30), é o Chevrolet Bolt atualizado conforme previmos. O seu lançamento será em setembro.

A escolha da Chevrolet foi de lançar o Bolt em sua versão comum mesmo e não a versão EUV com carroceria maior e posicionado como SUV. As novidades em relação ao Bolt anterior são o interior renovado, estilo renovado na dianteira e a capacidade de carregamento mais rápido das baterias.

VEJA TAMBÉM:

Chevrolet Bolt será encontrado em mais concessionárias

Para atender melhor aos consumidores que desejam um elétrico, a Chevrolet está triplicando a quantidade de concessionárias aptas a vender e dar manutenção no Bolt. O número passará para 79 autorizadas. O fabricante afirma que possui a rede de concessionaras de elétricos mais capilarizada do país.

O Bolt atual é vendido por R$ 270.170 em versão única, essa atualização pode fazer o preço do elétrico crescer. Seu único concorrente direto é o Nissan Leaf, que vem com motor elétrico menos potente e oferece autonomia menor.

O Chevrolet Bolt oferece 416km de autonomia pelo ciclo norte-americano EPA. Seu motor de 203 cv oferece desempenho similar ao de alguns esportivo em acelerações, com o zero a 100 km/h sendo cumprido em 7,3 segundos. O tempo da recarga completa das baterias nessa atualização caiu de 10 horas para 7 horas.

0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário