Policia da Inglaterra afirma que carros elétricos são ruins como viatura

Polícia de Gloucester está receosa em aumentar a sua gama de veículos elétricos, pois ela acredita que isso pode limitar a operação dos policiais

carros eletricos policia inglaterra
21% da gama de carros da polícia de Gloucester é elétrica (Foto: Reprodução)
Por Bernardo Castro
11 de julho de 2022 11:02

A polícia de Gloucester, na Inglaterra, tem 21% dos 435 carros de sua frota com motor elétrico, e os oficiais não estão muito satisfeitos com isso. Isso porque, de acordo com as autoridades, os modelos estão ficando sem carga e, se a eletrificação de seus veículos continuar a aumentar, a operação policial pode ficar extremamente limitada.

O comissário de polícia e crime Chris Nelson alegou problemas com a recarga de veículos do departamento e casos em que os cruzadores “ficam sem força”. Questionado se era a favor do uso dos carros elétricos em seu departamento, Nelson afirmou que sua preocupação era que as baterias pudessem limitar a ação dos policiais.

VEJA TAMBÉM:

As opções de design disponíveis para veículos elétricos para uso operacional talvez não sejam tão avançadas quanto eu gostaria que fossem. Por isso, estou cauteloso em relação aos carros elétricos”

O oficial não especificou por quantas vezes os carros elétricos do seu departamento ficaram sem carga. No entanto, ele não é o primeiro policial a reclamar dos modelos a bateria como viatura.

Polícia dos EUA já reclamou de carro elétrico da Tesla como viatura

Em abril deste ano o Departamento de Polícia de Spokane, em Washington, Estados Unidos, também mostrou insatisfação ao utilizar um Tesla Model Y como veículo de patrulha, já que ele não estava dando conta do recado.

De acordo com o major Mike McNab, o modelo da Tesla está sendo exposto a condições muito exigentes, e colocou como principal culpado a infraestrutura para carregamento.

Eles estão expostos a dois turnos por dia, com um período de descanso de três horas entre eles. As baterias não conseguiam acompanhar isso, especialmente com a infraestrutura de carregamento disponível no momento.”

Além do empecilho na recarga, converter o carro elétrico em viatura não é uma tarefa fácil. Fazer uma adaptação como essa custa cerca de US$ 30 mil (R$ 160,5 mil), o que deixaria o investimento no Model Y inviável.

Além disso, quando equipados com o “kit” policial os oficiais descrevem o habitáculo do Tesla como desconfortável.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Airplane 11 de julho de 2022

Acredito na polícia inglesa: é fria !

Avatar
Deixe um comentário