Mecânico espanhol ganha processo contra Tesla por ‘carroceria mal soldada’ em Model 3

Mecânico se cansou das desculpas dadas pela fabricante de carros elétricos e decidiu que resolveria os problemas na justiça

2020 tesla model 3 angel gaitan processo
Após perde o processo, Tesla deverá pagar R$ 330 mil a Ángel Gaitán (Foto: Reprodução)
Por Bernardo Castro
15 de junho de 2022 15:02

Desde picapes com atraso na produção, a defeitos no modo de condução autônoma, a Tesla tem se envolvido frequentemente em polêmicas que têm manchado a sua imagem. Mesmo com esses problemas, a marca de Elon Musk tem alguns admiradores que fecham os olhos para esses vacilos e os tratam como algo normal.

No entanto, Ángel Gaitán, um cliente da marca desde 2013, se cansou do serviço mau prestado pela Tesla e decidiu entrar na justiça contra a fabricante. E acredite, ele venceu.

VEJA TAMBÉM:

Gaitán é um mecânico de Madri, na Espanha, e se empolgou quando comprou um Model 3 em 2020. No entanto, sua felicidade durou pouco, pois logo ele percebeu que a qualidade de produção do modelo era baixíssima. Em entrevista ao El Periodico de Espana, o mecânico disse que há alguns anos ele tolerava problemas como esse, mas agora que a Tesla é uma empresa conceituada e que produz em massa, passou a considerar contratempos como esse inaceitáveis.

E teve muita coisa mal feita nesse Model 3, como por exemplo problemas nos painéis internos, limpadores de para-brisa desgastados além de problemas de solda.

O carro veio com a carroceria mal soldada . Eles me disseram que era um problema bobo e para tirá-lo. Eu tinha a opção de devolver pela internet em quinze dias, mas ele ficou mais tempo em sua oficina e perdi o prazo. Eles me deram a opção de soldá-lo e eu disse a eles que não permitiria isso em um carro novo. Ao não oferecer mais soluções, decidi denunciar.”

O mecânico ainda utilizou as redes sociais e o canal no Youtube para tornar público sua frustração com a Tesla. Segundo ele, a marca não deu muita bola para isso, já que a Elon Musk é o homem mais rico do mundo e a montadora não tem um interesse tão grande no mercado espanhol.

A Tesla não chegou a comentar sobre o caso publicamente, mas em sua defesa no tribunal alegou que o Model 3 não é um exemplar de última geração, o que poderia justificar o inconveniente. No entanto, o juiz responsável pelo caso não aceitou o argumento:

Embora o especialista insista que os defeitos apreciados não comprometem a integridade estrutural ou a segurança do veículo, está comprovado que o veículo não atende aos padrões de qualidade esperados de uma marca de prestígio como a Tesla.”

As autoridades espanholas consideraram que a Tesla deve € 62,3 mil (aproximadamente R$ 330 mil) a Gaitán. No entanto, o caso ainda não terminou e a marca dos carros elétricos ainda pode recorrer ao caso. Resta aguardar as cenas dos próximos capítulos.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário