Mercedes faz parceria com Luminar para desenvolver veículos autônomos

Aliança de Mercedes com a empresa de tecnologia é promissora; atualmente, projeto da marca alemã se encontra em um estágio embrionário

Alteração no nome da Daimler é uma estratégia de mercado
Objetivo da marca alemã é aumentar a produção de carros autônomos (Foto: Mercedes | Divulgação)
Por Bernardo Castro
21 de janeiro de 2022 15:06

A Mercedes e a Luminar, empresa de tecnologia especialista em hardware de direção autônoma, anunciaram uma parceria. O objetivo da fabricante alemã é integrar o sensor LiDAR (Light Detection And Ranging, ou detecção de luz e alcance – em tradução livre) em seus futuros projetos de veículos autônomos.

VEJA TAMBÉM:

A Mercedes pagou US$ 1,5 milhão (aproximadamente R$ 8 milhões na cotação atual) para adquirir participação acionária de menos de 1% da empresa de tecnologia. Markus Schäfer, membro do Conselho de Administração da Daimler e da Mercedes-Benz, afirmou que:

“A Luminar é o complemento perfeito para nossa lista existente de cooperações de primeira classe com empresas líderes e de tecnologia de ponta. A conquista do SAE Level 3 pela Mercedes-Benz já marcou um grande marco para a condução automatizada e estou absolutamente convencido de que as parcerias aumentarão nosso nível de ambição para o que é possível no futuro.

O projeto é uma aposta que não beneficiará apenas a fabricante alemã. Em entrevista para o The Verge, Austin Rusell afirmou que a parceria com a marca da estrela de três pontas permitirá a Luminar coletar dados dos veículos da Mercedes. Com isso, será possível melhorar ainda mais a tecnologia de direção autônoma.

O interesse da Mercedes na Luminar

A tecnologia LiDAR é um elemento importantíssimo para a direção autônoma. O dispositivo funciona a partir de um sensor a laser que detecta a forma dos objetos através de uma luz infravermelha. Por meio dele, veículo percebe outros carros, pedestres, etc na pista, sem o uso de GPS ou internet.

Apesar da colaboração já anunciada, o projeto da Mercedes ainda se encontra um tanto embrionário. Isso porque ainda não foi anunciado quando a tecnologia começará a ser implantada e nem quais modelos serão equipados com ela.

Ademais, não foi especificado qual nível de autonomia a Mercedes pretende atingir.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário