Heresia que salva: Porsche Cayenne completa 20 anos

Há 20 anos a Porsche lançou o Cayenne, seu primeiro SUV; esse modelo ajudou a salvar a marca da falência e a consolidou como competidora no mercado de luxo

porsche cayenne de primeira geracao com um coupe da geracao ataul frente em movimento
O SUV foi importante para salvar a marca da falência (Foto: Porsche | Divulgação)
Por Eduardo Rodrigues
31 de maio de 2022 11:21

A Porsche está comemorando o 20º aniversário do Cayenne, seu primeiro SUV. Quando o modelo foi lançado em 2002, os puristas ficaram revoltados ao ver o emblema da marca em um utilitário. Mas se não fosse por esse modelo, a marca teria falido.

Na época a Porsche era independente e dependia apenas dos esportivos 911 e Boxster para ficar na ativa. O Cayenne nasceu em um projeto conjunto com a Volkswagen, que na época era liderada por Ferdinand Piech.

VEJA TAMBÉM:

Como os SUVs eram veículos com foco no fora-de-estrada na época e os únicos modelo de luxo até então eram o Mercedes-Benz ML e o BMW X5, a Porsche optou por fazer o Cayenne um SUV valente. Ele trazia tração 4×4 com reduzida e suspensão a ar que permitia deixa um grande vão-livre.

E por ser um Porsche, o Cayenne tinha que ser rápido e bom de dirigir. Para isso ele contava com um motor V8 4.5 todo novo e existia a opção de câmbio manual nas versões aspiradas. No topo da gama estava o Cayenne Turbo, com uma versão sobrealimentada desse V8 que rendia 450 cv.

O mercado mostrou que o caminho adotado pela BMW era o mais adequado para esses SUV. O público queria um carro familiar alto mas não fazia questão das capacidades off-road, apenas de uma tração integral para dias chuvosos ou neve.

Por isso a segunda geração do Cayenne perdeu a caixa de transferência com reduzida e passou a usar uma tração integral permanente com acerto mais esportivo. Essa fórmula continua em uso até hoje e são poucos o SUV de luxo que trazem uma tração 4×4 com reduzida.

O SUV foi um sucesso e conseguiu salva a marca da falência. O lançamento seguinte da Porsche, que foi a geração 997 do 911, teve um grande salto de qualidade em relação o modelo anterior. O volume de vendas o Cayenne permitiu que a marca alemã deixasse de ser nichada e virou um competidor forte no mercado de luxo.

Nessa comemoração de 20 anos a Porsche disse que o Cayenne é um sucessor do 959, um esportivo que nasceu para correr em provas de rali. O lendário piloto Walter Rohrl, que era piloto de testes da marca na época, disse que ficou impressionado com as capacidades do SUV em seu primeiro contato com o carro.

Hoje o Cayenne está na terceira geração, com oferta de versão cupê. Sua versão mais forte é a Turbo GT. com 640 cv e desempenho que faz muitos esportivos passarem vergonha. E os alemães parecem estar prontos para mais 20 anos com o SUV.

Andamos no Macan, o segundo SUV da Porsche, confira as impressões:

Fotos: Porsche | Divulgação

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Gustavo André Silva Sales 28 de junho de 2022

Caramba, eis que um SUV salvou uma marca kkkkk
Mais a Porsche tá de parabéns por essa linda jóia q eu sempre achei lindo.

Avatar
Deixe um comentário