Toyota vai produzir Hilux híbrida (a diesel e elétrica) na Argentina

Fabricante já desenvolve a nova geração da caminhonete, cuja produção está confirmada em Zárate, no país vizinho

Por AutoPapo 03/08/21 às 20h34
nova hilux 2021 10
Atual geração de Hilux e SW4 é a última sem tecnologia híbrida (Foto: Toyota | Divulgação)

A Toyota parece mesmo decidida a oferecer propulsão híbrida para todos os produtos, tanto que nem a Hilux ficará de fora: o presidente da empresa na Argentina, Daniel Herrero, confirmou até a produção da picape por lá, na fábrica de Zárate. O desenvolvimento, inclusive, já começou.

VEJA TAMBÉM:

De acordo com informações do site Argentina Autoblog, a Toyota Hilux híbrida mesclará motores a diesel e elétricos. Para isso, a fabricante japonesa desenvolve uma nova linha de propulsores a combustão: um 2.5 de quatro cilindros e um 3.5 V6. Essa arquitetura mecânica será global e equipará diferentes veículos utilitários da marca.

Toyota Hilux híbrida ainda demora alguns anos

Todavia, o lançamento da Toyota Hilux híbrida ainda deve demorar alguns anos. A estreia só ocorrerá junto com a nova geração da picape, prevista para 2025 ou 2026.

Antes disso, porém, a nova mecânica formada por motores elétricos e a diesel estreará na próxima geração do SUV Land Cruiser Prado, já em 2023. Outros modelos, como a van Hiace e as caminhonetes Tacoma e Tundra, receberão esse conjunto até 2030.

A Toyota afirma que esse novo sistema híbrido permitirá que os veículos atendam a exigentes regulamentações de emissões ambientais, mas sem perder as características dos utilitários a diesel, como alto torque e grande autonomia. A atual geração de Hilux e SW4 é a última movida unicamente por motores a combustão.

0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário