Chefão da Toyota tem um Suzuki Jimny em sua coleção

Com uma garagem eclética, executivo tem dois carros feitos para acelerar, além de um jipinho, um SUV de luxo, um híbrido sensato e uma scooter

akio toyota colecao de carros suzuki jimny toyota gr corolla yamaha vino iq lexus lbx century suv grmn
Akio Toyoda diz que comprou todos os carros em concessionárias (Foto: YouTube | Reprodução)
Por Eduardo Rodrigues
Publicado em 30/01/2024 às 11h02
Atualizado em 30/01/2024 às 13h04

Em uma era de SUVs gigantes e cheios de eletrônica, o porque pequeno e a simplicidade do Suzuki Jimny cativa os entusiastas de trilhas — fora o desenho simpático da nova geração. Um dos fãs desse jipinho é Akio Toyoda, o atual CEO da Toyota.

Para quem não conhece o histórico do executivo, ele é piloto nas horas vagas, usando o pseudônimo de Morizo, e responsável pela atual leva de esportivos da marca. Durante o Tokyo Auto Salon, evento focado em peças de preparação, Akio Toyoda levou parte de sua coleção pessoal.

VEJA TAMBÉM:

Por ser o SEO da Toyota, era de se esperar apenas os veículos da empresa, mas no meio dos carros havia um Suzuki Jimny. E nem se trata de uma das versões mais caras, com motor 1.5, é a versão kei com motor de 660 cm³.

Quando a nova geração do Jimny foi lançada, longas filas de espera foram formadas por todo o mundo. Akio Toyoda acabou pedindo a ajuda do CEO da Suzuki, que conseguiu um usado da frota interna.

suzuki jimny xc modelo japones azul frente
No Japão existe uma versão com pneus mais estreitos e motor 3 cilindros turbo de 660 cm³ (Foto: Suzuki | Divulgação)

No Japão existe essa versão do Suzuki Jimny que se enquadra na legislação de kei cars. Ele não traz os alargadores de para-lamas e o motor é um três cilindros em linha turbo de 660 cm³, que rende 64 cv.

Apesar do motor pequeno, o Suzuki Jimny nessa especificação é tão valente quanto o irmão mais potente vendido no Brasil. A tração é 4×4 com reduzida, a suspensão utiliza eixo rígido na dianteira e na traseira, o chassi é o mesmo das outras versões e o câmbio é manual de cinco marchas.

Como o peso é de apenas 1.030 kg, menor que alguns carros 1.0 brasileiros, o desempenho fica dentro do esperado para um kei car.

Os outros carros do SEO da Toyota

suzuki jimny xl japones azul traseira
Apesar de ter motor e rodas menores, todo o resto do conjunto é o mesmo das outras versões, incluindo a valentia (Foto: Suzuki | Divulgação)

O Suzuki Jimny não foi o único veículo que não era da Toyota que foi levado por Morizo ao evento. Em um canto estava a scooter Yamaha Vino, que possui visual retrô e foi personalizada com adesivos.

Akio Toyoda explica que queria uma Vespa, porém essas scooters são caras. Ele foi a uma concessionária Yamaha ver uma scooter para levar logo e usar no trânsito, a Vino chamou sua atenção.

No dia que fechou compra, os pneus estavam velhos e havia um dano no para-lama. Na coletiva de imprensa Toyoda conta que no dia que foi buscar a scooter, e após dar seu nome na papelada de compras, ela estava nova.

Os outros veículos são da Toyota mesmo: o novo Century SUV na versão GRMN, um iQ modificado, um GR Corolla e o novo Lexus LBX. Que Morizo garante que foram todos comprados em concessionárias.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Brendan Meyer 6 de fevereiro de 2024

É uma atitude respeitosa, íntegra e respeito aos outros, AÇÃO QUE NÃO SE VÊ EM CENTENAS DE MARCAS.
Boa parte se traduz aos seus produtos.
Este comportamento demonstra NÃO AGREDIR OUTRAS MARCAS e procurar melhorias contínuas e sacrifícios ainda que seja da sua própria empresa.
Nunca li outros GRANDES CEOs pedindo desculpas mundialmente. NUNCA!!!!. Somente da TOYOTA .

INCLUSIVE FOI DO PRÓPRIO DONO!!!!

Avatar
Deixe um comentário