Tesla Cybertruck pode não ter airbags, entenda o motivo

A carroceria com alta rigidez da Tesla Cybertruck e uma brecha ma legislação podem ser justificativa para falta do equipamento de segurança

tesla cybertruck conceito frente parado em deserto
Versão de produção manterá o desenho feito apenas com linhas retas, mas adiciona retrovisores e limpador de para-brisa (Foto: Tesla | Divulgação)
Por Eduardo Rodrigues
Publicado em 06/01/2023 às 16h33

A Tesla apresentou sua caminhonete Cybertruck em 2019, mas o lançamento vem sendo adiado frequentemente. A previsão atual é de que seja até o final de 2023. Nesse tempo vão aparecendo novas informações sobre o modelo, incluindo as promessas malucas de Elon Musk como a capacidade de ser um barco.

O site Recharged apareceu com uma informação bastante diferente do usual: a Tesla Cybertruck não terá airbags. O motivo para isso é a alta rigidez da carroceria, que fará a caminhonete ser indestrutível.

VEJA TAMBÉM:

Segundo o site da Tesla, a carroceria é feita com um exoesqueleto de aço inoxidável ultraduro laminado a frio 30 vezes. Os painéis de carroceria, como os para-lamas, tem função estrutural. Com isso, o carro é sólido como um cofre, além de ser resistente a arranhões e corrosão.

tesla cybertruck conceito interior visto de lado
O conceito não tem airbags

Mas aí entra um problema que a Tesla ainda não explicou: a Cybertruck tem zonas de deformação programada? Elas são feitas para absorver os impactos e, assim, não transmiti-lo para os ocupantes. Um carro com um “exoesqueleto ultraduro” aparenta que não poderá amassar.

Essa é a justificativa para o carro não ter airbags, já que a rigidez e os cintos de segurança serão suficiente. Mas se não amassar, a energia do impacto precisa ir para algum lugar. Esse lugar costuma ser os ocupantes, como acontecia com os carros antigos pesados.

Outro perigo dessa promessa de ser indestrutível é para os outros carros. A pesada picape que não deforma pode causar danos ainda maiores quando se envolver em um acidente, aumentando o risco de fatalidade.

Mesmo os carros mais seguros de hoje precisam ter airbags. os carros de corrida que dispensam o dispositivo costumam trazer uma gaiola de proteção, os pilotos usam capacete e são presos por cintos de seis pontos.

A legislação dos EUA permite que a Cybertruck não tenha airbags

tesla cybertruck traseira em movimento deserto
Peso elevado faz que a picape seja classificada como caminhão

Apesar de ser obrigatório em todos os carros novos desde 1994, os airbags dianteiros não são exigência para caminhões com peso bruto total acima de 3.856 kg segundo a legislação dos EUA. Essa categoria inclui veículos do porte de Ford F-250, Ram 2500 e Chevrolet Silverado 2500, que também não precisam passar por crash-tests.

O porte da Tesla Cybertruck é o mesmo dessas caminhonetes e o peso também deverá ser próxima — ainda mais se for levar em conta o peso desse aço endurecido e o das baterias. As concorrentes feitas pelos fabricantes tradicionais trazem os airbags mesmo não sendo obrigatório.

Como a Tesla ainda não divulgou fotos da versão de produção da Cybertruck, não sabemos ainda se essa especulação de não ter airbags é real. A picape já foi flagrada usando rodas diferentes do conceito e trazendo retrovisores e limpador de para-brisa, os airbags podem estar nessa lista de itens adicionados durante o projeto.

Fotos: Tesla | Divulgação

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário