Citröen já começou a produzir o novo C3 na fábrica de Porto Real

Unidade industrial recebeu investimento milionário para produzir o modelo, que tem lançamento previsto para abril

Novo Citroën C3 será produzido na fábrica de Porto Real, no Rio de Janeiro
Novo Citroën C3 será produzido na fábrica de Porto Real, no Rio de Janeiro (Foto: Stellantis | Divulgação)
Por AutoPapo
17 de março de 2022 20:34

A Citroën finalmente anunciou o início da produção do novo C3 na fábrica de Porto Real (RJ). O hatch tem lançamento previsto para o próximo mês de abril.

O anúncio foi feito durante uma visita de Carlos Tavares, CEO da Stellantis, à fábrica de Porto Real.  O C3 é o primeiro de uma família de três veículos projetada para os consumidores do Brasil e demais países da América do Sul e está previsto para chegar ao mercado ainda no primeiro semestre de 2022.

VEJA TAMBÉM:

O hatch foi desenvolvido na região, mas colaboradores da Argentina, França e outros países também ajudaram na criação e aperfeiçoamento do projeto.

Para atender o mercado, que tem exigido veículos mais elevados, como os SUVs por exemplo, a nova geração do Citröen C3 tem uma altura em relação ao solo considerável, o que dá uma posição mais alta para o motorista. Além disso, o espaço interno se destaca em seu segmento.

Antonio Filosa, presidente da Stellantis na América do Sul, ficou orgulhoso com o resultado e acredita que o C3 será responsável pelo início de um grande crescimento da Citröen na América do Sul.

“O Novo Citroën C3 é um grande orgulho para as nossas equipes da América do Sul, que tiveram um enorme protagonismo na concepção e no desenvolvimento deste veículo global e o fizeram com maestria. Ele é um dos mais importantes lançamentos dentro da nossa estratégia na região e já contou com o suporte decorrente das sinergias promovidas pela Stellantis, como nossos laboratórios e campos de provas. Tenho certeza de que o Novo C3 vai acelerar o crescimento da Citroën na América do Sul”.

Citröen C3 inaugura plataforma CMP no Brasil

A nova geração do hatch não foi o único destaque do dia.  Com ele, foi inaugurada também uma variante da plataforma CMP (Common Modular Platform – Plataforma Modular Comum, em tradução livre). Essa estrutura possui uma grande flexibilidade e pode ser usada em veículos de categoria B e C. Além disso, O Citröen C3 é o primeiro veículo da Stellantis produzido no Brasil que utiliza essa plataforma.

Para receber a nova estrutura, a fábrica de Porto Real precisou de adaptações e recebeu grande transformação industrial e tecnológica, com investimento que chegou à bagatela dos R$ 220 milhões.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário