Venda direta de pneus é tema de audiência no senado

Comissão de Assuntos Econômicos do Senado irá se reunir nesta terça-feira (12) para debater a venda direta de pneus e também abastecimento de combustíveis

pneus novos loja vendas dot tradewear
Representantes do varejo de pneus alertam sobre possível sonegação de impostos (Foto: Internet)
Por AutoPapo
11 de julho de 2022 11:50
Com Agência Senado

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) tem reunião na terça-feira (12), às 8h45, para votar dois requerimentos. O RQS 33/2022-CAE, da senadora Margareth Buzetti (PP-MT), pede a realização de audiência pública com o objetivo de debater a venda direta de pneus pelos fabricantes. Na opinião da senadora, trata-se de um “grave problema” que envolve vários tipos de irregularidades na comercialização de pneus, como sonegação de impostos.

VEJA TAMBÉM:

Buzetti informa que recebeu ofício da Associação Brasileira de Reforma de Pneus (ABR) e da Associação Brasileira dos Revendedores de Pneus (Abrapneus), sobre “operações ilegais” no setor.

Fabricantes de pneus convidados

A senadora pede que sejam convidados para a audiência pública os presidentes das multinacionais Michelin, Pirelli, Bridgestone, Dunlop, Goodyear e Continental. Também estão na lista os presidentes da ABR e da Abrapneus e representantes da Receita Federal e de secretarias de Fazenda estaduais.

Combustíveis

Já o RQS 35/2022-CAE, de autoria do senador Jean Paul Prates (PT-RN), requer a criação de uma subcomissão temporária no âmbito da CAE para “acompanhar o planejamento setorial do abastecimento de combustíveis”. A subcomissão poderá ter 7 senadores titulares e 7 suplentes e prazo de 120 dias.

Na opinião do senador, existe possibilidade de o Brasil passar por desabastecimento de combustíveis. Ele lembra que o governo federal implantou recentemente o Comitê Setorial de Monitoramento do Suprimento Nacional de Combustíveis e Biocombustíveis.

“Proponho a presente Subcomissão de Acompanhamento do Planejamento Setorial de Combustíveis, que terá como objeto acompanhar esse planejamento setorial, enriquecendo o debate público na alçada que compete ao Poder Legislativo, discernindo não apenas medidas de curto e médio prazo visando atender às agonias imediatas, como também contribuir para o diálogo com a sociedade visando um dos nossos maiores imperativos geracionais: a transição energética. Repassar aos nossos filhos uma matriz energética mais limpa do que a que recebemos”, afirma Prates no requerimento.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário