Confira 4 carros que marcaram o mercado automotivo em 2023

Saiba por que o BYD Dolphin, o VW Polo Track, o Haval H6 e o Ram Rampage foram os 4 carros que fizeram a diferença em 2023

gwm haval h6 gt azul escuro frente em autodromo
O Haval H6 foi uma grata surpresa ao combinar motorização potente e eficiente (Foto: GWM | Divulgação)
Por Sergio Quintanilha
Publicado em 30/12/2023 às 09h03

O ano de 2023 teve muitos lançamentos e novidades, porém 4 carros marcaram a temporada. Seja por se transformar em best-seller, por trazer novas tecnologias ou por revolucionar o mercado, 2023 não teria a mesma história sem eles.

VEJA TAMBÉM:

1. BYD Dolphin

byd dolphin na rua 12
BYD Dolphin chegou com proposta agressiva que obrigou concorrentes reduzirem os preços de seus produtos (Foto: BYD | Divulgação)

O Golfinho chinês BYD Dolphin foi seguramente o carro que mais balançou o mercado automotivo em 2023. Ao estrear abaixo de R$ 150 mil, com porte, tecnologia e conteúdo muito superiores aos carros elétricos mais baratos do momento, o BYD Dolphin provou que os consumidores estavam ávidos por carros zero emissão; não compravam porque eram caríssimos.

O BYD Dolphin foi sucesso de crítica e de público, corrigiu o irritante barulho que fazia ao rodar, fez os carros elétricos desabarem de preço, passou a concorrer diretamente com veículos a combustão fabricados no Brasil e deixou a Anfavea apavorada. A entidade que representa as montadoras tradicionais correu pedir ajuda do governo e a partir de janeiro o Dolphin será taxado em 10%, subindo para 18% em julho.

O Dolphin também ganhou novas versões, com mais potência e bateria de maior alcance, teve confirmada sua produção nacional na Bahia e vai emprestar o nome para o próximo elétrico barato da BYD, o Seagull, que no Brasil vai se chamar Dolphin Mini.

2. Volkswagen Polo Track e os carros destaque em 2023

Volkswagen Polo Track
O Polo Track se tornou o carro de entrada da VW e ocupou lugar do Gol (Foto: Volkswagen | Divulgação)

O substituto do lendário Gol colocou a Volkswagen novamente na briga pela liderança do mercado de automóveis de passeio. Fabricado numa plataforma simplificada do VW Polo, o Polo Track fez uma dobradinha incrível com o Novo Polo, vencendo a corrida de vendas em alguns meses e até ameaçando o título de campeão nacional de vendas do Fiat Strada.

O Polo Track é um carro muito bem resolvido, bom de guiar, com suspensão robusta e excelente adequação aos difíceis pisos das ruas e estradas brasileiras. Inicialmente chegou sem multimídia, focado apenas em frotistas; depois, ganhou a opção de multimídia e liderou as vendas dos hatches, que voltaram a crescer no mercado brasileiro.

3. GWM Haval H6

carros 2023
Haval H6 combinou preço, potência e muito conteúdo (Foto: GWM | Divulgação)

Assim como o BYD Dolphin no segmento de elétricos, o chinês Haval H6, da GWM, balançou o mercado de carros, com duas opções muito competitivas em preço. Pela primeira vez o mesmo carro foi oferecido com o sistema híbrido full (HEV), que não precisa carregar na tomada, e com o sistema híbrido plug-in (PHEV), que permite rodar no modo 100% elétrico durante vários quilômetros.

Com essa fórmula vencedora, ótimo porte, muito conforto, equipamentos de alto nível e design agradável, o Haval H6 desbancou nada menos do que o Toyota Corolla Cross Hybrid, que parecia imbatível. E olha que o Haval H6 não é exatamente um primor no comportamento dinâmico. O SUV híbrido da GWM também motivou a Anfavea a pedir socorro ao governo.

Por isso, a partir de janeiro, o Haval H6 pagará 12% de imposto nas duas configurações. Em julho, o imposto de importação do Haval H6 HEV subirá para 25% e o do Havbal H6 PHEV será de 20%. Por isso, a GWM Brasil mudou sua estratégia de industrialização e o Haval H6 será o primeiro carro produzido em Iracemápolis, SP.

4. Ram Rampage

carros 2023
Rampage estreou no embalo das picapes intermediárias e tem como destaque o motor 2.0 de 270 cv (Foto: Ram | Divulgação)

O quarto carro da lista é uma picape, a Rampage, primeiro veículo da Ram produzido no Brasil. A picape estreou com recordes de venda, superando modelos tradicionais como o Chevrolet S10 e o Ford Ranger, além do renovado Chevrolet Montana.

O Ram Rampage é a variação da melhor ideia da década passada (Fiat Toro). Usando a mesma plataforma da picape Toro, a Rampage é maior a partir da coluna B, tem um porte mais elevado e supera em tamanho e equipamentos a ótima Maverick, da Ford.

Com três versões muito diferentes (off-road, estradeira e esportiva), a Rampage surfa na onda do status conquistado pelas superpicapes Ram 1500/2500/3500, entrega ótima dirigibilidade, devido à sua caroceria monobloco, tem potência superior e acelera como um bom carro esportivo. É mais uma prova da ousadia e agilidade da Stellantis na tomada de decisões.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
SOBRE
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário