Proposta cria política para eliminar venda de diesel comum no Brasil

Nova proposta da Câmara dos Deputados sugere o fim do diesel comum no Brasil, o S500, em prol do combustível com menor teor de enxofre

diesel s10
De acordo com a proposta, apenas o diesel com menos enxofre estará disponível nos postos (Foto: Shutterstock)
Por AutoPapo
23 de março de 2022 09:46
Agência Câmara de Notícias

O Projeto de Lei 302/22 institui uma política para reduzir o uso do diesel comum (S500) no Brasil. Pelo texto, a redução será de 10% ao ano, a partir do segundo ano da lei, até a completa eliminação do combustível. A proposta tramita na Câmara dos Deputados.

Atualmente, os postos vendem dois tipos de óleo diesel: o S500, mais barato e poluente, que possui teor máximo de enxofre de 500 miligramas (mg) por quilo (kg); e o S10, com teor máximo de enxofre de 10 mg/kg, além de um percentual de mistura obrigatória de biodiesel (10% em 2022).

VEJA TAMBÉM:

O autor do projeto, deputado Roberto de Lucena (PODE-SP), afirma que a eliminação do diesel S500 se justifica pelo efeito poluente do combustível, que afeta sobretudo a saúde de crianças e idosos com doenças como asma e pneumonias. Ele diz:

O diesel S10 pode abastecer qualquer tipo de veículo pesado ou leve, sendo apenas um pouco mais caro do que o diesel comum. Entretanto, esta aparente vantagem econômica do S500 desmorona quando avaliamos seus impactos na saúde das pessoas e na natureza”

O projeto estabelece ainda que a redução do uso de diesel S500 será compensada pelo aumento da oferta do S10 combinada com o aumento paulatino da mistura de biodiesel.

Tramitação

A proposta será analisada em caráter conclusivo pelas comissões de Minas e Energia; Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; e Constituição e Justiça e de Cidadania.

O Boris explica a diferença entre o S10 e o S500:

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
2 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Marco Pallini 23 de março de 2022

Carros com motor diesel antigos, com bomba e bicos mecânicos, necessitam da lubricidade que o enxofre do Diesel S500 proporciona, então quando só houver diesel S10, será o fim da linha para esses…

Avatar
Christian 24 de março de 2022

Prezado Marco, há alguns anos isso seria verdade, mas atualmente os 10% de biodiesel no diesel são mais do que suficientes para garantir ao diesel S10 a mesma lubricidade do S500. Inclusive muitos veículos com sistemas mecânicos de injeção utilizam S10 sem problemas relacionados à lubricidade, com a vantagem da melhor partida a frio e menor carbonização dos bicos, entre outras.

Avatar
Deixe um comentário